PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Menor de idade confessa ter assassinado desafeto que sofreu cerca de trinta golpes de punhal, em Bacabal


O menor de 17 anos de idade, suspeito da autoria do crime de homicídio que teve como vítima o flanelinha Domingos Correia de Sousa, 20 anos, ocorrido no dia 27 de maio, na rua Antonio Rodrigues, bairro Setúbal, esteve nesta segunda-feira (19) no 2º Distrito Policial de Bacabal onde confessou ter desferido as cerca de trinta punhaladas que ceifou a vida de Domingos.

Ao delegado Jéferson Serra, o menor disse que estaria sendo ameaçado de morte pela vítima que, inclusive, já tinha tentado contra sua vida por duas vezes. Ele inocentou outro menor, da alcunha ‘vovozinho’ que também estava no local do crime, mas não teria tido participação.

Segundo o menor, a vítima também teria tentado estuprar a sua atual namorada.

O desentendimento entre os dois também tem origem em uma “guerra de gangues” dos bairros Setúbal, Trizidela e Areia.

Em entrevista exclusiva concedida ao repórter Romário Alves (TV Difusora), o menor deu detalhes de como praticou o homicídio. Chegou a pedir desculpa à mãe da vítima e confessou só resolveu se apresentar após assistir a entrevista que ela [a mãe] deu ao próprio Romário Alves pedindo justiça e lamentando a perda do filho amado.
A entrevista do menor vai ao ar nesta terça-feira (20), a partir das 6h15, no programa Bandeira 2, e, a partir do meio-dia, no Na Hora D, com Samuel David.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...