Blog do Sérgio Matias

Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. (Mateus 7:15)

06/08/2019

O PAN É AQUI! Secretário filho do prefeito de Bacabal pretende gastar mais de meio milhão de reais com material esportivo; só bolas são 3.740

Para que a administração pública possa realizar a aquisição de bens ou a contratação de obra ou serviço, é necessário que siga um rito processual que pode ser por dispensa de licitação, inexigibilidade ou mesmo por uma das modalidades licitatórias, tais como: Carta-convite, Tomada de Preço, Concorrência ou Pregão, essa última utilizada pela Prefeitura de Bacabal, através da Secretaria de Administração, para a tomado do menor preço por item, tendo por objeto a contratação de empresa para o fornecimento de material esportivo.

Conforme a Comissão Permanente de Licitação (CPL), a sessão do Certame Licitatório foi realizada no último dia 17 de julho, na sala de reuniões da prefeitura, e a empresa SANTOS COMERCIO EIRELI, CNPJ n.º 31.032.454/0001-78, sediada na Av. Jeronimo de Albuquerque, n.º 25, Sala 1007, Torre Bhayde, Edif. Pátio Jardins, São Luís/MA, representada por seu Proprietário ANTÔNIO ALVES DOS SANTOS, teve registrados preços por itens especificados no Edital do PREGÃO PRESENCIAL n.º 015/2019-SRP, que, de acordo com o ANEXO I, a administração Edvan Brandão pretende comprar 3.740 bolas.
Para futebol de campo seriam 360, mesma quantidade para o Futsal. Modalidades esportivas pouco ou não praticadas nas competições esportivas realizadas pelo município também constam na lista, é o caso do Basquete (60 bolas) e Handebol (180 bolas).

120 bolas tipo dente de leite também estão entre os itens pretendidos. Há ainda bolas para Beach Soccer, Tênis de Mesa e Vôlei, além de 120 bolas de borrachas que pela relação não é possível identificar para qual modalidade serviriam, mas o blog apurou que são usadas em exercícios de fortalecimento dos músculos da mão, estimular a circulação sanguínea e realizar massagens em diferentes regiões do corpo. 

Só com bolas a secretaria comandada por Davi Brandão, filho do prefeito, gastaria R$ 134.354,00. Porém, em um rápido levantamento o Blog do Sérgio Matias constatou uma série de outros itens, 46 no total. Podemos citar como exemplos: 200 pares de chuteiras (R$ 21.800,00); 150 equipagens completas (R$ 110.850,00); 1200 coletes para treinos (R$ 13.200,00); 6000 medalhas de metal (R$ 16.800,00).

Não perca as contas.

60 redes para vôlei (R$ 6.120,00); 60 pares de rede para trave de futebol de campo (R$ 16.800,00); 60 pares de rede para trave de futsal (R$ 12.300,000).

Com 225 troféus em metal dourado serão gastos mais R$ 52.125,00.

Se você ainda estiver disposto a se deparar com tantos números, tome um copo d’água, recarregue a bateria da calculadora e veja abaixo a relação completa de material esportivo que a Prefeitura de Bacabal estima adquirir pelos próximos 12 meses.