Cigano apontado como um dos autores das quatros mortes ocorridas em Alto Alegre do Maranhão foi recambiado para Bacabal

25/11/2015
Atualizadas às 13h36

Um dos homens apontado como um dos autores das quatro mortes ocorridas na noite desta terça-feira (24), em Alto Alegre do Maranhão, durante uma briga entre ciganos da mesma família, foi trazido para Bacabal e deverá prestar depoimento na manhã desta quarta-feira (25) na 16ª Delegacia Regional de Bacabal.

Além de Ruan, Vulgo “Nêgo”, outro cigano teria participação direita nos homicídios. Francisco das Chagas Cordeiro, o “Pica”, que também foi baleado durante a troca de tiros, se encontra internado e sob a escolta policial no Hospital Geral de Peritoró, assim como também o idoso Joaquim Sousa Aguiar.
Os repórteres Romário Alves e André Lima (TV Difusora/Bacabal) foram os primeiros da imprensa a chegar no local e a cobertura completa irá ao ar, logo mais, a partir do meio-dia, no programa Ronda na Difusora, apresentado por Randyson Laércio.
ENTENDA O CASO:
Faça seu comentário

0 comentários: