Ônibus da Cruz Vermelha Brasileira tomba na rodovia BR-316 com cerca de trista voluntários

30/04/2018

Na madrugada desta segunda-feira (30), por volta de 1 hora, um ônibus da Cruz Vermelha Brasileira acabou tombando na rodovia BR-316, nas imediações do povoado Piratininga, em Bacabal.

Aproximadamente trinta passageiros seguiam no veículo, inclusive, o presidente da instituição, Carlos Rangel, que relatou ao repórter Romário Alves (TV Difusora) que o acidente aconteceu quando eles retornavam dos municípios de Marajá do Sena e Lago dos Rodrigues, onde passaram o dia fazendo atendimentos voluntários e doações de donativos aos moradores.
Ninguém se feriu com gravidade e as vítimas foram prontamente atendidas pela equipe médica do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

A Polícia Militar e Corpo de Bombeiros também estiveram no local prestando auxílio e a suspeita é que o motorista tenha dormido ao volante, freado bruscamente e perdido o controle do ônibus que tombou na lateral da pista.

Todos os passageiros residem em São Luís para onde retornavam.

PRF

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o acidente na BR-316, KM-378, no povoado Piratininga, ocorreu às 00h40 desta segunda-feira (30)causado por defeito mecânico (roda travada). O ônibus do Corpo de Bombeiros de São Luís estava cedido à Cruz Vermelha e transportava 34 voluntários que prestavam ajuda humanitária aos municípios atingidos pelas cheias.

No acidente 6 pessoas ficaram feridas levemente.
Ainda segundo a PRF, o tombamento se deu com o veículo em baixa velocidade.  Entre 2 lombadas.

Até por volta das primeiras horas da manhã o veículo permanecia no local.

Antes de saírem da capital os voluntários concederam entrevista à imprensa local. Veja.
A Cruz Vermelha é a principal instituição de ajuda humanitária do mundo. No Brasil está presente em 21 estados. Seus voluntários sempre dizem que, para minorar o sofrimento da população, sempre são os primeiros a chegar e os últimos a sair.

Leia também

Next
Faça seu comentário

0 comentários: