MEA CULPA! Após não se reeleger, vereador da tropa de choque do prefeito Zé Alberto diz que fez escolhas erradas

10/10/2016
Membro da tropa de choque que durante os últimos quatro anos se dedicou a defender os desmandos da gestão Zé Alberto, o vereador Gledyson Santos (PRP) resolveu admitir que fez escolhas erradas, mas pena [para ele que não se reelegeu] e também para o povo [que não pôde contar com sua voz na Câmara] que isso só tenha ocorrido após o resultado negativo obtido nas urnas (480 votos). Leia abaixo o desabafo postado nas redes sociais.
    
Pertenço ao grupo da "minoria", mas não estou solitário em minhas convicções. Não quero mais fazer par com quem "dança" o que todos estão "dançando".

Não é porque todos estão fazendo, que é o que deve ser feito.

Nesse meu mandato de vereador que se finda no dia 31 de dezembro de 2016, fiz escolhas erradas, e me posicionei de forma errada, e quando se erra, paga-se um preço. Mas estou tranquilo e com sentimento de dever quase cumprido, pois busquei fazer o melhor, mesmo sendo iniciante ao cargo de vereador.

Digo aqui: "a teoria na política é algo que não acontece na prática, e isso é culpa do nosso sistema político, que é falho e corrupto e que envolve eleitores (que votam) e candidatos (políticos que são votados)”.

Se tivesse outra oportunidade como vereador, não cometeria os mesmos erros. Só que não quero nova oportunidade para exercer a vereança, me contento com o aprendizado adquirido na política durante esse mandato, e com isso, vou procurar colaborar no desenvolvimento da nossa sofrida Bacabal.

Não sou juiz de ninguém, só procuro discernir o certo e o errado, e através do meu discernimento definir minhas próprias escolhas daqui para frente, afinal, é de mim que terei que prestar contas.

Agradeço em meu nome e em nome da minha família, a todo(a)s que colaboraram direta e indiretamente para meu ingresso na política bacabalense.

Deus no comando sempre!!!

Leia também

Next
Faça seu comentário

43 comentários: