Blog do Sérgio Matias

"Prefiro os que me criticam, porque me corrigem, aos que me elogiam, porque me corrompem" (Santo Agostinho)

25/07/2019

Abandono do Mercado Central de Bacabal prejudica vendas e oferece risco à saúde da população

Entrada do mercado é tomada por urubus e carniças.
O Mercado Central de Bacabal é mais um retrato do descaso administrativo que o município vive. A situação que os moradores convivem pelas ruas e avenidas dividindo espaço com lixo, esgoto à céu aberto, cachorros e urubus, é praticamente a mesma em toda a área que circunda o logradouro público.

No local se concentra uma boa parte do comércio, incluindo lojas, depósitos e armazéns, além, é claro, bancas de verduras e frutas, boxes de magarefes,  peixeiros, barracas de roupas e calçados, e o espaço para a venda de refeições.

Há problemas ainda nos sistemas elétrico e hidráulico, como também nos banheiros que se agravam com a falta de zeladores e vigias demitidos pelo prefeito Edvan Brandão (PSC) após as eleições, assim como outras centenas de servidores, a maioria até hoje sem receber seus vencimentos.

A Vigilância Sanitária se alguma vez passou por lá, foi tapando o nariz e vedando os olhos.

Moradores têm cada vez mais buscado outras alternativas e evitado o ir ao mercado. O prejuízo nas vendas é inevitável. Alguns dos comerciantes já até abriram mão de trabalhar no local justamente por essa falta de condições minimas de higiene e zelo.