Regional fala sobre morte em Vitorino Freire que tem delegado como suspeito

27/09/2018

Delegado Regional de Bacabal
Falando sobre o caso 
A confusão que culminou na morte de Jobert de Jesus Silva, de 36 anos, conhecido como Billy Joe, durante a festa em comemoração ao aniversário do município de Vitorino Freire, na noite da última terça-feira (25), só chegou ao conhecimento das demais localidades do Maranhão graças a publicação, feita pelo Blog do Sérgio Matias, no dia seguinte, pois, até então, o episódio estava sendo abafado por supostamente envolver um agente da segurança pública daquele município.

A vitima morta com um tiro à queima roupa, segundo populares, discutia com o delegado Marcelo Magno a quem é atribuida a autoria do disparo.

Marcelo Magno, recentemente também prestou serviço em Bacabal como titular do 1° Distrito.

Billy Joe chegou a ser encaminhado para o hospital, porém, não resistiu aos ferimentos.

Diante da repercussão, o delegado Carlos Renato (foto acima), titular da Delegacia Regional de Bacabal, concedeu entrevista exclusiva ao repórter e apresentador Romario Alves (TV Difusora).

Carlos Renato disse que no início das investigações se confirmou, através de testemunhas, que o tiro foi efetuado por Marcelo Magno e que a vítima estaria embriagada tentando forçar a entrada no camarote oficial do evento.
O delegado suspeito se evadiu e até o momento não se apresentou para prestar esclarecimentos, podendo ser considerado foragido caso isso não aconteça.

Um inquérito foi instaurado.

Carlos Renato garantiu que não foi encontrada nenhuma arma com a vitima e, portanto, não há evidências de legítima defesa.

O corpo de Billy Joe foi encaminhado ao Instituto Medico Legal (IML) de São Luis.

Leia também

Next
Faça seu comentário

0 comentários: