Para tentar cooptar vereador Sobrinho, gestão interina de Edvan nomeia membros da família Veloso

17/07/2018

A pose como operador e a máquina são as mesmas, se é que
alguém me entende...
Com a decisão da justiça determinando que o presidente em exercício da Câmara Municipal de Bacabal dê posse ao suplente Eriveilto Martins (PRB), o grupo político que interinamente administra o município passará a contar apenas com 8 vereadores, a minoria, o que tornaria sem qualquer efeito a manobra visando tornar nula a eleição da mesa diretora que elegeu César Brito (PPS) como presidente do poder legislativo para o biênio 2019/2020.

Por isso mesmo essa semana o gestor interino Edvan Brandão (PSC) e o deputado Roberto Costa (MDB) - quem manda na prefeitura de fato - voltaram as suas atenções para cooptar alguns vereadores da bancada de oposição, seja diretamente tratando com eles ou através de pessoas próximas.

Família Veloso

Não é sabido até agora se Alberto Sobrinho (PRP) tenha participação direta, mas o certo é que nesta terça-feira (17) o acordo com a família Veloso, da qual o vereador faz parte, foi selado. Em troca do apoio da família de José Alberto Veloso foram dadas nomeações para a filha e um irmão do ex-prefeito.

A advogada Monique Veloso assumiu a direção da unidade local do Procon. Já Joãozinho Veloso será o administrador dos restaurantes do povo.

Ficou acertada ainda a nomeação de outros membros da família. Estamos aguardando a divulgação dessas portarias.

E mais

Outro acordo político/eleitoreiro costurado em troca de nomeações em cargos públicos municipais teria sido com o também ex-prefeito Dr. Lisboa.

Não tem como sobrar dinheiro no cofre

As investidas para cooptar o apoio de adversários e formar um verdadeiro consórcio não se restringem aos políticos. Cabos eleitorais, integrantes da imprensa, empresários e afins, estão recebendo tentadoras propostas.

Quanto aos servidores, esses continuam sem receber seus salários e já ameaçam paralisar as atividades...

LEIA TAMBÉ
BACABAL SEM RUMO CERTO: Servidores da saúde ameaçam paralisar as atividades por falta de pagamento


Prefeitura de Bacabal tem mais de R$ 4 milhões em conta; deputado Roberto Costa volta atrás e diz que rombo é só suposição
48 HORAS! Juiz determina que Câmara de Bacabal cumpra o Regimento e dê posse ao suplente Erivelto Martins

Faça seu comentário

0 comentários: