Suspeito de assassinar 'João Alberto' nega envolvimento e delegado diz que seus argumentos são convincentes

16/01/2018

Um homem apontado como autor dos tiros que ceifaram a vida de Carlos Alberto Monteiro Gomes, de 24 anos, conhecido como ‘João Alberto’, se apresentou na Delegacia do 1º DP de Bacabal na tarde desta terça-feira (15), e, em depoimento ao delegado regional Elson Ramos, negou veementemente envolvimento no crime. De acordo com a autoridade policial, seus argumentos de defesa foram bastante convincentes e, que, inclusive, ele apresentou provas que não estava na cidade, na noite do último dia 12 de janeiro, quando o corpo da vítima foi encontrado em uma rua entre os bairros Pedro Brito e Setúbal, em Bacabal.

As informações que a Polícia Civil tem até agora foram repassadas pela família de 'João Alberto', dando conta que ele foi morto em função da tentativa de furto na residência do suspeito.

ENTENDA O CASO: 

João Alberto é assassinado 1 mês após a tia ser executada em Bacabal; polícia descarta relação entre os dois crimes

Leia também

Next
Faça seu comentário

0 comentários: