PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

banner-OUTUBRO-valendo-1.gif

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Como o bacabalense avalia o governo Flávio Dino?

Esse é um dos questionamentos incluídos no formulário de uma pesquisa de opinião pública que teria sido feita recentemente em Bacabal a pedido do Governo do Estado e com resultado nada satisfatório. A falta de segurança pública, péssima infraestrutura da cidade e o não funcionamento do Hospital Regional Laura Vasconcelos foram os pontos negativos mais citados e que contribuíram para a baixa porcentagem na avaliação.
A capital maranhense tem tido tratamento privilégiado
e a maioria dos municípios do interior esquecida.
De fato, nos nove meses que está no comando do executivo maranhense o governador Flávio Dino (PCdoB) tem, pelo menos em nossa região, ficado muito abaixo das enormes expectativas, deixado evidente que suas atenções têm sido voltadas quase que exclusivamente para a capital do estado na tentativa de evitar a derrocada do aliado Edivaldo Holanda (PDT), prefeito que vê sua reeleição ameaçadíssima, já que em praticamente todas as consultas populares feitas até agora a deputada federal Eliziane Gama (PPS) aparece em primeiro lugar.
Super-secretário Márcio Jerry, que em Bacabal faz as vezes do
governador, recebendo parte da classe política local
aliada à Flávio Dino.
Com relação a Bacabal, outro ponto bastante criticado tem sido a falta de diálogo do governador com a classe política local, principalmente com as autoridades, como prefeito, vereadores e deputados. Para se ter uma ideia, dos seus aliados, apenas o deputado Carlinhos Florêncio (PHS) conseguiu furar o bloqueio, pois os demais jamais foram além do gabinete do secretário Márcio Jerry (Articulação Política), fora isso, só encontros casuais iguais ao que o prefeito Zé Alberto teve com Flávio Dino no Palácio dos Leões durante a solenidade de lançamento da  Feira de Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão que aconteceu, em São Luís, em julho desse ano.

Convidado para o evento o prefeito de Bacabal, finalmente, pôde pelo menos se aproximar do governador e posar ao seu lado para uma fotografia.

Em nove meses da nova gestão os bacabalenses têm sido mais lembrados como eleitores do que propriamente cidadãos maranhenses que sofrem por falta de absolutamente quase tudo. Para tratar do pleito eleitoral que se avizinha, por aqui já passaram alguns secretários de estado e, no próximo sábado (26), o vice-governador Carlos Brandão também deverá marcar presença em Bacabal para participar de reunião do Diretório Estadual do PSDB onde serão tratados assuntos pertinentes às eleições municipais de 2016, no mesmo dia o diretório do Partido Socialista Brasileiro (PSB) promove evento com objetivo semelhante.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...