4/17/2020

Bacabal chega aos cem anos em isolamento social e comemoração é feita em solenidade com poucas pessoas

Da Assecom

O Município de Bacabal completa nesta sexta-feira, 17 de abril, cem anos de emancipação política. Não vai haver festa para que sejam evitadas aglomerações. Na manhã  de hoje foi realizada uma cerimônia oficial em frente ao prédio da Prefeitura.

O prefeito Edvan Brandão desde o ano passado esteve planejando com sua equipe de governo uma grandiosa festa para comemorar o centenário de Bacabal. Porém, devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus (Covid- 19) e com o isolamento social imposto  como medida de prevenção,  a solenidade oficial foi realizada de forma modesta, sem a presença do público, mas, com muita serenidade e emoção.

A primeira providência foi a determinação do Prefeito Edvan para que todos os secretários municipais, secretários adjuntos e diretores ficassem em casa. Ivane Ramos, secretária adjunta de Administração explicou: “O Prefeito Edvan Brandão nos incumbiu de evitarmos aglomeração. Dessa forma não foram expedidos convites  e contactamos com todos os secretários para que não comparecessem no evento.

Providenciamos para que a solenidade tivesse transmissão em tempo real pela televisão e através das redes sociais.. Somente os vereadores foram convidados, e a disposição deles no evento foi pensada tendo como prioridade a distância física entre eles. Todos foram convidados, alguns não puderam comparecer “.

Solenidade do centenário foi rápida, mas significativa
O prefeito Edvan Brandão chegou acompanhado da vice-prefeita Graciete Lisboa. O tradicional hasteamento de bandeiras  foi realizado pelo prefeito Edvan Brandão, acompanhado pelo presidente da Câmara Municipal, vereador Manuel da Concórdia e pelo Comandante do 15º BPM, Tenente Coronel Jerryslando Duarte. Ao som da Banda Santa Cecília o momento cívico foi emblemático.

Profissionais da imprensa ocuparam o espaço que normalmente serviria para instalação de palco e cadeiras em  uma solenidade comum. O trabalho da imprensa foi fundamental para que os bacabalenses assistissem pelas emissoras locais de TV e pelas redes sociais, as homenagens, a benção proferida pelo padre Lauro Henrique e pelo pastor Edson Bispo e o belíssimo louvor cantado por Letícia Rhavena.

Os pronunciamentos também foram poucos. Apenas o vereador Manuel da Concórdia, presidente da Câmara e o prefeito Edvan Brandão discursaram. Concórdia, apontou como corretas as medidas adotas pelo prefeito Edvan Brandão de prevenção à Covid- 19. E aproveitou para deixar sua mensagem de parabéns pelo centenário. 

“Quero parabenizar minha cidade apesar de tudo que estamos passando, em nome de todos os vereadores e todos os bacabalenses,” disse o vereador.Em seu pronunciamento, Edvan Brandão mencionou os médicos Dr. Luís Ribeiro e Dra. Yvanna  Carvalhal ao parabenizar e agradecer a todos os profissionais de saúde que estão na guerra contra o novo coronavírus.  Também citou o suplente de vereador Dedê e a senhora Maria de Fátima Sousa, ambos moradores do Bairro Trizidela e que representaram todos os ribeirinhos bacabalenses que foram atingidos pela cheia do Rio Mearim e são exemplos de garra e determinação nesse momento de crise.
“Bacabal está passando por momentos de luta. Momentos difíceis mas eu tenho certeza no Deus que nós servimos, que iremos sair e vencer todos os obstáculos que Bacabal está enfrentando. Vamos erguer as nossas cabeças! Que as famílias bacabalenses continuem na esperança de dias melhores.

Parabéns Bacabal pelo seu centenário. Me sinto honrado como gestor desta cidade e continuo dizendo que irei continuar trabalhando para fazer uma cidade melhor para todos nós,” garantiu o prefeito Edvan Brandão.