PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

terça-feira, 5 de abril de 2016

VILA DAS ALMAS: Polícia procura responsável pelas mortes de crianças e diz que populares que atearam fogo em residência responderão criminalmente

Chiquinho Carpinteiro.
O proprietário da residência onde na quarta-feira (30) três crianças morreram eletrocutadas em uma cerca de arame farpado energizada e em forma de armadilha ainda não compareceu na delegacia para prestar esclarecimentos.

Conhecido como Chiquinho Carpinteiro, ele fugiu do local utilizando uma motocicleta assim que percebeu o que havia acontecido.

De acordo com o delegado Luigi Conte, titular do 2º Distrito Policial de Bacabal, pelo que foi apurado minutos depois, a fiação que passava a corrente elétrica para o arame vinha do poste em frente ao imóvel, seguia para um cômodo e, através de um pequeno buraco na parede, saia para o quintal na altura do mato rasteiro onde as crianças levaram o choque.
Polícia recolheu parte do arame usando como
armadilha e que causou as três mortes.
Ainda segundo o delegado, o caso está sendo investigado como homicídio de dolo eventual, que segundo a legislação penal brasileira é um tipo de crime que ocorre quando o agente, mesmo sem querer efetivamente o resultado, assume o risco de o produzir.

Uma equipe da Companhia Energética do Maranhão esteve na Vila das Almas, bairro da ocorrência, fotografando a cena da tragédia e deverá lavrar um relatório que será encaminhado à Justiça.

A polícia pede a ajuda da população para que o paradeiro de Chiquinho Carpinteiro seja conhecido, mas também deixa claro que as pessoas que depredaram o imóvel dele serão indiciadas criminalmente caso sejam identificadas.
Populares ateando fogo na residência.
Como é possível observar no vídeo abaixo, no começo da noite da quarta-feira populares revoltados atearam fogo na casa. O 6º Batalhão do Corpo de Bombeiros esteve no local, mas as chamas consumiram praticamente tudo.
O caso

As três crianças do sexo masculino, entre 6 e 11 anos, sofreram forte descarga elétrica, por voltas das 16 horas da quarta-feira (30), quando adentraram no quintal, na rua A, Vila das Almas, em Bacabal. Duas morreram ainda no local e a terceira foi encaminhada às pressas para o Pronto Socorro Municipal, mas não resistiu e também acabou falecendo.
Crianças vítimas da tragédia.
Victor Tiago (6), David José da Silva (8) e José Armando Pereira da Silva (11) moravam no mesmo bairro e estudavam em escolas públicas.

As vítimas foram veladas nas residências de seus pais primeiramente e, em seguida, na Igreja Sant’Ana onde foi celebrada missa de corpo presente.
Corpos sendo velados na Igreja Sant'Ana.
Durante o velório o pai de Victor Tiago, identificado como "Deri", que se encontra cumprindo pena por tráfico de drogas na Unidade Prisional de Ressocialização, no povoado Piratininga, se despediu emocionado do seu filho.

O sepultamento dos três corpos ocorreu às 16 horas da última quinta-feira.

A missa de 7º dia é nesta terça-feira (5) na Igreja Sant'Ana, na rua Raimundo Correia, bairro Ramal, às 19 horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Denúncias, críticas, reclamações e/ou sugestões devem ser enviadas para o email blogdosergiomatias@gmail.com ou via aplicativo whatzApp (99) 8217-3212.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...