PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quarta-feira, 9 de março de 2016

Agente Comunitário de Saúde é presa em Bacabal tentando entrar em unidade prisional com droga na vagina

Em uma operação realizada na manhã desta quarta-feira (9), em frente a Unidade Prisional de Ressocialização, no povoado Piratininga, em Bacabal, investigadores da 16ª Delegacia Regional de Polícia Civil conseguiram prender Antônia Silva de Araújo, conhecida como “Diana”, moradora da rua Bom Jesus, no bairro Setúbal.

De acordo com informações, Antônia Silva, que é agente comunitária de saúde, teria ido a unidade para visitar seu esposo Jhonata Sousa Nascimento, vulgo “Skel”, traficante de 28 anos de idade que se encontra preso desde outubro do ano passado. Para driblar a fiscalização que sempre é realizada nos dias de visita, a acusada teria colocado certa quantidade de maconha prensada em um preservativo e introduzido na vagina. Quando ainda estava aguardando sua vez, sentiu mal-estar e se dirigiu ao banheiro, onde, segundo a Polícia Civil, retirou a droga da vagina e escondeu em determinado local para, em seguida, retornar e voltar a introduzir-la na parte íntima, e assim, entregar a droga para o esposo traficante.
A ACS foi presa e conduzida ao 1º Distrito Policial onde foi lavrador o flagrante.

O esposo de Antônia Silva tem várias passagens pela polícia por assalto e horas antes de ser preso pela última vez, havia cometido assalto contra duas senhoras, devotas de São Francisco, que se preparavam para embarcar em um ônibus estacionado próximo ao Estádio Correão, nas margens da BR-316, em Bacabal, e que seguiria com destino à cidade de Canindé-CE onde todos os anos é realizado festejo religioso que congrega milhares de romeiros e romeiras de todo o Brasil.

De posse de uma arma de fogo, “Skel” anunciou o assalto e fugiu em uma bicicleta levando vários pertences das duas vítimas, como documentos pessoais, cartões de bancários e determinada quantia de dinheiro em espécie.
Uma guarnição da Polícia Militar foi acionada e ao fazer rondas na área do Terminal Rodoviário avistou o acusado que, ao perceber a presença da viatura, tentou se evadir do local, mas durante a perseguição acabou perdendo o controle da bicicleta e caindo no chão.

Com ele os policiais encontraram uma câmera fotográfica digital e um aparelho celular que pertencias as duas senhoras. Na delegacia, após uma revista mais minuciosa foram encontradas ainda duas pedras de crack que estava dentro da cueca de “Skel”.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...