PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

terça-feira, 4 de abril de 2017

Prefeitura de Bacabal avalia os estragos causados pelas chuvas e deve decretar situação de emergência no município


Prefeito de Bacabal, Zé Vieira.
Foto Jeremias Pereira.
O alto volume das chuvas em Bacabal, sobretudo, a que caiu na cidade nesta segunda-feira (3), repercutiu nacionalmente e devido aos inúmeros prejuízos materiais da população e comerciantes e, ainda, para evitar que vidas sejam perdidas em decorrência de incidentes ou doenças, o prefeito de Bacabal, Zé Vieira (PP), designou na manhã desta terça-feira (4) que, urgentemente, fosse elaborado um relatório pelo secretário de administração avaliando os estragos.

Segundo a Assessoria de Comunicação do Município, a expectativa é que seja decretado nas próximas horas situação de emergência como medida de reparar os danos causados pelas condições climáticas.

Apesar da imprensa nacional ter divulgado que o volume da chuva  mediu 136 milímetros, o Instituto Nacional de Meteorologia do Tempo – INMET, por meio da Estação de Meteorologia de Bacabal, informa que foi coletado 145.2 milímetros de água em seus aparelhos, sendo que a chuva da noite desta segunda-feira foi, em média, a maior se comparada aos últimos 5 anos.

Isso só reforça nossas previsões de chuva para Bacabal e região, sendo que fica o estado de alerta para a população bacabalense, em especial os ribeirinhos”, disse Leandro Fontinele Rodrigues -Coordenação Técnica.

Mais informações: www.inmet.gov

(99)3621-1675

LEIA TAMBÉM:

Temporal em Bacabal registrou 136 mm de água, afirma telejornal da Rede Globo


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...