Em greve, servidores do TJMA fazem nova carreata e são recebidos na Assembleia Legislativa

24/11/2015
Por Mônica Alves
Jornalista

Os servidores do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), em greve há 42 dias pelo pagamento das suas perdas inflacionárias de janeiro a dezembro de 2014, no índice de 6,3%, fizeram, na manhã desta terça-feira, 24/11, uma nova carreata em São Luís, com saída do Fórum “Desembargador Sarney Costa”, no Calhau, em direção à Assembleia Legislativa do Estado.

Dezenas de carros e motos percorreram as vias da cidade, animados por 2 trios elétricos. Esta foi a terceira carreata realizada pelos servidores em greve no Tribunal de Justiça, com o objetivo de conscientizar a população sobre as razões do movimento paredista. 

Apoio parlamentar

A carreta de hoje, no entanto, tinha o objetivo adicional de buscar apoio entre os parlamentares, na busca de intermediar uma solução para a greve junto à administração do Tribunal de Justiça, que se recusa a se conciliar com os servidores e pagar as perdas inflacionárias constitucionais de 6,3% e ainda descumpre decisão liminar, que impede o corte de ponto dos trabalhadores que aderiram à greve.

Ao chegar na Assembleia, a carreata foi autorizada  pelo Deputado Othelino Neto, Presidente Em Exercício, a adentrar no Legislativo Estadual. Os servidores foram autorizados a ocupar a galeria e aguardar para serem recebidos pela direção da casa e para conversar com os deputados.
Durante a sessão, o Deputado Estadual Sousa Neto (PTN) leu requerimento de sua autoria, datado e protocolado desde o dia 11 de novembro, no qual pede a formação de uma comissão suprapartidária e com representantes de todos os blocos parlamentares para auxiliar na mediação do impasse entre os servidores e o Tribunal de Justiça, de modo a por fim pacífico à greve geral da categoria.

O deputado Sousa Neto foi muito aplaudido pelos servidores. Mas somente o deputado petista José Inácio se dispôs, no momento, a compor a comissão de mediação do conflito entre servidores e direção do TJMA.
Uma comissão de representantes do SINDJUS-MA formada pelos diretores Anibal Lins e Pedro Davi, e pelo especialista em orçamento público Emanoel Jansen, foi recebida pelo Presidente em Exercício da Assembleia Legislativa Othelino Neto, que se dispôs a conversar com os Desembargadores Jamil Gedeon e Cleonice Freire, com o intuito de garantir a realização e antecipação da audiência de conciliação entre os servidores e a direção do TJMA.
Em seguida, os servidores se reuniram também com o deputado José Inácio (PT), que confirmou sua disposição em compor a comissão de mediação e se dispôs ainda a convidar outros deputados para que se integrem na mesma, com o intuito de buscar, com máxima urgência, um entendimento com o TJ e o atendimento da única reivindicação da greve dos servidores do Judiciário, que é o pagamento das perdas inflacionárias de 2014, no índice de 6,3%.

Ao final, os servidores confirmaram de se reencontrar nesta quarta-feira, 25, às 08 horas, em frente ao Tribunal de Justiça, onde ficarão em vigília, aguardando para a confirmação da audiência de conciliação entre a direção do Judiciário Estadual e o SINDJUS-MA.
Faça seu comentário

0 comentários: