GOVERNO DO MARANHÃO

EMPÓRIO CHURRASCARIA E CERVEJARIA

EMPÓRIO CHURRASCARIA E CERVEJARIA

PUBLICIDADE

BANNERS-DEZEMBRO-2.gif

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Sanfoneiro morre vítima de choque elétrico em Bacabal

Seu Patrício, ao lado do baterista Nandinho Oliveira,
sempre teve a admiração da nova geração
de músicos bacabalenses.
Atualizada às 15h23

O músico, deficiente visual, perdeu a vida por volta das 19 horas deste domingo (15) ao receber uma forte descarga elétrica em sua residência, na Rua 05, Bairro Alto da Assunção, em Bacabal.

De acordo com informações, Patrício, de 79 anos de idade, estava sozinho em casa e foi encontrado por uma neta desacordado no chão. Um filho que mora próximo teria tentado reanima-lo fazendo massagem cardíaca, porém, o mesmo não resistiu e veio a óbito.

O sanfoneiro Patrício era um amante da música e membro ativo do movimento cultural bacabalense. Na foto abaixo ele aparece ao lado da também talentosa, cantora Diana Tomaz, no antigo Restaurante Colher de Pau, único espaço dedicado exclusivamente para as apresentações dos artistas locais, e que tinha à frente a multifacetária Janete Valéria.
“Tive o prazer de conhecer esse grande homem. O seu Patrício foi um exemplo para a sua família e todos ao seu redor. Além de ser um exemplo de superação, foi um grande pai e a música era sua paixão. Que Deus o receba na morada eterna! Vamos sentir falta de escutar sua voz e o som da sua sanfona.  Patrício, o homem da sanfona”, escreveu Diana Tomaz em sua página no Facebook.

Nota de pesar

Seu Patrício também era conselheiro municipal de saúde e o CMS divulgou nota de pesar pelo seu falecimento, assinada pelo presidente Silas Duarte de Oliveira.

“É com pesar que recebemos a notícia da morte neste domingo 15/11/2015, do conselheiro municipal de saúde Sr. Patrício Gomes de Sousa.

Queremos manifestar nossas condolências à família e aos amigos. Tivemos oportunidade de conviver com o Sr. Patrício Gomes de Sousa neste mandato no CMS e somos testemunhas de sua dedicação, compromisso e lealdade ao trabalho social em defesa do SUS e da melhoria cada vez mais de uma saúde pública de qualidade, como política pública social que alcançasse toda a população. É uma perda irreparável para a saúde pública do nosso município”.

Pena que o Colher de Pau fechou... Pena que a cultura bacabalense perdeu mais um dedicado artista.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...