PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Polícia Militar frustra tentativa de roubo a agência bancária em Bacabal


Por volta de 01h30 da manhã desse feriado da independência, policiais do 15º BPM foram acionados pelo Sistema de Segurança do Banco do Nordeste para atendimento de possível ocorrência na agência de Bacabal. Ao chegarem ao local encontraram na garagem do prédio, localizado na Avenida Barão De Capanema, vários equipamentos utilizados para destruir parede e ainda uma quantidade de carne que, segundo o comando da PM, seria para neutralizar a ação de cães existentes nas residências vizinhas à agência bancária.

Os indivíduos aproveitaram-se do barulho emitido por uma casa de show que funciona ao lado e utilizando uma cunha hidráulica, furadeiras elétricas e outras ferramentas, destruíram parte da parede da agência, não chegando a concluir o roubo graças à ação rápida da Polícia Militar.


O 15º BPM informou que toda a ação delituosa foi registrada pelas câmeras do circuito de segurança da agência, onde aparecem dois indivíduos que, ao perceberem a chegada da polícia pelas luzes das viaturas, evadiram-se por um terreno pantanoso existente nos fundos da agência e que dá acesso ao Rio Mearim.

Em junho

Na madrugada do dia 19 de junho desse, também por volta de 1h30, a mesma foi alvo de arrombamento.

De acordo com o titular da 16ª Delegacia Regional de Bacabal, delegado Elson Ramos, nada de valor foi levado e os bandidos tiveram acesso ao interior do prédio pelos fundos. A polícia disse na época trabalhar com a hipótese que de 4 a 5 pessoas integravam o bando.

O delegado diz ainda que o bando utilizou um guarda-chuva pequeno para movimentar as câmeras e impedi-las de registrar parte da ação.

A gerência do banco não quis prestar maiores informações à imprensa e o caso até hoje não ficou esclarecido.

R$ 1,5 milhão

Em novembro de 2015 a agência da Caixa Econômica Federal foi assaltada por bandidos que fugiram levando cerca de R$ 1,5 milhão.

Mário Júlio de Figueiredo, vulgo “Pequeno”, 27 anos, natural de Minas Gerais; Marcos Paulo, o “Papel”, 44 anos; e Gilson Cardoso dos Santos, o “Gordo”, 36 anos, foram presos dias depois no aeroporto de Teresina tentando embarcar para São Paulo. Já a quantia vultosa roubada do banco nunca apareceu.

5 comentários:

  1. Na realidade o terreno pantanoso atrás desta agência aí; dar é para os fundos de uma casa de um ex e perigoso assaltante de banco já morto pela polícia mineira se não me engano, muita coincidência. Pra chegar no rio mearim tem muita lama.
    Fica a dica para aqueles que realmente querem desvendar o crime,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. LARGA DE SER IDIOTA. O RIBA JÁ MORREU FAZ 10 ANOS. LEMBRA QUE TODO ANO DE POLITICA ESSES ASSALTOS ACONTECEM. E BOM LUGAR, SAO LUIS GONZAGA, SAO MATEUS, VITORINO. TÁ BOM DE JOAO ALBERTO VOLTAR PRA ACABAR COM ESSES FDP. DEIXA DE FALAR BESTEIRA SEU IMBECIL.

      Excluir
  2. parabéns a policia militar por evitar q mais um banco feichase as portas.

    ResponderExcluir
  3. O cara morreu a não sei quantos anos e ainda ta envolvido em assalto kkk essa é boa!!!

    ResponderExcluir
  4. Na verdade, o fundo da agência sai no terreno do nonato Pinheiro, que dar acesso á estacao bambu, aos quintais das casas da rua teixeira de freitas , e da acesso tambem ao prédio brasilar, e as casas da rua capitao acensso .
    E quanto ao finado Riba , ja faleceu a tanto tempo que nao tinha nem necidade de terem citado o nome dele , la na casa que era dele hoje e ate uma creche !

    ResponderExcluir

Denúncias, críticas, reclamações e/ou sugestões devem ser enviadas para o email blogdosergiomatias@gmail.com ou via aplicativo whatzApp (99) 8217-3212.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...