PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

segunda-feira, 31 de julho de 2017

Morre o desembargador aposentado Antônio Pacheco Guerreiro, pai de Dr. Guerreiro Jr


Dr. Antonio Pacheco Guerreiro ao lado
do filho Dr. Guerreiro Jr.
Morreu nesta segunda-feira (31), aos 94 anos, o desembargador aposentado Antônio Pacheco Guerreiro, pai do atual desembargador e ex-presidente Tribunal de Justiça do Maranhão, Dr. Guerreiro Júnior. O jurista estava internado há um bom tempo e a causa de sua morte foi insuficiência respiratória.

O desembargador aposentado, que era natural de São Luís (MA), morreu na UTI do Hospital São Domingos. O velório ocorre na Brasilpax, na Rua de São João, 210 A, Centro (próximo à Igreja de Santo Antônio).

O sepultamento será nesta terça-feira, dia 1°, às 9h, no Cemitério Parque da Saudade, à Rua 64, n° 80, Vinhais.

A Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão e o Tribunal de Justiça do Maranhão manifestaram profundo pesar. Leia baixo.

A Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão manifesta profundo pesar pelo falecimento do desembargador aposentado Antônio Pacheco Guerreiro, pai do desembargador Antônio Pacheco Guerreiro Júnior, ocorrido na tarde desta segunda-feira (31), em São Luís.

Antônio Pacheco Guerreiro morreu aos 94 anos, no Hospital UDI. Ingressou na Magistratura em 1952, iniciando suas atividades na Comarca de Colinas. Passou pelas comarcas de Loreto, Pinheiro, Cururupu, Itapecuru Mirim, Araioses, Caxias e São Luís. Em 1973, por merecimento, assumiu o cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão.

Na Corte Estadual, exerceu o cargo de corregedor-geral durante o biênio 1976/1977.

Em 1968, quando ainda juiz, foi eleito para o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA), onde foi corregedor em 1969 e 1970, e presidente entre os anos de 1974 e 1976. Aposentou-se em 1993.

Neste momento de grande pesar, a Assembleia Legislativa presta suas condolências aos familiares, amigos e à Magistratura maranhense, rogando a Deus o conforto necessário para superar esta grande perda.

Deputado Humberto Coutinho
Presidente

TJMA
O Tribunal de Justiça do Maranhão manifesta profundo pesar pelo falecimento do desembargador aposentado Antônio Pacheco Guerreiro, pai do desembargador Antônio Pacheco Guerreiro Júnior.
Para o presidente do TJMA, desembargador Cleones Cunha, o momento é de tristeza e de solidariedade ao desembargador Guerreiro Júnior e a toda família. Para o presidente, a saudade também é de toda a magistratura, pois todos perderam um magistrado que fez história no Judiciário maranhense e na Corte Eleitoral.
Antônio Pacheco Guerreiro nasceu em 09 de junho de 1923. Cursou Direito na Faculdade São Luís. Trabalhou como jornalista e bibliotecário, assumindo o cargo de promotor público em 1951.
Na Magistratura ingressou em 1952, iniciando suas atividades na Comarca de Colinas. Passou pelas comarcas de Loreto, Pinheiro, Cururupu, Itapecuru Mirim, Araioses, Caxias e São Luís. Em 1973, por merecimento, assume o cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão. Da Corte estadual, é eleito como corregedor-geral para o biênio 1976/1977.
Em 1968, quando ainda juiz, foi eleito para o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA), onde foi corregedor em 1969 e 1970, e presidente entre os anos de 1974 e 1976, já como desembargador da Justiça Estadual. Aposentou-se em 1993.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...