PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quarta-feira, 16 de março de 2016

Familiares procuram por homem que saiu de casa no domingo (13) e desapareceu, em Bacabal

Informações atualizadas

Familiares de Antonio Oliveira Duarte, mas conhecido como “Tita”, que reside no bairro Novo Bacabal, estavam apreensivos com o seu desaparecimento ocorrido deste a tarde do último domingo (13), quando saiu de casa em uma motocicleta Yamaha Crypton.

Porém, ele foi encontrado na casa de familiares.

Muito embora seja comum familiares de pessoas desaparecidas buscarem o auxilio da imprensa, é extremamente recomendado que primeiramente seja registrado um boletim de ocorrência na delegacia e a Polícia Militar também informada imediatamente, pois ainda há quem acredite que é preciso esperar 24 ou 48 horas para fazer esse registro.
A ideia, além de equivocada, reduz as chances de localização. O registro do desaparecimento deve ser feito imediatamente, mesmo apesar de alguns delegados orientarem a família a aguardarem por algumas horas.
Outro caso
Há ainda a informação de uma jovem, moradora da rua Teixeira de Freitas, no centro de Bacabal, que saiu de casa para ir a uma agência bancária na segunda-feira (7), portanto, há mais de uma semana, e até agora não teria mantido contato com os parentes.
De acordo com um familiar, a atitude da jovem é costumaz e, apesar da aflição de todos, ninguém havia ido a delegacia registrar o desaparecimento, pois temiam que os pais tomassem conhecimento, já que ambos têm sérios problemas de saúde.
A esperança é que a jovem retorne espontaneamente para casa como das outras vezes e que nada de mal lhe tenha acontecido.
De volta ao aconchego
A notícia boa é que, por intermédio do Blog do Sérgio Matias, o senhor Gilmar Santos Sousa conseguiu reencontrar seus familiares em Bacabal. Ele que chegou a morar na cidade de Redenção, no Pará, e havia mudado para Novo Repartimento, cidade do mesmo Estado, onde acabou sofrendo um acidente que o deixou por alguns dias inconsciente.
No Hospital Municipal São Francisco ele ficou aos cuidados da equipe médica até se restabelecer. Ainda necessitando de atenção, morando sozinho, e sem nenhum contato com seus familiares no Maranhão, Gilmar foi encaminhado para uma Casa de Apoio.

Preocupada com a situação a enfermeira Cleria, que ajudou na recuperação do paciente, pediu auxilio de alguns amigos para tentar localizar os parentes de Gilmar aqui em Bacabal, o que acabou acontecendo.

Depois de manter contato por telefone, Gilmar Santos finalmente pôde retornar a Bacabal e ao convívio dos pais e familiares.

Um comentário:

  1. alguma informação sobre o paradeiro do tita o rapaz que ta desaparecido?ele é pedreiro trabalhou aqui em casa.

    ResponderExcluir

Denúncias, críticas, reclamações e/ou sugestões devem ser enviadas para o email blogdosergiomatias@gmail.com ou via aplicativo whatzApp (99) 8217-3212.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...