PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Mestra da cultura popular bacabalense recebe Premio do Governo do Estado


Dona Nazareth nasceu no povoado Sincoral, zona rural de Bacabal.
mas há muitas décadas reside na rua Manoel Alves de Abreu
(em frente ao Fórum).
Quem construiu a identidade cultural do Maranhão, fez e faz História e repassa os saberes populares mais genuínos foram, finalmente, eternizados na memória oficial do estado. Na noite da última quinta-feira (17), no Convento das Mercês, o governador Flávio Dino realizou a cerimônia de premiação de Mestres e Mestras da Cultura Popular e Tradicional. Uma noite emocionante, cheia de ritmos e memórias, de reconhecimento a alguns dos destaques da cultura e da arte maranhense.

Entre os homenageados uma bacabalense teve sua noite de celebridade.

Dona Maria de Nazareth do Nascimento Souza,  de 80 anos de idade, recebeu das mãos do governador o título oficial de Mestra da Cultura Popular do Maranhão na categoria Culinária Tradicional Maranhense, e teve seu nome inscrito para sempre no Livro de Saberes de Registro do Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial do Estado do Maranhão. 

A ideia da premiação, além da entrega do diploma de reconhecimento e do valor repassado, é preservar e valorizar a história e a arte produzida no Maranhão. Para o governador Flávio Dino, a iniciativa reverencia quem realmente precisa ser lembrado pela História, condecora quem por anos esteve na invisibilidade, sem o reconhecimento que realmente merece. “São líderes e heróis da luta e cultura do povo, que não tinham o reconhecimento devido de acordo com a lei, que garantisse que a narrativa oficial incorporasse esses saberes que foram delineados ao longo de séculos. E, por isso mesmo, nós estamos felizes de assegurar que, com essa premiação que receberão, eles terão o reconhecimento e estímulo necessário para aquilo que nós precisamos e desejamos, que é a garantia de que essa identidade, que eles representam, não se perderá. A História não pode ser apenas a história dos vencedores e poderosos, tem que ser a historia de todos”, destacou o governador, que ainda anunciou, diante do sucesso da noite, que o prêmio, que antes seria feito de dois em dois anos, será realizado anualmente.
Acompanhada pela fiel amiga, Raimundo de Oliveira; do secretário de Cultura de Bacabal, Paulo Campos; da presidente do  Conselho Municipal de Cultura, Márcia Jane; e dos técnicos da SEMUC Zezinho Casanova e Mestre Pinta, Mestra Nazinha era só alegria e exibia com orgulho o reconhecimento da arte de cozinhar os sabores típicos do Maranhão.

O prêmio de Mestra Nazinha foi concedido através da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema).

O Secretário de Cultura Paulo Campos afirmou que "a SEMUC continuará com a política de valorização dos mestres da cultura popular, nossos técnicos já estão autorizados a inscrevê-los no Premio  2018. É assim que sabemos fazer cultura, com respeito ao povo de Bacabal', concluiu Paulo Campos que aproveitou a oportunidade para resolver outras demandas da pasta.

Entre os ganhadores estiveram mestres e mestras dos municípios de São Luís, Icatu, Amarante do Maranhão, Axixá, Alcântara, Bacabal e Caxias. (Texto adaptado por Zezinho Casanova a partir de reportagem da SECTUR).

Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Bacabal emite nota pública


A Secretaria Municipal de Meio Ambiente - SEMMAM, no uso de suas atribuições legais, conforme estabelece a Lei Municipal 1272/2015 e o Decreto Municipal nº559/2017, informa que durante o período de 24 a 31 de agosto, estarão sendo realizadas as visitas de Cadastramento de Atividades e Empreendimentos de Impactos Ambientais Locais, considerando a continuidade dos procedimentos de Implementação do Licenciamento Ambiental Municipal.

Dessa forma, deverão efetuar o cadastro todas as pessoas jurídicas e os empresários individuais, prestadores de serviços estabelecidos ou domiciliados no município de Bacabal.

Inicialmente serão realizados os cadastros dos empreendimentos prestadores de serviço de saúde (clinicas, laboratórios, farmácias, hospitais, UBS’s).

Cumpre ressaltar que as visitas ocorrerão no horário de funcionamento das empresas, sendo realizadas pelos Técnicos da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, devidamente identificados.

Espera-se que as empresas possam atender à esta normativa e prestar as informações cadastrais devidas.

Bacabal, 21 de agosto de 2017
.
Gleidson S. Santos
Secretário de Meio Ambiente

Suspeitos de latrocínio linchados por populares em Altamira do Maranhão ainda não tiveram seus verdadeiros nomes revelados pela polícia


O caso publicado em primeira mão pelo Blog Altamira do Maranhão tem repercutido em todo estado devido a barbárie iniciada no final da tarde de quinta-feira (17) com o latrocínio (roubo seguido de morte) que teve como vítima um cidadão identificado como ‘Arão’. O crime foi praticado na estrada do povoado Duas Barracas, zona rural de Altamira do Maranhão.

De acordo com as informações, após anunciarem o assalto, os três bandidos mataram 'Arão' e balearam sua esposa. As vítimas trafegavam em uma motocicleta.

Ao tomar conhecimento, populares saíram à caça dos suspeitos.

Um deles foi morto horas depois, os outros dois foram perseguidos e, na manhã deste sábado (19), foram capturados e também espancados até a morte.

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram os corpos dos dois suspeitos caídos em uma área de matagal e policiais militares próximos. Em outro, os corpos já aparecem em cima de uma caminhonete, provavelmente, sendo levados para o necrotério.

Atrás do veículo seguem dezenas de populares em carros, motocicletas e outros transportes fazendo uma espécie de buzinaço. Também é possível ouvir salva de fogos.
video
Até o momento, apesar da gravidade da situação, nenhum órgão da Segurança Pública emitiu qualquer nota, também não há informações sobre a identidade dos três suspeitos mortos.

Você conhece a medicina da dor? Em Bacabal contamos com médico especialista Dr. Davi Castro, na Clinica Dr. Mauricio Carvalho

Embora a dor seja uma condição universalmente presente em todos os tempos, a especialidade médica de controle da dor é nova. Anteriormente, a dor era entendida apenas como um sintoma de uma doença específica. Hoje, é vista como um problema complexo que requer conhecimento especializado para sua avaliação e tratamento.

A medicina evolui a cada dia, e com novas especificidades: uma delas é a dor. Esse novo ramo da atividade médica se dedica exclusivamente ao combate da dor.
A medicina intervencionista da dor é uma área de atuação médica que visa realizar diagnósticos e tratamentos para pacientes com dores crônicas através de procedimentos minimamente invasivos (sem cirurgias).

Os procedimentos são realizados SEMPRE guiados por um método de imagem (ultrassom, raio-x ou tomografia), garantindo uma maior precisão durante o tratamento.

Quais são as principais dores que podem ser tratadas com a medicina da dor?

Uma infinidade de estados dolorosos crônicos podem ser tratamentos através da medicina da dor. Alguns exemplos são:

-dores lombares
-hérnias de disco
-dores de cabeça
-neuralgia do trigêmeo
-dores faciais
-dores cervicais
-dores torácicas
-artrose de quadril e joelho
-dores pélvicas
-herpes zoster
-neuropatias (ex. neuropatia diabética)
-dores pós cirurgias
-dores musculares e etc...

Na Clínica Dr. Maurício Carvalho você conta com o atendimento do Dr. Davi Castro, médico especialista em Neurologia e Medicina da dor.

Rua Magalhães de Almeida, 606 - Centro | Bacabal-MA
Telefones: (99) 36217780 / 99108-4165 / 98219-1212 (whatsapp)

SAAE realiza campanha contra ligações clandestinas


O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Bacabal (SAAE) deu início a uma campanha de combate a ligações clandestinas. O diretor do Ramón Braga alerta a população para os problemas decorrentes desse tipo e ligação de água, e prejuízos ambientais decorrentes da mesma prática. "Na ligação clandestina, em geral, é usado material inadequado, que acaba causando infiltrações e vazamentos na rede, ocasionando desperdício e até mesmo contaminação, o que é um risco para a saúde. Assim, a sociedade como um todo, precisa ajudar a cuidar desse precioso e vital bem", afirmou Braga.

A ligação clandestina prejudica a todos e é um problema muito sério que deve ser combatido. De acordo com artigo 155, do Código Penal, é crime o furto de água, sendo lavrado boletim de ocorrência, pode até mesmo levar o infrator à prisão.

A direção do SAAE também pede que a população ajude a combater essa fraude, que é prejudicial a todos, sendo garantido sigilo absoluto para quem denunciar, podendo a mesma ser feita pelo telefone  0800 0066010.

Secretaria Municipal de Finanças moderniza atendimento e emissão de notas fiscais agora é eletrônica


Com informações de Cleber Lima
Modernizar e consequentemente desburocratizar o atendimento à população têm sido as principais metas da gestão do economista Alex Abreu, vereador licenciado, que assumiu a Secretaria Municipal de Finanças no início do ano a pedido do prefeito Zé Vieira (PP) e vem, como era esperado, conseguindo promover significativas melhorias.

A emissão de notas fiscais, por exemplo, que há tempos era motivo de muitas reclamações, agora passa a ser eletrônica.

Nota Fiscal de Serviços Eletrônica

NFS-e é o documento fiscal que substitui as tradicionais notas fiscais de serviços impressas. A NFS-e é emitida e armazenada eletronicamente no sistema da Prefeitura Municipal de Bacabal, com o objetivo de materializar os fatos geradores do ISSQN, por meio do registro eletrônico das prestações de serviços sujeitas à tributação.

O novo portal de emissão de nota fiscal é 100% web e visa otimizar a emissão de nota dos prestadores de serviços, oferecendo diversos serviços entre eles o envio automático da nota fiscal para o e-mail do tomador de serviço e a comunicação entre sistemas proprietários com o sistema de prefeitura através de Web Service.

O endereço do portal é www.tributosmunicipais.com.br e para mais informações entre em contato com o setor de finanças do município ou através do suporte online presente no portal.

Outras ações importantes como essa também foram minuciosamente elaboradas pela equipe técnica do setor, como a campanha do IPTU 2017, Recadastramento Imobiliário - esse que será iniciado em setembro e vai até o mês de dezembro, facilitando para os donos de imóveis na hora de vender, trocar ou fazer qualquer negócio -, e ainda a atualização do Código Tributário do Município.

LEIA TAMBÉM:

Mesmo licenciado do cargo, vereador Alex Abreu exerce função de fiscalizador e reivindica benefícios para a população

sábado, 19 de agosto de 2017

“O Aulão do Enem é nota 10”, diz aluno após participar do programa em Bacabal


Por Fabiana Akira (Secap)
Foto: Felipe Neiva.
O Aulão do Enem me ajudou muito a entender como funciona a prova e também a tirar dúvidas das matérias. Tinha coisa que aprendi em um dia que não tinha conseguido entender em uma semana de aula na escola. O Aulão do Enem é nota 10”, conta Fabrício Sousa Silva, de 17 anos. O jovem participou do Aulão realizado em Bacabal, no último dia 12.

A edição 2017 do programa leva para os municípios aulas de português, matemática, química, história, geografia, biologia, física, literatura, língua estrangeira, redação e sociologia, ministradas por uma equipe de professores com vasta experiência em curso pré-vestibular e contratados pela Secretaria da Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), responsável pela realização do programa.

Ao todo, a nova edição vai percorrer 94 municípios maranhenses, um número quase cinco vezes maior que o da primeira edição, realizada em 2015, quando 20 municípios receberam a megarrevisão que leva mais conhecimento aos jovens do interior que sonham ingressar em uma universidade.

Quem também participou da edição de Bacabal foi Francisco das Chagas Castro, de 20 anos. Ele conta que a forma com que os conteúdos do Aulão são repassados são o principal diferencial. “Os professores são muito bons, conseguem passar o conteúdo de uma forma muito leve e que nos instiga a aprender mais”, conta.

Material 


O que também chamou a atenção do jovem foi o material didático, uma espécie de apostila que é entregue a todos os participantes dos aulões. “O material que eles entregaram é muito bom. Tem explicação dos conteúdos e também exercícios para testar o conhecimento aprendido na aula. É um apoio muito grande para quem vem se preparando para o Enem”, diz o jovem morador do povoado Barraca do Açude, em Bacabal.

O diferencial também é percebido pelos professores, como Maria Paixão. Ela leciona espanhol e já participou dos Aulões 2017 realizados em Colinas, Mirador, São João dos Patos e Paraibano. “Essa é uma iniciativa que deve permanecer muito tempo porque são visíveis a alegria e gratidão dos alunos do interior em ter essa oportunidade. Nós levamos o melhor que podemos oferecer aos alunos e também aprendemos com eles em todas edições”, diz a mestre que dá aulas desde 1995.

Novidades

Entre as novidades deste ano, está a disponibilização de todas as aulas preparatórias na Plataforma Negro Cosme – negrocosme.secti.ma.gov.br/start – possibilitando que as aulas sejam acessadas pela internet.

Outra inovação é a incorporação do módulo “Aulão da Cidadania”, que vai trabalhar conceitos como cidadania e desenvolvimento junto aos jovens que participarem de todas as aulas do Aulão.

Comerciante de Bacabal que teve estabelecimento assaltado faz apelo aos bandidos


Por volta das 19h20 desta sexta-feira (18) o Comercial Sara, localizado na rua Maranhão Sobrinho, centro, em Bacabal, foi alvo de três bandidos que se aproveitaram do momento em que o estabelecimento estava fechando as portas e, ao se passarem por clientes, anunciaram o assalto.

De acordo com informações, todos portavam arma de fogo e do local fugiram levando em torno de R$ 3 mil em dinheiro, aparelhos celulares de clientes e funcionários e um cordão de ouro do proprietário.

O mais surpreendente foi que o trio, antes de empreender fuga, como se já conhecesse o interior do prédio, se dirigiu até a sala onde ficava a central das câmeras de vigilância e também levaram o computador que armazenava as imagens.
Apesar do prejuízo, o proprietário faz um apelo aos assaltantes que pelo menos devolvam as notas promissórias e as folhas de cheque de clientes, pois não têm valor para os mesmos, porém, sem elas o prejuízo para o comércio será ainda maior.

Caso alguém da população também as encontre jogadas por algum lugar, por favor devolve-las no Comercial Sara.

TV Difusora

A polícia investiga o caso que será mostrado com exclusividade nesta segunda-feira (21), a partir das 6h15, no programa Bandeira 2, com Romário Alves, e, ao meio-dia, no Na Hora D, com Samuel David.

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Casal de idosos fica no relento após usuária de drogas atear fogo em casa de taipa


Essa humilde casa de taipa, localizada na rua Maneco Mendes, bairro Trizidela, foi quase que completamente destruída por um incêndio criminoso ocorrido na manhã desta sexta-feira (18). O proprietário Osvaldo Alves da Silva, de 68 anos de idade, conta que ele e a companheira Margarida de Alencar, de 52, terão agora que dormir no relento, pois não têm para onde ir.
Seu Osvaldo aponta uma mulher de nome Lucimeyre como a responsável por atear fogo em sua casa. Ela seria usuária de drogas e constantemente exigia dinheiro do casal que, temendo o pior, às vezes cedia às ameaças.

Lucimeyre já teria tentando incendiar o imóvel na terça-feira (15), porém, Seu Osvaldo, que é lavrador, conseguiu apagar o fogo antes que tomasse grande proporção.

Nesta sexta-feira, infelizmente, ele não teve a mesma sorte e as chamas consumiram todos os seus pertences, como móveis e utensílios domésticos. O casal ficou apenas com a roupa do corpo e conta neste momento com a solidariedade dos vizinhos. Seu Osvaldo pede ainda a ajuda da população bacabalense em geral no que tange a doação de material para a reconstrução de sua casa.
Quem puder contribuir pode se dirigir ao local: rua Maneco Mendes, nº 141, bairro Trizidela.

A Polícia Civil tenta localizar e prender a suspeita.

Solidariedade

O repórter Romário Alves (TV Difusora) esteve no bairro Trizidela conversando com o casal e se comprometeu a também pedir a ajuda dos seus telespectadores.

A matéria vai ao ar na segunda-feira (21), a partir das 6h15, no programa Bandeira 2.

Cliente constrangida e acusada de furto aciona supermercado de Bacabal na justiça


Cópia do Boletim de Ocorrência registrado pela vítima.
Um caso ocorrido no último dia 09 de agosto no interior de um estabelecimento comercial, localizado à margem da rodovia BR-316, em Bacabal, virou caso de polícia após cliente procurar a delegacia para registrar boletim de ocorrência.

A estudante Maria Letícia Sousa Freitas, de 24 anos, moradora da rua da Paz, bairro Coelho Dias, comunicou à autoridade policial que encontrava-se na Brasil Atacarejo fazendo compras e, depois de efetuar o pagamento, na saída foi abruptamente abordada por seguranças que, na frente de funcionários e outros clientes, alegaram que a mesma tinha subtraído um reparador de pontas [de cabelo] e, ainda de acordo com os argumentos dos seguranças, o suposto furto teria sido registrado pelas câmeras do circuito interno de vigilância.

Após ser revistada e o produto não ter sido encontrado, Maria Letícia foi encaminhada à sala onde fica a central de monitoramento e, neste intervalo, pediu, via celular, a ajuda de seu namorado que logo chegou.

Na referida sala estava o gerente do estabelecimento na companhia de um policial militar identificado pela cliente como Cabo Augusto.

Ao verificar as imagens das câmeras foi constatado que, na realidade, a cliente não havia cometido nenhum furto, antes, porém, ela ainda foi questionada se o reparador não estaria escondido em outra parte.

Diante da situação que submeteram a cliente, a direção se ateve a pedir desculpas pelo constrangimento, já Maria Letícia, bastante abalada emocionalmente, procurou a Delegacia do 1º Distrito Policial onde foi confeccionado o B. O.

A cliente também já buscou o auxílio de uma advogada que dará prosseguimento ao que o caso requer.

Casos de excessos por parte do comércio são registrados com frequência em Bacabal. Em março desse ano, por exemplo, Rhelme Souza, de 36 anos, moradora do residencial Cidade Jardins, procurou o Blog do Sérgio Matias para denunciar a omissão da gerência de uma loja de departamentos localizada na rua Getúlio Vargas. De acordo com ela, por volta das 11 horas da manhã daquele dia o aparelho celular de sua filha foi furtado do interior da Loja.

Ainda segundo Rhelme, enquanto a sua filha testava um calçado, colocou o celular (Samsung Galaxi J3) na cadeira ao lado e, pouco tempo depois, deu por falta do aparelho que tem apenas dois meses de uso.

As duas foram imediatamente à gerência para tentar identificar, através das câmeras do circuito interno de segurança, a pessoa que havia cometido o furto, mas, entretanto, a responsável pela loja teria negado o acesso às imagens, alegando que isso só poderia ser feito por determinação judicial.

A vítima reclamava que vendedores e seguranças também não colaboraram.

RELEMBRE O CASO:

Cliente vítima de furto dentro de loja em Bacabal acusa o estabelecimento de omissão

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...