ÁUDIO BOMBA! Coordenadora do CREAS aparece em gravação coagindo servidores a participarem de evento da campanha de Edvan Brandão

17/10/2018

Há dias e dias o Blog do Sérgio Matias denuncia que os servidores contratados da Prefeitura de Bacabal estão sendo coagidos a participarem dos eventos de campanha do gestor interino Edvan Brandão (PSC), candidato a prefeito do grupo João Alberto e do Clã Sarney.

A prática, além de ilegal, sobrecarrega esses trabalhadores e trabalhadoras, boa parte, com salários atrasados. A carga horária é tripla, começa às 8 horas da manhã prestando serviço em suas respectivas repartições, se estende pela parte da tarde acompanhando o gestor interino em caminhadas sob sol ardente, e  vai até por volta das 22 horas batendo palmas em comícios.

Como também já foi aqui denunciado, quem se recusa é sumariamente demitido, ou seja, é “calo no pé” ou “pé na bunda.

Nesta quarta-feira (17) o blog teve acesso à um áudio compartilhado em grupo fechado do WhasApp que só participam servidores e servidoras do Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS, localizado na rodovia BR-316.

Na gravação, a coordenadora Leonice Costa aparece fazendo convocação para um evento de campanha de Edvan Brandão no final de semana passado. “Quero saber do CREAS quem vai amanhã, Marinez, se manifesta aí minha irmã. Tem dois horários amanhã, quem vai do CREAS?”, indaga.

Diante da falta de respostas, a coordenadora eleva o tom da voz. “Pela manhã eu deixei vocês de folga, mas amanhã nós temos que estar no batente junto com o prefeito. Quem vai? quem vai? eu não quero apontar, quero que vocês se manifestem”, completou.

Ouça.
Curiosamente, o CREAS serve para atendimento a pessoas que sofreram violação de direitos. Os principais objetivos são contribuir para o fortalecimento da família no desempenho da função protetiva; Processar a inclusão das famílias no sistema de proteção social e nos serviços públicos.

Faça seu comentário

0 comentários: