Blog do Sérgio Matias

Sob a direção de um forte general, não haverá jamais soldados fracos. (Sócrates).

13/12/2018

'Arranjo' da Prefeitura de Bacabal vira hábitat perfeito para o mosquito da dengue

A prefeitura conseguiu a façanha de piorar o que já era desagradável. 
Essa é mais uma da série "Bacabal Sem Rumo Certo" e escancara a falta de preparo do grupo político que administra o município.

As falhas são incontáveis e a cada dia surgem mais. Umas são por pura malandragem, esperteza, mas também tem aquelas que acontecem em circunstâncias do improviso e falta de zelo com a coisa pública, a exemplo desse arranjo (não se pode chamar de obra) feito recentemente na entrada do Centro Cultural, mais precisamente em frente ao posto de combustível Ipê.

Os concretos, conhecidos como gelo baiano, usados há anos para dividir as duas avenidas. foram substituídos por tijolos com cimento e areia, que, além de já estarem apresentando rachaduras, acabaram transformando o local em um potencial ambiente para o mosquito da dengue depositar seus ovos na água que se acumula com o lixo depois das chuvas.
Imagem de como era o local com os gelos baianos. Não era agradável, mas agora ficou pior.
Esse cartão postal da gestão à quatro mãos de Edvan Brandão (PSC) é um perigo à saúde da população.

"Ao Deus dará"

Mas isso não é tudo, quem dera que fosse. Por toda a cidade tem situações vexatórias onde a própria população, já descrente do novo prefeito, é quem está tapando buracos, cimentando sarjetas, limpando galerias de esgotos e bueiros e, até, construindo quebra-molas improvisados.

Tudo está nas redes sociais e não adianta tentar tapar o sol com a peneira e muito menos atribuir culpa a setores da imprensa.
Oh! Seu Edvan

Na rua São José, no bairro Coelho Dias, um morador aproveita que outro filma com o celular o serviço para mandar um recado para o prefeito de Bacabal. "Oh! Seu Edvan, nós estamos tomando o seu serviço é porque você não faz. Nós com a comunidade resolvemos fazer em regime de mutirão senão o asfalto vai embora", disse.

Assista abaixo.