PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

quinta-feira, 18 de junho de 2015

Bacabal participa do III Fórum Estadual de Cultura

Aconteceu na terça-feira (16), em nossa capital, o III Fórum Estadual de Cultura 2015 que escolheu os conselheiros através de processo seletivo. Os artistas de Bacabal, produtores culturais, e outros segmentos, estiveram presentes com 20 delegados representando o nosso município. Paulo Campos (poeta e compositor) e Márcia Jane (Movimento GLBT) foram eleitos como conselheiros da mesorregião centro-maranhense.
Também estiveram presentes como delegados o poeta Zezinho Casanova, o intérprete e compositor Perboire Ribeiro, a poetisa Iraide Martins, a atriz Dalva Santos, Cristina Miranda (representando a Secretaria Municipal de Cultura), entre outros.  
O Conselho Estadual de Cultura é composto por quarenta conselheiros e respectivos suplentes, sendo vinte indicados pelos entes federados municipais, estadual e federal, e vinte eleitos por fóruns específicos dos diversos segmentos culturais e sociais.
As mesorregiões são compostas de 5: Mesorregião Norte que é composta de 60 municípios, Mesorregião Oeste Maranhense composta por 52 municípios, Mesorregião Leste Maranhense, Mesorregião Centro Maranhense composta de 42 municípios, entre eles: Bacabal, Bom Lugar, Lago Verde, Olho d’água das Cunhas, Pedreiras, São Luiz Gonzaga, e outros. E a Mesorregião Sul Maranhense composta de 19 municípios.
Em consonância ao fortalecimento da Política Estadual de Cultura, o Governo do Estado realizou o processo eleitoral dos Conselheiros Estaduais de Cultura para o biênio 2015-2017.
Organizado no auditório do Centro de Ciências Sociais (CCSo) da Universidade Federal do Maranhão (Ufma),  a assembleia em forma de fórum reuniu gestores e representantes de segmentos culturais de todo o Estado do Maranhão.
Para tornar este encontro possível, no mês de abril, a Secma realizou seis fóruns regionais. Na oportunidade, representantes do Governo debateram a cerca do fortalecimento dos sistemas municipais de cultura, e apresentaram as normas e diretrizes que regem o processo eleitoral.
Ao término desta etapa, as lideranças se comprometeram em realizar as assembleias municipais, elegendo os delegados para o III Fórum Estadual de Cultura. Como representante legítimo do município que representa, os delegados tiveram direito a voto no Fórum, o que contribuiu para que um novo quadro de representantes do Conselho Estadual de Cultura fosse constituído.
“Temos no Maranhão uma experiência singular com o Conselho Estadual de Cultura, que tem atuado e funcionado muito bem. Agora estamos assegurando a sua renovação, como parte de um instrumento democrático, o qual este Fórum faz parte”, disse a secretária de Estado de Cultura, Ester Marques.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...