Feto é encontrado em cova rasa; mãe teria abortado no próprio cemitério e autorizado amigo a enterra-lo

05/04/2018


Informações que chegaram até ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), na manhã desta quarta-feira (4), por volta das 11 horas, relatavam que uma mulher haveria abandonado um feto humano na área do Cemitério do Axixá, em Bacabal. Uma equipe se deslocou até o local e, na companhia de policiais militares, constatou vestígios de sangue.

Uma pessoa que estava nas proximidades e que se identificou como Rejanes disse conhecer a mãe que teria abortado, ainda segundo ele, provocado em função da queda de cima de um dos túmulos, isso por volta das 6 horas da mesma quarta-feira.

Mais adiante o feto foi encontrado enterrado em uma cova rasa.

Alessandra Sousa, de 32 anos, também foi ouvida em uma oficina de automóveis do lado do cemitério. A versão dela é diferente e dá conta que o aborto teria acontecido ainda no último domingo. “Eu caí do muro no domingo, aí passei a noite sentindo dores. Eu nem sei se aquilo era um cisto ou uma criança”, disse.
Alessandra teria abortado no interior do cemitério, provavelmente, quando fazia uso de drogas. Ela também, a princípio, se recusou a receber atendimento médico.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

Leia também

Next
Faça seu comentário

0 comentários: