SEMED realiza aula inaugural da Educação de Jovens e Adultos na Unidade Prisional de Ressocialização de Bacabal

02/04/2018

Informações da SEMED - A Modalidade da Educação de Jovens e Adultos – EJA é um dos eixos do Programa Educação Inclusiva: direito a diversidade. Esta modalidade de ensino é bastante flexível e alcança diversas pessoas que não tiveram oportunidade de concluir seus estudos na idade considerada adequada; um exemplo disso é a instituição da EJA no sistema prisional que consiste em uma oferta facultativa aos sentenciados, que podem ser selecionados a partir da boa conduta ou da manifestação do interesse em estudar. A cada 12 horas/aulas cursadas há uma redução em um dia da pena que cumprem; existindo também remissão de pena por conta do desenvolvimento da leitura.

Na última terça-feira (27) a SEMED realizou a aula inaugural na Unidade Prisional de Ressocialização de Bacabal. Dos 150 detentos, 30 participarão da EJA no sistema prisional oferecido pela Secretaria Municipal de Educação. A secretária de educação, Professora Érika Lucena, manifestou sua satisfação pela realização deste trabalho, ressaltou a consciência de que é algo desafiador e de que é preciso ter esperança, pois somente a educação pode resgatar o homem de qualquer escravidão.

A aula inaugural contou com a participação de diversos profissionais da Unidade Prisional de Ressocialização de Bacabal e técnicos da Secretaria de Educação. Na oportunidade os novos alunos tiveram acesso à sala onde acontecerão as aulas e receberam os kits didáticos para o início desta jornada; além da exibição do Documentário acerca da Educação de Jovens e Adultos e da realização da Palestra “O Preço de um Sonho”, ministrada pelo Prof. Esp. Fábio Rodrigues. 

A SEMED trabalha na perspectiva da inclusão educacional e social de todos os bacabalenses e por isso segue com o trabalho de sempre proporcionar uma educação de compromisso e responsabilidade.

Leia também

Next
Faça seu comentário

0 comentários: