Casamento Comunitário: 40 casais se unem em matrimônio no Povoado Bela Vista, em Bacabal

04/10/2015
Informações da Assecom
Prefeitura de Bacabal

Realizar um casamento, por mais simples que possa ser, custa caro. Nas regiões onde o poder aquisitivo da população é baixo, o índice de casais que vivem em união estável é ainda maior.

Na noite de quinta-feira (24) no povoado Bela Vista, zona rural de Bacabal, 40 casais concretizaram o sonho da união oficializada.

O “Casamento Comunitário” foi resultado de uma parceria entre o Poder Público Municipal, Cruz Vermelha do Brasil e os Cartórios do 1º, 2º e 3º Ofícios de Bacabal.
A Secretaria da Mulher foi a responsável pela ornamentação da Igreja. Já a Procuradoria do Município disponibilizou o serviço de buffet que incluiu bolos, salgados e refrigerantes.

A Secretaria de Assistência Social forneceu todas as mesas e cadeiras para a acomodação dos casais.
Já o transporte para os casais que vieram de oito povoados da baixada ficou a cargo da Secretaria de Emprego e Renda.

“Sonho com esse momento há uns 10 anos e agora estou aqui completando a minha felicidade e do meu agora marido de fato e de direito graças a Cruz Vermelha, a prefeitura de Bacabal, e o vereador Edvan Brandão”, exclamou uma das mulheres que oficializaram a união matrimonial durante o casamento coletivo.

Leia também

Next
Faça seu comentário

0 comentários:

Denúncias, críticas, reclamações e/ou sugestões devem ser enviadas para o email blogdosergiomatias@gmail.com ou via aplicativo whatzApp (99) 8217-3212.