PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Parlamentar maranhense denuncia violência de planos de saúde contra idosos

Dep. Federal João Marcelo (PMDB).
Sessão solene marcou o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa.

Sob o comando da deputada Flávia Morais (PDT/GO), presidente da Frente Parlamentar Mista do Envelhecimento Ativo, a Câmara dos Deputados promoveu uma sessão solene em comemoração ao Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa, nesta quarta – feira(15).

Participaram os deputados Roberto de Lucena (PV/SP), Maria do Rosário (PT/RS), Eros Biondini (PROS/MG) entre outros parlamentares, além da delegada da Polícia Civil de Goiás, Dra. Silvana Nunes Ferreira, convidada especial do evento.

O deputado federal João Marcelo Souza (PMDB/MA), que é vice-presidente dessa importante comissão, além de se fazer presente, também fez sérias denúncias em seu discurso, ressaltando uma prática dos planos de saúde do país, que ele considera abusiva e uma verdadeira violência contra pessoas da terceira idade.

"Por não poderem aumentar as mensalidades dos planos de usuários com 60 anos ou mais, as empresas estão extorquindo seus beneficiários no último ano em que a regra é permitida, com aumentos de até 130% em alguns casos. Nos últimos 12 meses a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) registrou 420 reclamações de beneficiários com 59 e 60 anos de idade. No Sistema nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec), foram quase 1,7 mil casos em dois anos. Isso é um verdadeiro abuso, e logo em um momento da vida  em que os aposentados perdem seu pode aquisitivo de forma significativa", denunciou João Marcelo.

Além de mostrar indignação sobre esse fato, o parlamentar maranhense ressaltou que são enormes os desafios do país, para garantir mais dignidade e direitos básicos a uma população que só vem crescendo a cada ano.

"A proteção oferecida pelo Estado brasileiro aos idosos avançou nos últimos anos. Mas é preciso melhorar o acesso dessa população à educação e à cultura, sem falar em necessidades ainda mais prioritárias que são a saúde e o combate à violência de diversos tipos", disse.

João Marcelo lembrou em seu discurso que a violência contra os idosos vem crescendo no país. No ano passado, o Disque 100 recebeu mais de 32 mil denúncias de violações de direitos das pessoas idosas, entre casos de negligência, violência psicológica, abuso financeiro e violência física. E foram registradas cinco mil denúncias a mais que em 2014.

"São vários os tipos de violência contra os idosos: A violência física presente dentro dos próprios lares; o abuso financeiro ou material, uma das ações mais praticadas pelos membros da família; o abuso sexual; a negligência, quando se omite ou se nega a fornecer assistência básica que os idosos necessitam; o abandono que infelizmente vem se tornando comum nos dias de hoje; e a violência psicológica na qual os idosos são submetidos à restrição de liberdade, do convívio social e da negação aos seus hábitos de lazer e diversão", ressaltou João Marcelo Souza, que também é psicólogo.

"Precisamos incentivar a pesquisa sobre essa população, conhecer suas necessidades e escutar seus ensinamentos, para que possamos desenvolver políticas públicas capazes de reduzir a vulnerabilidade das pessoas idosas", concluiu.

2 comentários:

  1. Sergio vc devia fazer uma matéria sobre o voto do deputado Alberto filho sobre o voto dele em respeito ao processo de Eduardo cunha.

    ResponderExcluir
  2. parabeis joao macelo pela bela iniciativa. isso que é luta pelo povo.
    cader o alberto filho que ta lutando pela permanencia do eduardo cunha so aparece nas eleicao.

    ResponderExcluir

Denúncias, críticas, reclamações e/ou sugestões devem ser enviadas para o email blogdosergiomatias@gmail.com ou via aplicativo whatzApp (99) 8217-3212.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...