Informa Maranhão

Contato: (99) 98857-2669 - WhatsApp

CORONA

8 de fev. de 2022

REI DA MACONHA: Preso acusado de anunciar nas redes sociais a chegada e qualidade da droga comercializada

Em ação direta contra a criminalidade, a Polícia Civil do Maranhão por meio das delegacias de Santa Luzia do Paruá, Maracaçumé e Governador Nunes Freire, prendeu nesta última quinta-feira (4), um acusado de divulgar entorpecentes pelas redes sociais. Ao topo foram presas 03 pessoas.

A ação da Polícia Civil culminou com as prisões no município de Santa Luzia do Paruá, onde foram dados 03 cumprimentos de Mandados de Busca e Apreensão domiciliares, destes resultou na prisão de três homens pelo crime de tráfico de drogas. As prisões ocasionadas em endereços diferentes, sendo apreendidos 35 cabeças de crack, além de outras pedras grandes e duas porções de maconha.

Numa das residências, também foram apreendidas duas balanças de precisão para realizar as pesagens dos entorpecentes, uma espingarda do tipo “bate-bucha”, oito aparelhos celulares e uma quantia em dinheiro de R$ 1.700 reais.

O Rei da Maconha
Nestas prisões, se destaca que um dos criminosos é reconhecido no sub-mundo do crime, como “O Rei da Maconha”. Segundo informes, ele era conhecido por anunciar através de suas redes sociais, “a chegada e a qualidade de suas drogas”.

Ao ser preso chegou o acusado a debochar, “afirmando que iria apenas passar uma temporada em um hotel em Zé Doca e comer por conta do governo, em referência ao endereço da unidade prisional.

Os presos foram autuados pelos crimes de tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo e conduzidos para o presídio de referência de Zé Doca, onde permanecerão à disposição da Justiça.

Fonte: Ascom SSP