PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

banners-novembro-3.gif

terça-feira, 29 de setembro de 2015

Roberto Costa denuncia falta de fornecimento de leite especial para crianças de Bacabal


Em pronunciamento feito na sessão desta segunda-feira (28) o deputado Roberto Costa (PMDB), denunciou a falta do fornecimento do leite especial para as crianças de Bacabal e cobrou do Governo do Estado o restabelecimento da entrega do produto.

Ele afirmou que algumas famílias da cidade o procuraram para reclamar que há mais de três meses estão sem receber o leite especial.  “É um leite caro. Alguns custam cerca de mil reais e  as famílias – de baixa renda - não têm condições de comprar, mas a lei assegura o fornecimento dele, via Secretaria de Estado da Saúde”, acentuou Roberto Costa, enfatizando que é uma situação difícil, visto que as crianças que necessitam do leite correm riscos pela falta do produto.

“É um assunto sensível porque são crianças que precisam e que têm o direito a esse leite e o Estado tem a obrigação de fornecê-lo. Nós precisamos fazer alguma coisa urgente, para que esse fornecimento seja restabelecido”, afirmou Roberto Costa.  

Restabelecimento

Durante a sua fala, Roberto Costa disse que entrou em contrato com o secretário Adjunto de Saúde, Lula, e este teria falado da dificuldade que se está tendo em função desse fornecimento - que antes era feito pela Secretaria de Estado da Saúde - e que agora é feito pela Secretaria de Desenvolvimento Social. Segundo o secretário, o Ministério da Assistência Social teria bloqueado esses recursos, mas, esse problema já foi resolvido e, ainda nesta semana, serão feitos os pagamentos para as empresas fornecedoras desse leite.

Em seguida, Roberto Costa disse que entrou em contato com o secretário de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, que garantiu que até a próxima semana será restabelecida a entrega desse leite especial para vários municípios do Maranhão, incluindo Bacabal.

“Eu espero que a Secretaria de Saúde e a Secretaria de Desenvolvimento Social, através do secretário Neto Evangelista, possam resolver esse problema que é de interesse de todo o Maranhão. São crianças que precisam; são famílias que não têm condição, mas a lei assegura esse direito, que precisa ser restabelecido aqui no Estado do Maranhão”, finalizou Roberto Costa, reforçando a cobrança e sua esperança de que, na próxima semana, possa dar uma satisfação concreta a dezenas de famílias que estão desassistidas.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...