17 de nov. de 2020

Mulheres continuarão sendo apenas 12% na Câmara de Vereadores de Bacabal

Das 217 pessoas que se candidataram a uma vaga no poder legislativo bacabalense, 79 são mulheres, o que corresponde a 36%, percentual que cai vertiginosamente quando olhamos a lista com todos os 17 eleitos.


Na próxima legislatura o gênero feminino continuará representado por apenas 12% do total de vereadores, sendo que nada mudou também em relação aos nomes. Natália Duda, do MDB, foi reeleita com 1.143 votos, e Regilda Santos, do PL, renovou o mandato por mais quatro anos obtendo 778.


Depois delas as mais bem avaliadas pelo eleitorado foram: Elizabeth da Colônia, do Republicanos, com 721; Patrícia Teles, do MDB, com 560; Professora Margarida, do PDT, com 487; Dra. Erica  Michelle, do Solidariedade, com 486; Ângela, do PROS, com 323; Geanne dos Garapas, do Solariedade, com 245; e Solaneide Rezende, do PL, com 243.


A curiosidade entre as mulheres ficou por conta de Márcia Raquel, do Patriota, e Janaína, do PSDB. A primeira só obteve 1 voto, possivelmente o dela, a segunda nem isso.