PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

banner-OUTUBRO-valendo-1.gif

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Homicida recambiado para Bacabal já confessou autoria de cinco assassinatos, diz a polícia


Apresentado na 16ª Delegacia Regional de Bacabal, o homicida Carlielton Pereira Tudes, vulgo ‘Élton’, preso na manhã desta sexta-feira (11), no município de Peritoró, confessou ter executado Álison  Jhonny, em junho do ano passado.

Ainda na carceragem da Delegacia de Polícia Civil de Peritoró, ‘Élton’ foi entrevistado pelo repórter Romário Alves (TV Difusora) e alegou legitima defesa. Segundo ele, a vítima e outras pessoas (que não declinou os nomes) teriam tentado contra a vida dele por três vezes e que teria chegado a conversar com Álison  Jhonny. “Esses caras tentaram foi três vezes contra minha vida, invadiram minha casa. A última vez que falei com ele [Álison  Jhonny], fez foi me ameaçar dizendo que era  minha vida ou a dele, mas graças a Deus foi a dele”, disse.
‘Élton’, que ainda é suspeito da prática de crimes sexuais, também relatou que Álison  Jhonny lhe confessado que tentou mata-lo a mando de um amigo. “Cheguei a falar para ele sair disso, mas ele fez foi me ameaçar e tentar me matar”.

Álison  Jhonny Nascimento de Morais, de 24 anos, morador da rua André Mota, bairro Alto Cururupu, foi alvejado por cerca de 7 tiros. Desde o crime ‘Élton’ passou a residir em Peritoró.

Diego Motos
 
Quanto ao crime ocorrido na madrugada do dia 11 de outubro de 2016, em um bar localizado na área do Centro Cultural de Bacabal, que teve como vítima Diego Lima Duarte, de 29 anos, ‘Élton’ negou a autoria.

‘Diego Motos’ foi alvejado por cerca de três disparos de arma de fogo e morreu ainda no local. Ele era proprietário de uma revenda de motos, na estrada da Bela Vista, e residia no bairro Coelho Dias.

SAIBA MAIS:

Polícia Civil prende homicida de Bacabal acusado de vários crimes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...