Publicidade

Banner-728-x-90.gif
Tecnologia do Blogger.

Teste Teste Teste

DUDA BIJOUX

DUDA BIJOUX

DEPÓSITO DE BEBIDAS

DEPÓSITO DE BEBIDAS

FACEBOOK

FACEBOOK

PROMOÇÃO DE FINAL DE ANO! SYGMA CURSOS TÉCNICOS E PROFISSIONALIZANTES

TV ÁGAPE (canal 40)

TV DIFUSORA (canal 2)

TV DIFUSORA (canal 2)

PESQUISAR

Arquivo do blog

ELEIÇÕES 2016

ELEIÇÕES 2016

Postagens populares

PERFUMES & PRESENTES

PERFUMES & PRESENTES

RÁDIO MIX

RÁDIO MIX
TV Difusora, canal 2, 6h15

LinkWithin

FANPAGE

Publicidade

BANNERS-fevereiro-2018-4.gif

Homem é morto a tiros em um bar de Bacabal

Vítima no necrotério do Pronto Socorro Municipal
Atualizada às 09h47

O garupa de uma motocicleta CG/Titan, cor vermelha, efetuou cinco disparos de arma de fogo que tiraram a vida de Jackson da Costa Silva, de 25 anos, que participava de uma festa realizada na madrugada deste sábado (28), no estabelecimento conhecido como Bar do Lula, na rua Djalma Dutra, bairro da Areia.

A vítima foi atingida por três dos cincos tiros efetuados quando se dirigia ao banheiro. O principal suspeito é um individuo conhecido como John Lennon, que seria sobrinho do menor infrator ‘Galego’ morto em confronto pela Polícia Militar em abril do ano passado.

Jackson ainda chegou a ser socorrido e levado ao Pronto Socorro Municipal, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Ele residia no bairro Trizidela.

Bar do Lula
Esclarecimento

Em entrevista concedida ao repórter Romário Alves (TV Difusora/Bacabal) o proprietário do bar negou que o crime tenha ocorrido em seu estabelecimento, mas o fato é que a vítima foi atingida pelos tiros quando, por algum motivo, se afastou alguns metros do local.

Jackson da Costa Silva, conhecido como Joaquim, estava no bar acompanhado da esposa e amigos, ao tentar escapar de seus algozes correu para o interior do bar, vindo a cair ferido em frente ao palco, o que insere o estabelecimento em toda a ocorrência.

Entretanto, é extremamente salutar deixar claro que o local dispõe de segurança particular e jamais foi registrada baderna por parte de seus assíduos frequentadores. Um crime de execução como esse é praticamente impossível de ser evitado e aconteceria em qualquer ambiente simples ou sofisticado, bastando para isso que a vítima lá estivesse.
Compartilhar:

EU JÁ DIZIA: Sem mandato, Zé Vieira pode perder o PROS e já planeja tomar 'no grito' o PP

De acordo com o jornalista e blogueiro Abel Carvalho, seria o ex-deputado federal e ex-prefeito de Bacabal, José Vieira Lins, o cabeça da articulação para derrubar o odontólogo e empresário Gilberto Lacerda do comando da comissão executiva municipal provisória do Partido Progressista (PP) de Bacabal.

O ex-deputado teria traçado o plano para a retomada da legenda durante sua estada em Bacabal no período momesco.

Esse comportamento é fruto do desprestigio político e moral que Zé Vieira passou a ter depois de acumular inúmeros insucessos nas urnas e nas barras da Justiça.

Eleições 2014

‘Ficha suja’, o ex-prefeito que já teve seus tempos áureos na cidade, sequer conseguiu dar a sua atual esposa uma votação que possa ser considerada razoável para uma candidata a deputada estadual apoiada por um político, até então, considerado transferidor de votos.

Foram apenas 6.704 obtidos em Bacabal.

Por um triz

Sem o status do mandato de deputado, cargo que Zé Vieira perdeu no início do mês, o ex-candidato ao senado Gastão Vieira (PMDB) passou a se movimentar em Brasília no sentindo de assumir o diretório estadual do Partido Republicano da Ordem Social (PROS) no Maranhão, atualmente presidido por Zé Vieira.

Como Gastão tem na manga do paletó o aval do ministro da educação Cid Gomes, também filiado ao PROS, é pouco provável que o ex-osso duro de roer continue no comando da legenda, e com isso ele já busca abrigo em outro partido.

Com o pretexto de ter profundo apego pelo Partido Progressista, legenda por onde se elegeu duas vezes a prefeito, Zé Vieira tenta desesperadamente uma reaproximação com o deputado federal Waldir Maranhão, controlador estadual do PP.

Waldir Maranhão foi o responsável por tirar o partido do controle do ex-prefeito passando-o para as mãos do deputado estadual Carlinhos Florêncio (PHS) e depois para Gilberto Lacerda, com quem Zé Vieira também não tem uma relação muito próxima.

Metendo o bedelho

Nessa guerra de bastidores ainda está envolvido o nome do vereador pepebista Erivelto Martins.

Segundo o blogueiro Louremar Fernandes, durante a visita de cortesia que Waldir Maranhão fez a Gilberto Lacerda, no último sábado (21), ninguém quis comentar sobre a história dando conta que poucos dias antes o vereador havia se deslocado para São Luís com uma pasta debaixo do braço na intenção de assumir o controle do PP em Bacabal

A iniciativa teria fracassado por dois motivos: primeiro o vereador se atrapalhou na sua investida e não se reportou às pessoas certas, tratando do caso com figuras do segundo escalão dentro do PP regional. Em um segundo momento, mesmo que tivesse tratado direto com o presidente Waldir Maranhão, a iniciativa dificilmente vingaria, já que não faz parte da história do deputado federal decisões no sentido de descredenciar diretórios municipais legalmente constituídos.

O final de semana promete novidade e vai ser tenso politicamente.
Compartilhar:

Carros, motos e sucatas recolhidas do pátio da Ciretran em Bacabal foram a leilão em São Luís

Pátio da 5ª Ciretran de Bacabal (Foto: Arquivo)
O Departamento Estadual de Trânsito do Maranhão (Detran) leilou, nesta sexta-feira (27), carros, motos e sucatas recolhidas dos pátios da sede do órgão, em São Luís, e das Ciretrans de Bacabal, Açailândia, Balsas, Codó e Imperatriz. O Leilão do tipo de maior lance ofereceu 189 lotes formados por bens que estavam armazenados nos pátios do Detran-MA há mais de 90 dias e não foram reclamados pelos proprietários. O leilão ocorreu na sede da Vip Leilões, no Km 7, da BR-135.
O presidente da Comissão de Leilão do Detran, Jhonatas Mendes Silva, explicou que a expectativa é realizar leilões com maior frequência para desafogar os pátios de São Luís e das Ciretrans. “Ano passado ocorreram somente quatro leilões, gerando um acúmulo considerável de carros nos pátios do órgão. Nossa meta é promover leilões a cada 15 dias. Dessa forma, solucionaremos o problema da lotação e ofereceremos um serviço para a sociedade com veículos bons e preços acessíveis”, afirmou.
Para o mecânico Wellington Raimundo Bezerra, participar do leilão é uma forma de garantir uma renda extra. “Esse é o quinto leilão que participo. Sempre acabo levando algum lote que revendo; ou sucata que retiro as peças e vendo”, declarou.
Sobre o leilão
Para participar dos leilões, os interessados devem ter mais de 18 anos de idade, não ser funcionário do Detran, de nenhuma Ciretran, nem das Secretarias Municipais de Trânsito e Transporte com carros a serem leiloados. Não podem participar também, policiais militares, civis e rodoviários federais, assim como funcionários de empresas terceirizadas que prestam serviços ao  Detran e Ciretrans.
Compartilhar:

Missa de 7º dia em sufrágio da alma de Dona Cassi será celebrada neste sábado (28)

A Família enlutada de Cassiana Ramos Lima agradece a todos pela solidariedade demonstrada neste momento de dor. Aos que trouxeram seu apoio através de palavras de conforto, de suas orações, formando uma grande corrente de carinho para com ela e pela sua família.

Ao mesmo tempo, convida a todos a participar da Missa de 7º Dia que será celebrada neste sábado (28),  às 19 horas, na Igreja de Santa Teresinha.

Dona Cassi, como era carinhosamente chamada, faleceu na manhã de do último domingo (22), por volta das 10h40, no Pronto Socorro Municipal de Bacabal onde estava internada em virtude de uma fibrose pulmonar, doença respiratória crônica e progressiva. Ela tinha 91 anos, era a matriarca de uma das mais tradicionais e respeitadas famílias bacabalense. Viúva do comerciante Acrisio (proprietário da Perola Peças) falecido há mais de 20 anos.

Criou com todo amor e carinho uma prole de 12 filhos, dentre eles, os comerciantes Alterêdo e Airton Lima, como também a odontóloga Dr. Fátima, e Dona Maria de Nato.
Compartilhar:

'Pastor' que arrastou animal pelo asfalto se diz arrependido; Assembleia de Deus nega que ele faça parte da congregação

O vídeo gravado através de um aparelho celular que mostra dois homens em uma motocicleta arrastando pelas ruas da cidade de São Mateus do Maranhão um cachorro amarrado e ainda vivo, teve grande repercussão e ainda hoje causa indignação e muita revolta em quem já teve a oportunidade de assisti-lo.

As pessoas que aparecem nas imagens postadas no Blog do Sérgio Matias e em sites de relacionamento, foram identificadas como Jônathan Petrucio, de 18 anos, e o pai Petrucio Silva, que em seu perfil no Facebook se apresenta como pastor da igreja evangélica Assembleia de Deus, fato negado com veemência pela congregação.

Em nota, Osvanildo Albuquerque, líder dos pastores da Assembleia de Deus, em São Mateus do Maranhão, esclarece que Petrucio Silva nem sequer faz parte do corpo de congregados daquela igreja e muito menos da Convenção Estadual das Assembleias de Deus no Maranhão (CEADEMA).

O pastor também lamenta que tenham relacionado o nome da entidade ao caso que foi registrado na noite do último domingo (22), próximo a avenida da rodoviária, e que não deverá ficar impune.

Punição

Um inquérito policial foi aberto para investigar o crime, que de acordo com a Lei nº 9.605 de 12 de Fevereiro de 1998, que dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente, em seu artigo 32, diz que praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos, resulta em pena de detenção, de três meses a um ano, e multa.

E mais, no inciso 2º da mesma lei está escrito: A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.
Defesa

Em uma entrevista concedida, por telefone, ao repórter Rikelme Costa Freire, da TV Difusora (SBT) de São Mateus Maranhão, Petrucio Silva se diz arrependido e que não esperava que o fato tomasse tamanha proporção. Nas suas alegações ele diz que não estava mal intencionado e que se apresentou na delegacia, de livre e espontânea vontade, tendo inclusive assinado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), registro de um fato tipificado como infração de menor potencial ofensivo, ou seja, crime de menor relevância, que tenha a pena máxima cominada em até 02 (dois) anos de cerceamento de liberdade ou multa. O referido registro contem a qualificação dos envolvidos e o relato do fato. É um boletim de ocorrência, com algumas informações adicionais, que serve de peça informativa para o Juizado Especial Criminal, conhecido também como Juizado de Pequenas Causas.

Na entrevista, Petrucio diz que seu filho apenas obedeceu a sua orientação, de ajuda-lo a levar o animal ao terreno baldio onde foi abandonado.

Questionado por quais razões procedeu daquela forma, ou seja, amarrando e arrastando o cachorro ainda vivo pelo asfalto, ele disse que o animal estava há alguns dias apresentando sintomas da leishmaniose visceral (calazar) e, que, no domingo, dia do ocorrido, um veículo teria atropelado o animal na porta de sua residência.

Ainda de acordo com suas informações, o animal estava bastante agressivo, tentando morder as pessoas que passavam próximo, aí como o cachorro ainda permanecia agonizando, por volta das 23 horas, ele tomou a decisão de amarra-lo para abandona-lo em outro local. Foi nesse momento que uma das testemunhas fez o vídeo com um aparelho celular.
Temor e arrependimento

Não suportando a pressão popular, Petrucio e o filho Jônathan deixaram São Mateus do Maranhão, cidade onde residem há 12 anos. Petrucio chegou a pedir desculpas à sociedade, que segundo ele, o transformou em um ‘mostro’ nas redes sociais.

Justiça

Mesmo com todas essas explicações e pedidos de desculpas, os movimentos organizados que defendem os direitos dos animais prometem lutar para que a morte do animal não fique em vão.

Ouça a entrevista concedida à TV Difusora:
Compartilhar:

É COCA OU É FANTA?! Homem é preso consumido drogas e com vibrador em quarto de motel, em Bacabal

Foto: Blog Falando Sério
Um usuário de drogas, identificado como Carlos André, foi conduzido até a delegacia do 1º Distrito Policial de Bacabal após ser preso por uma guarnição da Polícia Militar que foi acionada pelos proprietários de um motel que alegam que o mesmo se recusava a pagar a conta.

No quarto, os policias encontraram dois cachimbos usados para consumir crack, um vibrador e creme lubrificante. À polícia o homem informou que chegou ao local acompanhado de uma garota, mas que ela havia saído do motel, e só depois ele percebeu que R$ 300,00 (trezentos reais) que estavam em sua carteira porta-cédula haviam desaparecido. Segundo André, sua suposta amante e acusada de tê-lo roubado, reside no bairro Trizidela, porém, não soube ou não quis informar sua identidade.

Há quem duvide que realmente exista essa mulher, pois muitos acham que a droga e o vidrador eram usados pelo próprio André.
Compartilhar:

Depois do caos, prédio do Viva Cidadão em Bacabal é fechado e atendimento transferido para uma unidade móvel

Carreta do Viva Cidadão na praça Chagas Araújo, em Bacabal
No começo de fevereiro desse ano o Blog do Sérgio Matias denunciou as precariedades com que a unidade fixa do Viva Cidadão em Bacabal estava funcionando, dividindo com o escritório da Agerp (Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão) salas de um prédio antigo que passou por uma reforma apenas de fachada, estando com suas estruturas elétrica e hidráulica comprometidas e prejudicando a qualidade do atendimento aos cidadãos (cerca de 90 a 100)  de Bacabal e das várias cidades da região que diariamente se deslocam até nosso município. São pessoas idosas, com necessidades especiais e com crianças de colo passando o maior sufoco, sem sequer ter direito a fazer uso dos banheiros, todos interditados.

Nesta semana a Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (SEDIHPOP), junto com a Secretaria de Estado do Trabalho e da Economia Solidária (Setres), finalmente resolveu suspender o atendimento no local e dá inicio a recuperação da infraestrutura da unidade.

Para suprir essa deficiência desde a última terça-feira (24) uma Unidade Móvel do Viva Cidadão encontra-se na praça Chagas Araújo, próximo a prefeitura de Bacabal, fazendo atendendo a população com a emissão da 1ª via da Carteira de Identidade e CPF.

De acordo com informações, a carreta ficará em nosso município até o dia 5 de março.

Compartilhar:

Suspeitos de participação na morte de turista holandês são apresentados em São Luís

O turista holandês Ronald François Wolbeek foi assassinado na madrugada do domingo (15), na entrada da Baía de São Marcos. Nos últimos dias, a Polícia Civil vem sendo alvo de questionamentos sobre atuação no caso, em razão da competência tecno-jurídica. Diante da polêmica, o delegado-geral afirmou que a polícia vai continuar o seu trabalho e o Poder Judiciário decidirá sobre o âmbito da competência.

Suspeitos presos

No curso das investigações, iniciado horas depois do crime, a Polícia Civil chegou ao nome de quatro suspeitos identificados como ‘K-rur’, ‘Gegê’, Luiz Carlos e Elenilson ou ‘Palito’. Eles foram reconhecidos pela viúva, testemunha ocular do crime.

Diante de tais informações, a polícia diligenciou e conseguiu prender Nilson Fonseca da Conceição, conhecido como ‘K-rur’ e Genilson Campos Silva Pereira, o ‘Gegê’, os outros dois continuam foragidos.

Os dois suspeitos não foram presos pela morte do holandês. Segundo o delegado Jeffrey, ‘K-rur’ foi preso por força de um mandado judicial por sentença condenatória, em um crime de assalto, que tramitou na 5ª Vara Criminal. Já ‘Gegê’ foi preso em flagrante, após um assalto a um grupo de turistas uruguaios, na Ponta d’Areia.

A Polícia Civil continua diligenciando para prender os outros dois suspeitos, Luiz Carlos e Elenilson ou ‘Palito’, e terá um prazo de 30 dias para concluir o procedimento investigatório e encaminhar à Justiça. (Informações da SSP-MA).
Compartilhar:

GRAVE! Comandante do 15º BPM acusa subordinados de armar complô para 'derruba-lo' e diz que PM's cometiam abusos

Após a divulgação de trechos da gravação de diálogos do comandante do 15º BPM com alguns de seus subordinados na noite de quinta-feira (12), quando da realização de uma festa no “Caipirão”, o Major Miguel Neto manteve contato com o titular do blog para contar sua versão do caso. Na oportunidade ele também acusou alguns policiais de estarem fazendo complô para prejudica-lo.

Ainda de acordo com o comandante, a insatisfação desse determinado grupo seria em razão de medidas adotadas por ele visando evitar que os mesmos continuassem a cometer alguns abusos, e cita alguns exemplos, como maltratar e atender mal a comunidade, e usar as viaturas para resolver demandas particulares. Fatos que teriam gerado inúmeras reclamações por parte dos cidadãos.

A coibição dessas práticas seria então, no entender do Major Miguel Neto, o verdadeiro motivo de está sendo perseguido.

Caso “VTR no Caipirão”

No sábado (7) o comando do 15º BPM esteve reunido com proprietários de bares e restaurantes localizados no Centro Comercial Caipirão. Naquela oportunidade Major Miguel Neto recebeu várias reclamações no que tange a falta de segurança no local, principalmente, nos dias que acontece festa com música ao vivo. Também foi denunciada a presença constante de menores de idade, usuários de drogas e até traficantes de entorpecentes.

Outra queixa dos proprietários era quanto a passagem de veículos entre as mesas e cadeiras que são colocadas no meio da pista lateral da BR 316, que fica em frente aos bares e restaurantes.

Atendendo essas demandas, já na última quinta-feira (12), dia da semana que os eventos com música ao vivo são realizados, o comandante determinou que a guarnição se deslocasse até o local com uma viatura e lá permanecesse até a festa se encerrar, por volta das 2 horas da manhã.

Major Miguel Neto fez questão de tentar deixar claro que essa iniciativa visa coibir que as pessoas saiam bêbadas ou sem habilitação conduzindo carros e motos, evitando assim que haja acidentes de trânsito. O comandante também afirma que a presença da viatura permanentemente estacionada próxima ao Caipirão não deixa nenhuma parte da cidade desguarnecida, pois o veículo é o mesmo que geralmente faz a cobertura na área do Terminal Rodoviário, que funciona a poucos metros.

Além do mais, explica o Major Miguel Neto, existem outras duas viaturas que fazem ronda nas demais áreas, cada uma com três policiais.

Quanto aos demais estabelecimentos que promovem o mesmo tipo de evento em dias específicos da semana, o comandante garantiu que será adotada a mesma prática para garantir que os comerciantes exerçam suas atividades e o cidadão tenha segurança, pois não se faz evento público sem que se solicite a presença da Polícia Militar. Ouça abaixo a fala do comandante na íntegra.
Compartilhar:

Após recesso, vereadores de Bacabal ainda não voltaram de fato ao trabalho

A população de Bacabal tem no legislativo municipal 17 representantes eleitos para exercer mandato de quatro anos. Na Câmara Municipal eles se reúnem ordinariamente todas as quartas-feiras. Dentre suas várias funções, estão as de fiscalizar o executivo; elaborar projetos de lei; ouvir os clamores do povo e cobrar as soluções, seja no plenário ou por outros meios legais.

Essas funções são essenciais para um município funcionar bem.

Nesta quarta-feira (25) os edis bacabalenses retornaram do recesso parlamentar e deram início ao segundo período da atual legislatura. Apesar do merecido descanso, os vereadores parecem ter voltado ao trabalho com a mesma indisposição de antes. A sessão que poderia ser ordinária e tratar das inúmeras mazelas que assolam a população, se resumiu a atos solenes e oba-oba.
De novidade mesmo só a nova Mesa Diretora da Casa, presidida por Manuel da Concórdia e que tem ainda como membros Erivelto Martins (Vice-presidente); Rogério Santos (1º Secretário) e Natália Duda (2º Secretária).

A nova diretoria do legislativo bacabalense foi eleita com o voto contrário do vereador Florêncio Neto (PHS), em junho do ano passado, quando foi aprovado o projeto de resolução que alterou o regimento interno e antecipou a eleição.

Duas chapas, encabeçadas pelos vereadores Manuel da Concórdia (PSB) e Reginaldo do Posto (PPS) concorreram, e após uma disputa acirrada (9 votos contra 8), a nova mesa diretora foi eleita para o biênio 20015/2016.

Focado nesta expectativa, o Blog do Sérgio Matias quer saber de seus leitores que nota dão até aqui para o trabalho dos nossos legisladores municipais.

A enquete ficará no ar até a próxima quarta-feira, dia 5 de março, quando os vereadores voltam a colocar a mão na massa de fato.
Compartilhar:

Família é encontrada morta; polícia suspeita de crime passional

Lana, de 16 anos, foi uma das vítimas
Uma família foi encontrada morta em casa na cidade de Cordilheira Alta, no Oeste de Santa Catarina, na manhã desta quinta-feira (26), no distrito de Fernando Machado. De acordo com a Polícia Militar (PM), a suspeita é que Alcir Pederssetti, de 41 anos, assassinou a esposa, filha, sogro, sogra e cunhada e depois se matou. Os corpos foram encontrados por volta das 7h30 pela empregada doméstica, que acionou a polícia. Testemunhas relataram ter ouvido os disparos por volta das 4h30.
De acordo com a PM, Alcir não estava conformado com uma possível separação da esposa Monica Pederssetti, de 33 anos.
Além dos dois, também foram encontrados mortos a filha do casal, Lana Pederssetti, de 16 anos, os pais de Monica, Antonio Moresco e Luiza Moresco, de 68 e 65 anos, respectivamente, e a irmã de Monica, Lucimar Moresco, de 36 anos.

Todos foram mortos com tiros, conforme a Polícia Militar. Foram disparados nove tiros no total, segundo a PM. Ao lado do corpo de Alcir, foi encontrado um revólver calibre 38, que teria sido utilizado no crime.

De acordo com a PM, Alcir trabalhava na Prefeitura de Cordilheira Alta e a Monica tinha uma loja de confecções.

A casa da família foi isolada pelo Instituto Geral de Perícias (IGP) e Polícia Civil, que irá investigar o caso. (G1/SC).
Compartilhar:

SEM SALÁRIOS: Vigilantes de escolas públicas do Estado ameaçam acampar na porta da Seduc

Benedito Raposo, presidente do Sindicato dos Vigilantes do Estado do Maranhão (SINDVIGMA), esteve reunido com os servidores da Colt Brasil Segurança Privada, empresa com sede em São Luís, que presta serviço de vigilância nas escolas públicas do Estado.
Com sete meses de seus vencimentos em atraso esses profissionais foram deixados relegados à própria sorte pela gestão Rosena Sarney, entretanto, a nova gestão também não tem demostrado interesse em solucionar o problema. Por essa razão o prédio da Unidade Regional de Educação de Bacabal, localizado na rua 28 de Julho, está ocupado por parte dos servidores da Colt Brasil Segurança Privada desde a manhã da última terça-feira (24).
Na reunião com o representante do sindicato da categoria ficou decido que a paralisação continuará e, que, se até sexta-feira (27) não for resolvido a questão, vigilantes de todas as regionais se deslocarão até a capital onde acamparão em frente ao prédio da Secretaria de Estado da Educação (SEDUC).
Além dos que prestam serviço na regional de Bacabal, servidores das URE de Viana, Chapadinha e Timon, também paralisaram suas atividades.
Segundo o vigilante César Marques, Fábio Rondon (Assessoria Unidades Regionais de Educação) entrou em contato com os líderes do movimento em Bacabal, e, em tom ameaçador, afirmou que eles deveriam desocupar o prédio e procurar seus direitos junto aos responsáveis pela empresa que os contratou.
Até o exato momento a SEDUC não emitiu nenhuma nota oficial sobre o caso.
Compartilhar:

Major Miguel Neto diz em entrevista que intensificará o combate ao tráfico de drogas e fiscalização do trânsito, em Bacabal

Comandante PM sendo entrevistado na TV Ágape
O comandante do 15° Batalhão de Policia Militar da cidade de Bacabal, major PM Miguel Neto, esteve na manhã desta quinta-feira (26), na TV Ágape, canal 40, afiliada da Rede Super, onde foi entrevistado pelo apresentador Carlos Borromeus, no programa Balança Cidade.

Em sua fala, o comandante fez um resumo do carnaval, onde ocorreu tudo dentro da normalidade, de prisões de traficantes e de  apreensões de drogas que já foram feitas. Também discorreu sobre o combate constante ao tráfico de entorpecentes: "temos todo mapeamento dos pontos de comercialização de drogas. Trabalho feito pelo serviço de inteligência do 15° BPM, e não daremos trégua em momento algum", disse.

Disse ainda o major Miguel Neto, que serão intensificadas as blitzes nos bairros Cajueiro, Terra do Sol e Vila São João, uma vez que os delinquentes, dado o cerco ao bairro Trizidela estariam migrando para essas localidades.

Na entrevista, também destacou a aproximação Polícia e comunidade, e, que inclusive já aconteceu uma reunião do comando com membros da comunidade Trizidela, e que nos próximos dias a PM deverá  manter um ponto fixo naquela comunidade, o que atenderá localidades adjacentes como Cajueiro, Mangueira, Presídio  e Alto da Torre.

"Temos todo o planejamento já  feito pelo Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão com suas devidas adequações para cada região do Estado. Onde o combate ao tráfico de drogas, assaltos, e fiscalização do trânsito, são metas prioritárias", concluiu.
Compartilhar:

Taxista preso transportando mala cheia de drogas é colocado em liberdade; as evidencias comprovam sua inocência

O taxista Francisco Magalhães Figueiredo, de 47 anos, preso no sábado de carnaval, dia 14 de fevereiro desse ano, por uma guarnição do 15º BPM de Bacabal após ser encontrado no interior do seu veículo uma mala com aproximadamente 50kg de maconha, foi colocado em liberdade no final desta quarta-feira (25).

No dia do ocorrido o táxi que Francisco Magalhães conduzia foi interceptado no bairro Vila São João, porém, o suposto proprietário da droga conseguiu se evadir assim que percebeu a aproximação da viatura, deixando no veículo a mala com a droga.

Aos policiais o taxista informou que seu passageiro residia no bairro Vila Pedro Brito, entretanto, o mesmo não foi encontrado no endereço.

Depois de passar dez dias na Unidade de Ressocialização Prisional de Bacabal, Francisco Magalhães finalmente foi posto em liberdade, e para que isso ocorresse foi fundamental o depoimento da dona de casa Luzinete Araújo, de 51 anos, tia do suposto proprietário da droga.

De acordo com o que ela disse ao repórter e apresentador Nando Sousa (TV Mearim/Blog FalandoSério), seu sobrinho, conhecido como Wanderson, chegou a sua residência, na rua do Arame, por volta de 13h3 da tarde daquele dia. Ainda segundo ela, Wanderson estava em companhia de um mototaxista, que possivelmente sabia o havia na mala.

Dona Luzinete Araújo disse ainda, que após chegarem com a droga os saíram, e meia hora depois seu sobrinho retornou, só que dessa vez, em companhia do taxista Francisco Magalhães, que segundo dona Luzinete, teria sido contratado para fazer uma corrida da Vila Pedro Brito até o bairro Vila Graciete. Durante esse trajeto a policia abordou o veiculo e apreendeu a droga.
Durante o período que passou na prisão, familiares e amigos do taxista fizeram uma grande mobilização como o objetivo de provar sua inocência e vê-lo fora da cadeia, no seio familiar.
Compartilhar:

Júri Popular condena a 27 anos de prisão homem que assassinou a própria mãe , em Bacabal

Preso atrás das grades desde que assassinou sua própria mãe em novembro de 2013, João Filho Sena de Sousa, de 34 anos, sentou no banco dos réus do Salão do Júri do Fórum da Comarca de Bacabal, nesta quarta-feira (25).
A sessão foi presidida pelo Juiz João Paulo Mello, titular da 4ª Vara, e após o Conselho de Sentença reconhecer a culpabilidade do acusado por homicídio qualificado o réu foi condenado a 12 anos de reclusão, com os agravantes, a pena teve um percentual de aumento e foi fixada em 27 anos, que deverão ser cumpridos em regime, inicialmente fechado, na Unidade de Ressocialização Prisional de Bacabal, no povoado Piratininga.

O Defensor Público Fabio Marçal Lima recorreu da sentença e um novo julgamento poderá ser marcado.

Entenda o caso
Na tarde de domingo do dia 24 de novembro de 2013, João Filho assassinou sua mãe com um golpe de punhal. De acordo com o depoimento de uma filha da vítima Maria Eunice Serra de Sousa, de 62 anos, a idosa foi morta durante uma discussão com o filho que exigia dinheiro da mesma para comprar drogas. Em meio à discussão ele pegou um punhal e atingiu a mãe pelas costas.
O crime aconteceu na localidade conhecida como Alto da Torre, bairro Trizidela, em Bacabal, na residência da vítima. 

Leia também: ISSO É MARANHÃO! Sessão do Juri que julgaria acusado de assassinar a ex-companheira com 7 facadas foi adiada por falta de viatura e armamento para a escolta do réu
Compartilhar:

Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão elege novo presidente

Convidados no auditório Ernani Santos do TRE-MA
Na tarde desta quarta-feira (25) aconteceu em nossa capital a eleição para a escolha do novo presidente do Tribunal Regional Eleitoral. Como rege a tradição, a Corte conduziu à presidência o atual vice-presidente, desembargador Dr. Antônio Guerreiro Júnior, que comandará o processo eleitoral do próximo ano, quando os 217 municípios maranhenses escolherão seus novos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.
Dr. Guerreiro Júnior ao lado do repórter e apresentador
Israel Braga (TV Nova Esperança)  que fez uma entrevista exclusiva
com o novo presidente do TRE-MA
A saudação de boas vindas aos novos dirigentes foi realizada pelo desembargador Eduardo Moreira. “A simpatia, simplicidade, lealdade e honradez do desembargador Guerreiro Júnior justificam sua escolha como presidente e quanto à do desembargador Lourival Serejo, usarei trechos da obra literária ‘Do alto da Matriz’, de sua autoria, para fazer analogia à trajetória dele como magistrado. Literário, jurista, magistrado vianense, brasileiro. É ele que a Corte recebe nesta tarde, com louvor, para cumprir seus direitos constitucionais à frente da Corregedoria”.
Dr. Guerreiro em seu discurso de posse
Em seu discurso de posse, honrado e feliz, Guerreiro Júnior agradeceu aos cumprimentos e aproveitou para reiterar seu compromisso com a Justiça Eleitoral. “No período em que passarei na presidência desta Corte, agirei com o olhar atento para o mundo político que se renova e para os esforços que a gestão deste Tribunal exige”, afirmou.
Desembargadores, juízes, promotores, deputados estaduais, advogados, servidores, amigos dos eleitos e a imprensa prestigiaram o evento que ocorreu no auditório Ernani Santos do TRE-MA.
Antônio Pacheco Guerreiro Júnior nasceu em São Luís, onde concluiu sua formação acadêmica. Foi auxiliar de escritório do Tribunal de Justiça; diretor da Corregedoria Geral da Justiça; escrivão dos feitos da Fazenda Pública na capital e juiz aprovado em concurso público. Exerceu a magistratura junto às comarcas de Guimarães, Cururupu, Cedral, Pinheiro, Turiaçu, Cândido Mendes, Itapecuru-Mirim, Vargem Grande, Chapadinha, Bacabal (cidade que o adotou como filho e onde atualmente mantém residencia fixa), Lago da Pedra, São Mateus, São Luís Gonzaga do Maranhão, Olho D’Água das Cunhãs, Vitorino Freire, Paulo Ramos, Altamira do Maranhão, Pio XII e São Luís.
Fora da Justiça, exerceu o cargo de presidente da Cooperativa dos Profissionais Autônomos do Maranhão, vice-presidente da Cooperativa de Livros dos Universitários, participando ativamente de todas as lutas pelo melhoramento do ensino superior. Possui especialização em Direito Constitucional, Administrativo, Civil, Processual Civil, Tributário e Financeiro. Recebeu comendas de grande vulto na área jurídica, como as medalhas do Mérito Judiciário e Bento Moreira Lima, bem como os títulos de cidadania dos municípios de Itapecuru e Bacabal.
Foi condecorado ainda com a Medalha Simão Estácio da Silveira, concedida pela Câmara Municipal de São Luís. Desde 1998 ocupa o cargo de desembargador do Tribunal de Justiça do Maranhão, onde, no biênio de 2011-2013, exerceu o cargo de preside. (Com informações do TRE-MA).
Compartilhar:

CRIME! Animal é amarrado e arrastado vivo pelo asfalto em São Mateus do Maranhão

Um pastor evangélico e o filho adolescente estão sendo apontados como os protagonistas de uma cena bárbara registrada na noite do último domingo (22) na cidade de São Mateus do Maranhão.

No vídeo feito através de um aparelho celular é possível ver, sem muita nitidez, que duas pessoas utilizando uma motocicleta arrastam pelo asfalto um pequeno cachorrinho amarrado por uma corda.

Os gemidos do animal são comoventes.

Até hoje a população não se conforma com tamanha selvageria e faz um apelo para que as autoridades daquele município tomem alguma providencia no sentido de punir os responsáveis.

De acordo com o que foi relatado ao Blog do Sérgio Matias, pai e filho alegaram que o cachorrinho havia sido atropelado na frente da residência que moram e em função disso estariam o levando para um terreno baldio localizado próximo a avenida da rodoviária, justamente onde os dois foram flagrados passando arrastando o animal.

A população não entende também é o porquê dos mesmos não terem tentado salvar o animal, ao invés de prologarem ainda mais seu sofrimento. VEJA O VÍDEO.
O mais curioso é que, ainda de acordo com o que foi repassado ao blog por moradores de São Mateus do Maranhão, os dois algozes não disseram onde enterraram o corpo do animal que ajudaram a matar.

Vale lembrar que a Lei nº 9.605 de 12 de Fevereiro de 1998, que dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente, em seu artigo 32, diz que praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos, resulta em pena de detenção, de três meses a um ano, e multa.

E mais, no inciso 2º da mesma lei está escrito: A pena é aumentada de um sexto a um terço, se ocorre morte do animal.

A Justiça com a palavra...

EM TEMPO: Os nomes das duas pessoas que estão sendo acusadas de cometerem o crime foram repassados ao blog, entretanto, como não é possível identifica-los nas imagens e nem há ocorrência registrada na polícia, suas identidades não foram citadas.
Compartilhar:

2ª Vara da Comarca de Bacabal inicia correição

A 2ª Vara da Comarca de Bacabal deu início nessa segunda-feira (23) à Correição Geral Ordinária cujo encerramento está marcado para o dia 06 de março. A ação é presidida pela titular da unidade, juíza Daniela de Jesus Bonfim Ferreira. Durante o período da correição, os prazos processuais permanecem suspensos – exceção para processos de réus presos. Também durante o período a unidade recebe sugestões e críticas acerca dos serviços prestados pela 2ª Vara da Comarca.
Na Vara, com competência Civel, Criminal, Registro Público e Execução Penal, além da correição interna na Secretaria a ação contempla também os cartórios da sede da comarca, em número de quatro, e cartórios dos termos, esses em número de três. A Unidade Penitenciária de Ressocialização, os 1º e 2º DPs (diistritos policiais), Delegacia da Mulher e Delegacia Regional estão entre as unidades a ser correicionadas.
Execução Penal
Só no tocante à Execução Penal, são 123 presos cuja situação (cumprimento de pena, benefícios, etc.) a correição deve analisar. Segundo Daniela Bonfim, desses, 38 são presos definitivos – o restante é provisório - todos na Unidade de Ressocialização. As condições do local onde os presos se encontram também devem ser analisadas durante a correição.
Comarca de entrância intermediária Bacabal possui quatro varas e um Juizado Especial Cível e Criminal que tem como termos Bom Lugar, Conceição do Lago Açu e Lago Verde. A distância da comarca à capital é de 252 km.
Tramitam atualmente na 2ª Vara de Bacabal 2.213 processos ativos. (Informações de Marta Barros/Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão).
Compartilhar:

IML: Corpo de bacabalense não identificado pode ser sepultado como indigente em Belém do Pará


Amigos de um homem identificado apenas como ‘Cambota’, que morreu nesta terça-feira (24) em Belém do Pará, procuram sua mãe que reside aqui em Bacabal. ‘Maria do Peixe’ trabalharia vendendo comida em um dos mercados da cidade.

O corpo de seu filho encontra-se no Instituto Médico Legal da capital paraense aguardando a chegada de algum familiar, pois, caso isso não aconteça nos próximos dias a vítima será sepultada como indigente, já que não portava nenhum documento pessoal.

As circunstancias da morte de ‘Cambota’ não foram esclarecidas ao blog.

Quem tiver qualquer informação que possa levar à encontrar Dona ‘Maria do Peixe’ ou qualquer outra pessoa da família que entre urgentemente em contato com Juscelino, pelo fone: (91) 98105-4682.
Compartilhar:
← Anterior Proxima → Inicio

FACEBOOK

Rádio Timbira

Arquivo

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PARCERIA

PARCERIA

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE