CAMINHADA PELA PAZ: Se sentido acuada por marginais, população de Bacabal vai sair às ruas para pedir segurança e paz

07/12/2015
A população de Bacabal é extremamente paciente em relação às inúmeras mazelas que assolam a cidade, com exceção dos reclames nas redes sociais e através da imprensa, foram pouquíssimas as vezes que se dispôs a deixar interesses pessoais de lado e sair às ruas para cobrar por direitos coletivos que são de responsabilidade dos poderes públicos, como infraestrutura, educação, emprego e segurança pública, que, aliás, ao lado da saúde, são as áreas que mais têm deixado a desejar.

Apesar da falta de investimento ser uma praxe desde outros governos, é agora na gestão Flávio Dino (PC do B) que a insegurança em Bacabal ficou escancarada. O cidadão está sendo impedido de sequer sentar na porta de casa para namorar ou bater papo com amigos.

Ter bens como aparelhos celulares ou motocicletas é se transformar automaticamente em alvo dos meliantes que agem com mais intensidade a cada dia.

Há quase um ano à frente do 15º Batalhão da Polícia Militar o Tenente-coronel Miguel Neto tem desempenho muito abaixo do esperado e embora ele tente provar o contrário, é justamente neste período que a coisa passou a correr solta em Bacabal no que tange a segurança pública.

Para comprovar isso nem é necessário acessar a internet e ler um blog ou sintonizar um canal de TV. Todo e qualquer cidadão bacabalense tem um exemplo em casa ou na vizinhança. São Assaltos a mão armada, roubos em residências e no comércio, tentativas de homicídio, pessoas desaparecidas, latrocínios e execuções.

Os gritos de socorro já foram muitos, nenhum levado a sério pela Secretaria de Estado da Segurança Pública, nem mesmo de deputados e vereadores que se deslocaram até a capital para se reunirem com o titular da pasta Jefferson Portela, que naquela oportunidade se comprometeu vir a Bacabal no prazo de 15 dias para conferir o problema de perto.

A reunião ocorrida na sede da SSP/MA foi em 26 de outubro de 2015, mas até hoje o compromisso não foi cumprido.

Caminhada pela Paz

Se sentido refém da criminalidade e órfão de representantes que se façam respeitar, a população mesma decidiu fazer esse papel. Uma comissão formada por grupos de jovens, estudantes, entidades sociais, religiosos e empresários, está conclamando a população em geral para sair às ruas no próximo dia 14 de dezembro, a partir das 15 horas.

Denominada de “Caminhada pela Paz” a manifestação terá concentração em frente ao prédio da antiga Biasa, na Rua Grande, e percorrerá algumas das principais ruas e avenidas de Bacabal.

O intuito é chamar a atenção das autoridades responsáveis por promover a segurança pública em Bacabal e também se solidarizar com as centenas de vítimas que tiveram suas vidas colocadas em risco, outras infelizmente ceifadas.

Até o fim dessa semana integrantes da comissão organizadora da caminhada estarão reforçando o convite a população através dos programas de TV e rádios da cidade.

Flávio Dino em Bacabal, será?

Antes mesmo da realização dessa manifestação a população de Bacabal deverá obter alguma justificativa por parte do Governo do Estado, já que dois dias antes, 12 de dezembro, é esperada a presença do governador Flávio Dino no encerramento da Agritec – Feira da Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão,  que acontece em nossa cidade a partir da próxima quinta-feira (10), no auditório do CEFRAM.
Faça seu comentário

6 comentários: