Blog do Sérgio Matias

Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. (Mateus 7:15)

06/02/2019

SAMBA DA MINHA TERRA! Prefeitura de Bacabal se nega a interditar rua para evento cultural, depois volta atrás devido a protestos

Se tem uma coisa que o prefeito Edvan Brandão tem feito bastante em sua gestão é torrar dinheiro com festas e bandas famosas. Foi assim desde o início quando gastou uma boa grana contratando o cantor Jonas Esticado para comemorar sua vitória na eleição suplementar.

Recentemente, mandou asfaltar a rua Teixeira de Freitas, no centro, para que a namorada do filho fizesse um show com outro artista famoso, Wyllys Gomes. A área foi limpa por garis e interditada horas antes para colocação de palco e montagem de som.

Porém, na noite desta terça-feira (5) a população bacabalense, sobretudo os amantes do samba, foram surpreendidos com um post do promotor de eventos Manoel Cantanhede, o Masa Pagodinho, em tom de desabafo.

“A cada dia que passa mais eu me envergonho com algumas pessoas que se encontram no poder municipal. Nós gostamos de fazer e curtir samba, e o que queríamos era o apoio e ajuda daqueles que fazem parte do poder municipal, e não complicar as coisas...”.

O sambista bacabalense se refere ao “II Encontro do Samba” que reunirá, em frente ao Bar do Luizão, na entrada do Centro Cultural, vários artistas do gênero de nossa cidade e da região.

“Foi solicitado pelos organizadores a liberação da rua para se colocar cavaletes para a maior segurança aos simpatizantes. Mas, acreditem, o responsável pela liberação proibiu. Se fosse para uma banda de forró, cantores sertanejos, a rua seria totalmente fechada. Incrível”, desabafou.

No Final do texto Masa Pagodinho diz ter compreendido a razão para o impedimento. “Achei o problema. Dinheiro. Não ofereceram dinheiro, não tem cavalete. Boa noite!”.

Logo a notícia se espalhou em grupos de WhatsApp seguida de muitos protestos.

Só então, mas uma vez diante da pressão popular, a Prefeitura de Bacabal resolveu informar aos organizadores que a permissão para a colocação dos cavaletes seria concedida.

O encontro está confirmado para esta quinta-feira (7) e a gente se encontra lá, pois como diz Dorival Caymmi na composição Samba da Minha Terra, "Quem não gosta de samba bom sujeito não é. É ruim da cabeça ou doente do pé".