GOVERNO DO MARANHÃO

EMPÓRIO CHURRASCARIA E CERVEJARIA

EMPÓRIO CHURRASCARIA E CERVEJARIA

PUBLICIDADE

BANNERS-DEZEMBRO-3.gif

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Pronto Socorro Municipal de Bacabal virou 'casa de passagem' e mal faz curativo

Na mesma semana que alardeava através da imprensa que o Hospital Materno Infantil estava em novo prédio, mais amplo e confortável, onde as mães teriam um acompanhamento de qualidade e uma atenção redobrada, a Prefeitura de Bacabal suspende todo e qualquer procedimento cirúrgico no Pronto Socorro Municipal, seja ele de urgência ou eletivo.

Muito embora não tenha informado e nem justificado essa decisão publicamente, a direção afixou um pequeno aviso em uma porta daquela casa de saúde, em local quase imperceptível, fazendo com que muitas pessoas, até de outros municípios, sejam pegas de surpresa, principalmente aquelas que dão entrada no hospital necessitando de atendimento de emergência, como, por exemplo, as vítimas de acidentes e tentativas de homicídios.

Nesses dois casos, o paciente, por menos grave que seja seu estado de saúde tem que desembolsar cerca de 4 a 5 mil reais para realizar o procedimento cirúrgico em uma clínica particular, então torcer para que haja ambulância disponível e tempo suficiente para chegar com vida em algum hospital de outra cidade ou mesmo em nossa capital.

O certo é que o Pronto Socorro Municipal de Bacabal é há muito tempo somente uma espécie de casa de passagem onde falta quase absolutamente tudo e são constantes as reclamações dos usuários.

Para agravar a triste situação dos bacabalenses e munícipes da região, a conclusão das obras de reconstrução do Hospital Regional Laura Vasconcelos, que tinha prazo para 10 de dezembro desse ano, ficará para 2016, ano eleitoral.

EM TEMPO: Os salários dos servidores do município continuam em atraso.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...