ELEIÇÃO SUPLEMENTAR: Respirando por aparelhos oligarquia Sarney teme ser derrotada em Bacabal

09/10/2018
Se nos demais 216 municípios do Maranhão a briga entre a oligarquia Sarney e Flávio Dino (PCdoB) acabou com a reeleição do governador ainda no primeiro turno, em Bacabal, particularmente, ainda resta um último round.

Como por determinação do Tribunal Superior Eleitoral os seus eleitores terão que retornar às suas seções no próximo dia 28 de outubro para, além de votar no segundo turno para presidente, também escolher novos prefeito e vice-prefeito em eleição suplementar, as duas principais forças políticas do estado travarão outro embate nas urnas.

O clã Sarney, que nestas eleições sofreu derrota humilhante não conseguindo eleger ou reeleger nenhum dos seus figurões, tenta se manter vivo por aparelhos apoiando a candidatura do gestor interino Edvan Brandão (PSC). Ele chegou a garantir em palanque que “se dependesse de Bacabal Roseana Sarney já poderia se preparar para governar mais quatro anos”, dando a entenda que o grupo da prefeitura daria para a filha do ex-presidente a maioria de votos no município.

No entanto, a voz das urnas disse algo completamente diferente. Flávio Dino teve vitória expressiva, mais do que o dobro da candidata do gestor interino e do grupo João Alberto.

Candidato do governador

Dino tem César Brito (PPS) como nome na disputa local.

O vereador é do grupo Zé Vieira e tem como vice Florêncio Neto (PHS), filho do deputado estadual reeleito Carlinhos Florêncio (PCdoB).

César, inclusive, fará nesta terça-feira (09), às 16h30, um adesivaço na praça da Bíblia (antiga Cleomenes Falcão). O evento é ponto de partida da nova fase da campanha municipal, mais intensa agora depois do primeiro turno das eleições gerais.

LEIA TAMBÉM:

Candidatos mais votados em Bacabal após 100% das urnas apuradas

Flávio Dino é reeleito governador do Maranhão

VOTAÇÃO EM BACABAL: Roberto Costa admite decepção e diz que atrapalharam seus planos

Coronel Egídio desmente bravata publicada por Edvan Brandão no Instagram

Leia também

Next
Faça seu comentário

0 comentários: