últimas Notícia

banner-DO-ESTADO-2019.jpg

10/02/2019

CARNE DE GALO: Depois da pressão, prefeito amolece e anuncia que desistiu das pontes de madeira

Como parte da estratégia de marketing para salvar a imagem da gestão Edvan Brandão está sendo feito de tudo, nada convincente até aqui.

A primeira tentativa fracassou ao fazer o prefeito parecer um homem simples - coisa que de fato ele até foi, mas antes de pegar o gosto pelo poder e, principalmente, pelo dinheiro fácil que o cargo proporciona.


Também por iniciativa da equipe contratada por R$ 1,5 milhão Edvan todas as vezes que concede alguma entrevista é intimado a citar: “Tenho orgulho de ser bacabalense”, que até cairia bem se ele, como filho nato, não fosse tão ingrato ao ponto de fazer da sua terra mãe esse tormento que é atualmente, entregue ao descaso, envolta em suspeitas de corrupção.
A jogada mais recente para tentar baixar a taxa de reprovação do governo foi tirar o prefeito do conforto de sua fazenda, na zona rural, onde vive confinado para evitar cobranças de fornecedores, de servidores com salários em atraso outros demitidos, e, ainda, dos débitos de campanha.

Para ser filmado, Edvan foi levado nesta quinta-feira (7) ao seu gabinete na sede da prefeitura com a vice de enfeite Graciete Lisboa a tiracolo, mas antes passeou por algumas salas dando a entender que aquilo é algo corriqueiro, na verdade, não é. Vez ou outra quando necessita assinar algum papel ou entregar portarias, por exemplo, isso sempre é feito no escritório particular do controlador oficioso Dr. Emílio Carvalho que na prática manda mais na administração do que o próprio prefeito.
Na gravação que pode ser assistida abaixo o prefeito anunciou uma boa-nova. Depois da avalanche de críticas da população, ele desistiu das pontes feitas de madeira que tanto se orgulhava e as fará de concreto a partir de agora, como dever ser.
Ponto positivo pra o município e para os moradores que não se submetem a assistirem calados a falta de zelo com a coisa pública e os desmandos dessa gestão fadada ao fracasso.
banner-DO-ESTADO-2019.jpg