Sem salário, sem sorriso e sem presente

12/10/2018

Assim tem sido o Dia das Crianças, pelo menos para os filhos de parte dos servidores públicos municipais contratados a véspera da campanha eleitoral, com carga horária tripla.

Pela manhã prestando seus relevantes serviços nas repartições da Prefeitura de Bacabal, à tarde sob sol escaldante fazendo caminhadas acompanhando o gestor interino Edvan Brandão (PSC) em sua campanha a prefeito, à noite indo para os comícios correndo risco de serem assaltados nas ruas escuras da cidade.

Apesar de tudo isso, não tiveram até agora a felicidade de ver seus salários em conta e, inclusive, ameaçam paralisar suas atividades. Nem as constantes ameaças de demissão têm feito os mesmos desistirem da ideia, que, deixam claro, é um ato extremo em razão da falta de consideração da gestão municipal.

Há uma promessa por parte de Edvan Brandão que esses vencimentos estejam nas respectivas contas até o final desse feriado. Caso mais essa promessa não se cumpra, a paralisação deverá se concretizará na próxima semana.

Leia também

Next
Faça seu comentário

0 comentários: