Páginas

domingo, 21 de dezembro de 2014

Roberto Costa pede urgência no pagamento de professores da UEMA

a sessão da terça-feira (16) o deputado estadual Roberto Costa (PMDB) repercutiu o grave problema de atraso no pagamento dos professores contratados pela Universidade Estadual do Maranhão-UEMA. Apesar de se mostrar compreensível em relação a vários pontos da situação, o parlamentar classificou de “prática abominável”, o professor estar em sala de aula trabalhando e não receber por isso.
Roberto Costa destacou que a situação é reflexo da necessidade de realização de um concurso público para a UEMA, o que leva a contratação de professores que possam sanar a carência de docentes efetivos no quadro da Universidade.
Após reunião com o Secretário de Estado da Gestão e Previdência (Segep), Marcos Fernando Jacinto, o deputado tomou conhecimento de que a contratação desses professores, realizada pela UEMA em junho, não teria sido autorizada, o que agora tem inviabilizado o pagamento.
O parlamentar, porém, cobrou que sejam tomadas medidas urgentes para resolver o atraso de seis meses que está prejudicando 224 professores no estado; somente em Bacabal são quase 50 professores à espera dos seus salários.
“São vários pontos delicados na mesma situação, os professores contratados resolvem a carência de professores que deveria ser sanada por concurso público, mas independente das questões administrativas, se eles trabalharam, precisam receber aquilo que lhes é de direito”, pontuou.
Uma das principais preocupações de Costa é que a questão seja resolvida o quanto antes para evitar a paralisação de professores, o que prejudicaria diretamente os alunos da instituição. A expectativa agora é que os docentes recebam do Estado, o pagamento atrasado na modalidade de indenização.

Escola Francisco Vieira Lins é ampliada e atenderá cerca de 1000 alunos

Em dois anos de administração o prefeito Zé Alberto Veloso (PMDB) estabeleceu a Educação como bandeira principal. A valorização do educador, os investimentos nos espaços físicos, no transporte escolar e no fornecimento de merenda de qualidade para os alunos, resultaram em grandes conquistas para o setor.

Para 2015 a meta é continuar investindo no conhecimento.

Esta semana mais uma unidade escolar reformada  e ampliada foi entregue aos estudantes. Trata-se da Unidade Escolar Francisco Vieira Lins construída em 1997. Com as mudanças o número de salas de aula dobrou, passando de 7 para 14, t todas climatizadas.

A escola que antes atendia cerca de 400 alunos, a partir de 2015, contará com cerca de 1000 estudantes, muitos deles oriundos do CAIC.
Durante a cerimônia de reinauguração estavam presentes o deputado federal Alberto Filho, vereadores, secretários municipais, pais de alunos e o prefeito Zé Alberto Veloso.

“Está escola representa a preocupação do nosso governo com a educação. Foi ampliada, climatizada e vai atender quase mil alunos que agora irão estudar em local confortável”, pontuou o prefeito.

O prefeito de Bacabal também lembrou que outras escolas serão entregues no começo do ano de 2015. “Estamos construindo uma escola com 16 salas de aula no Residencial Terra do Sol e vamos construir mais cinco creches no ano que vem”, finalizou.

sábado, 20 de dezembro de 2014

Acidente com vítima fatal em rodovia do Maranhão envolve carro de passeio e dois caminhões

Aconteceu na manhã desta sexta-feira (19) um grave acidente, na BR 222, na altura do  km 151, próximo a Cidade de Buriticupu-MA, envolvendo dois caminhões e um automóvel Celta.

Segundo informações passada ao blogueiro Jo Fernandes, o Celta seguia sentido Açailândia-MA, quando teria feito uma ultrapassagem forçada a um dos caminhão que tem placas OEB 3805 - Pedro II-PI, que acabou colidindo de frente com outro que vinha sentido contrário, com placa NUV 3673 - Nova Russas-CE.

O celta era ocupado por três jovens. Um morreu no local e os outros dois foram encaminhados para o Hospital Municipal Pedro Neiva de Santana em estado grave. Os motoristas dos caminhões não tiveram ferimentos graves.

Prefeito Sérgio Miranda deseja um feliz natal e próspero 2015 a todos bomlugarenses

O ano novo se aproxima e desejamos que as esperanças do povo bomlugarense se renovem com o brilho da fé e a certeza de muitas vitórias que, certamente, serão maiores em 2015. Que neste ano novo o trabalho possa continuar.

Que tenhamos sempre a certeza que Deus está no controle de tudo e que podemos todas as coisas naquele que nos fortalece.

Feliz natal e um 2015 repleto de conquistas e muita saúde a todos bomlugarenses. São os mais sinceros votos do prefeito Sérgio Miranda e família!
video

Justiça Eleitoral do Maranhão diploma os eleitos em 2014

Presidente e corregedor diplomaram governador e vice
Os candidatos eleitos em 2014 receberam seus diplomas da Justiça Eleitoral nesta sexta-feira (19) durante sessão solene do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão realizada no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana.
O documento, que foi entregue pelos membros do TRE-MA, certifica que os eleitos cumpriram as formalidades previstas na legislação eleitoral e estão aptos a exercer o mandato.
No total, 80 eleitos foram diplomados, sendo 1 governador, 1 vice, 1 senador (primeiro e segundo suplente), 18 deputados federais e 42 deputados estaduais, além do primeiro suplente de cada partido e/ou coligação.
Pelos diplomados, discursou o governador
eleito Flávio Dino
Em nome da Justiça Eleitoral do Maranhão, o desembargador Froz Sobrinho (presidente) saudou os presentes, afirmando que a entrega dos diplomas confirma a vontade popular manifestada nas urnas eletrônicas, por meio do sufrágio universal, individual, direto, secreto e de igual valor para todos, nos termos da Constituição Federal e da Lei Eleitoral.
“Nesta oportunidade, estamos conferindo legitimidade aos representantes do povo e do Estado do Maranhão, dos Poderes Executivo e Legislativo, aptos ao exercício do mandato em toda sua plenitude e ao cumprimento dos deveres a ele vinculados”.
O presidente também enumerou as frentes de trabalho que o TRE-MA desenvolveu ao longo deste ano, manifestando o quanto estava feliz. “Estamos muito felizes em encerrar com chave de ouro, reconhecendo o empenho de todos os envolvidos no processo eleitoral”, assentou.
Pelos diplomados, discursou o governador eleito Flávio Dino. Emocionado, ele registrou que sua diplomação foi um ato marcado de muitos significados. “Significados que se encontram na seguinte indagação: a quem pertence o diploma que orgulhosamente hoje recebemos? Não foi algo que conquistamos individualmente. Creio que esse diploma pertence em primeiro lugar a Deus - que rege o universo e guia os nossos caminhos e traz valores e princípios de fraternidade, justiça e solidariedade que inspiram o bem fazer política. Creio que esse diploma pertence ao povo do Maranhão. Este diploma é impregnado de vida que nasceu de batalhas e das caminhadas que fizemos no sol, na chuva. Este diploma pertence aos invisíveis, mais simples, esquecidos deste estado que moram em casas de taipas, que portam deficiências e que lhes faltam políticas públicas”.
Abertura da Sessão Solene de diplomação
dos eleitos nas Eleições 2014
Mesa
Compuseram a mesa membros do TRE; o governador Arnaldo Melo; os desembargadores Cleones Carvalho Cunha (representando a presidente do TJMA, desembargadora Cleonice Freire), Nelma Sarney (corregedora do TJMA) e Raimundo Barros (presidente da Comissão de Juízes Auxiliares do TRE-MA); o deputado estadual Marcelo Tavares (representando o presidente da Assembleia Legislativa, Max Barros); o senador eleito Roberto Rocha; o prefeito Edivaldo Holanda Júnior (São Luís); o procurador regional eleitoral Thiago Oliveira (substituto); o advogado Mário Macieira (presidente da OAB-MA); o conselheiro Edmar Serra Cutrim (presidente do TCE-MA) e o diretor-geral Gustavo Costa Campos (TRE-MA).
A Corte do TRE-MA está atualmente formada pelos desembargadores eleitorais Froz Sobrinho (presidente), Guerreiro Júnior (corregedor), Eulálio Figueiredo (ouvidor), Clodomir Reis (diretor da EJE), Alice Rocha, Daniel Blume e Eduardo Moreira.
Reeleitos, Deputado Estadual Roberto Costa
e Deputado Federal Alberto Filho,
foram diplomados.
A entrega
Os diplomados foram chamados para receberem seus diplomas de acordo com a ordem de votação na urna eletrônica. Já os diplomados aos cargos proporcionais foram chamados pela coligação e/ou partido que obteve maior número de candidatos eleitos e pela ordem decrescente de votação.
video

VALEU GABRIEL MEDINA! Nesta sexta-feira (19) no Havaí ele se tornou o primeiro brasileiro campeão mundial de surfe


sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

MARANHÃO: Quarteto armado invade ônibus e fere policial gravemente; um dos bandidos foi morto

Na madrugada desta sexta-feira (19) quatro homens armados aproveitaram que um ônibus diminuiu a velocidade para passar por um quebra-molas, próximo ao povoado Santa Rosa, no município de Capinzal do Norte-MA, para entrar na marra no veículo e render o motorista.

No momento em que bandidos abordavam os passageiros, dois policiais militares que também estavam a bordo, reagiram e houve troca de tiros.

O assaltante Antonio Francisco de Sousa Lima foi alvejado e morreu na hora. Já o sub-tenente do 5º BPM de Barra do Corda, Ariston Rêgo Milhomem, foi atingido por quatro tiros e encaminhado em estado grave para São Luís.

O restante do bando empreendeu fuga com o veículo ainda em movimento. A arma usada para ferir o policial foi apreendida, assim também como um aparelho celular que estava com o bandido morto e servirá como pista para identificar e localizar os demais assaltantes.

Ex-vereador de Cidelândia, interior do Maranhão, é encontrado morto e despido; vítima havia sido condenada por duas tentativas de homicídio

O ex-vereador Edes Alves Feitosa, mais conhecido como Cachorrão, da cidade de Cidelândia, a 34 km de Açailândia, foi encontrado morto no lixão da cidade, totalmente despido. O crime aconteceu na noite da quinta-feira (18) e está envolto em mistério.

O corpo do ex-parlamentar foi encontrado na manhã desta sexta-feira (19) caído ao lado do carro em um local afastado da cidade.

Cachorrão exerceu o mandato de vereador por três vezes consecutivas, inclusive tendo ocupado a presidência da Câmara. A polícia está em busca de pistas que levem à elucidação do crime.

Condenação

No dia 25 de março desse ano Edes Alves Feitosa havia sido condenado a 8 anos de prisão, mas recorreu da sentença e estava em liberdade.

Edes foi julgado pela acusação de tentativa de homicídio, cujas vítimas foram o então secretário de Saúde do município de Cidelândia, Pedro Pereira Carvalho de Sá, na ocasião com 60 anos, e o filho dele, Gilmar Ribeiro de Sá, que tinha 30 anos. O crime duplo aconteceu no dia 16 de abril de 2006 e na ocasião Edes Alves Feitosa era o presidente da Câmara Municipal de Cidelândia.

Segundo os autos do processo, a motivação do crime foi porque o vereador irritou-se com o farol alto de um veículo que chegou na casa do secretário, localizada ao de um bar onde o ex-vereador estava bebendo. Na discussão Edes Feitosa atingiu Pedro de Sá com uma facada, que atingiu o baço. Dois golpes desferidos em Gilmar atingiram suas costas e um braço.
Ex-vereador Cachorrão
As vítimas foram socorridas e levadas para Imperatriz, onde foram submetidas a intervenções cirúrgicas e sobreviveram. (Com informações dos blogs do Irmão Naldo/Rei dos Bastidores).

'Quero levar o nome de Bacabal para o mundo todo', diz Pedro Gusmão

Pedro Gusmão, com a equipe do Kerala Blasters
(o segundo agachado, da esquerda para a direita)
(Foto: Divulgação/ Kerala Blasters)
O título acima na realidade foi extraído pelo Blog do Sérgio Matias de outra reportagem do globoesporte.com publicada no dia 22/05/2013, e tem absolutamente tudo a ver com o momento especial que o atacante bacabalense Pedro Gusmão vive hoje. Naquela época, quando disse: 'Quero levar o nome de Bacabal para o mundo todo', ele deixava o Bacabal Esporte Clube depois de se tornar o artilheiro do campeonato maranhense com 15 gols, indo se apresentar ao Atlético-PR.

De lá para cá se passou pouco mais de um ano, mas acredito que já se pode afirmar que Pedro Gusmão conseguiu cumprir sua promessa, pois até agora não há uma reportagem dos grandes veículos da imprensa esportiva do Brasil e do mundo que não relacione o nome do atacante que faz sucesso na Índia à sua terra natal.

Um exemplo você pode ler abaixo na reportagem publicada nesta sexta-feira (19) no site globoesporte.com.
Por Cochim, Índia

O menino nascido em Bacabal, a 240 km de São Luís, no Maranhão, profetizava um sonho e queria levar o nome da cidade para o mundo todo. Em parte, o objetivo foi atingido. Nos últimos três meses, o atacante Pedro Gusmão está na Índia, emprestado pelo Atlético-PR para vestir a camisa do Kerala Blasters, na Super Liga Indiana. E a passagem pelo futebol indiano fica marcada pela presença na final do torneio, no jogo contra o Atlético de Kolkata, neste sábado. 

Gusmão faz parte de um grupo de jogadores do Atlético-PR emprestado para equipes da Índia, em um projeto que quer tornar popular o futebol no país. Além dos atleticanos, nomes como o de Del Piero, Trezeguet e Zico, como treinador, foram contratados para a temporada. Da turma de atleticanos - Bruno Pelissari (Chennaiyin), Gustavo Marmentini (Delhi Dynamos) e Guilherme Batata (NorthEast United) - apenas ele e o zagueiro Erwin conseguiram chegar à final. 

Fã de Ronaldo Fenômeno e torcedor do Vasco na infância, Gusmão passou pelas categorias de base do Cruzeiro, Guarani e Santa Cruz. Em 2013, após rescindir com a equipe pernambucana, retornou ao Maranhão para defender o Bacabal, no Campeonato Maranhense, onde foi artilheiro, com 15 gols, e chamou a atenção do Atlético-PR. De promessa, passou a andarilho. Sem espaço no Furacão, onde não chegou a jogar, foi emprestado à Ferroviária, mas disputou apenas uma partida. 

Quando achou que não ia mais ter oportunidades, recebeu a notícia que iria jogar em solo indiano. O susto foi grande, principalmente para os pais, e as dificuldades também. Chegou em meio à dezena de línguas que existem na Índia e teve que se esforçar para aprender o inglês, o segundo idioma no país e também entre os jogadores. Comeu muita pimenta até acostumar com o paladar indiano, mas já aprendeu com o espírito e filosofia hindu de não perder o bom humor mesmo em dificuldades. 

- Aprendi com os indianos que não importa o quão ruim as coisas vão, eles estão sempre com um sorriso estampado no rosto, sempre brincando, conversando e felizes, independente do que aconteça - disse em entrevista ao GloboEsporte.com direto de Cochim, no estado de Kerala, no oeste da Índia.

Antes de entrar em campo na final da Super Liga Indiana, o atacante relembra momentos da infância, fala sobre o relacionamento com a família, a falta de oportunidades no Atlético-PR, o aprendizado na Índia, o encontro com Zico e as incertezas sobre o futuro.

GloboEsporte.com: Como foram seus primeiros passos no futebol?

Pedro Gusmão: Eu fiz testes em alguns lugares, como no Cruzeiro, também fiquei oito meses no Sport, e depois fui para o Esporte Clube São Bento, de Sorocaba. Aí o pessoal do Guarani (MG) me viu e foi onde assinei o meu primeiro contrato profissional, com 18 anos. Fiz a minha base lá e depois fui para o Santa Cruz, já como profissional. E então recebi o convite para jogar no Bacabal, no campeonato maranhense, onde vivi o melhor momento da minha carreira. Fui artilheiro (16 gols) e consegui chamar a atenção do Atlético-PR. E através do próprio Atlético-PR tive a oportunidade de vir para cá, em uma parceria deles com o pessoal aqui da Índia, e estou muito feliz com a oportunidade, de poder jogar em um país diferente.

Passou por dificuldades até chegar ao Atlético-PR?

Olha, eu passei muitas dificuldades. Para quem quer ser jogador não é diferente, mas de uns dois anos pra cá, graças a Deus, a coisa vem melhorando bastante. Passei muito tempo longe da minha família, no começo você vai sozinho para um lugar, sem conhecer nada. Não cheguei a passar fome, mas já tive uma alimentação bem abaixo do que é necessária para um atleta em alguns clubes por onde passei.

Como você recebeu o convite para vir ao Atlético-PR?

Por ser um time grande do Brasil, eu sempre acompanhava. Tenho um conterrâneo, que é o Manoel (zagueiro, hoje no Cruzeiro), e eu também sempre o acompanhava. Quando fiquei sabendo do interesse meus olhos brilharam. Fiquei muito feliz por se tratar de um clube grande, de primeira divisão, com uma estrutura invejável. Mas chegando lá, eu vi uma realidade totalmente diferente daquilo que eu estava acostumado. Não tinha experiência em grandes centros e me assustei um pouco. Foi uma situação nova pra mim, de repente saí do modesto Bacabal e fui conviver com jogadores como Paulo Baier, o Luiz Alberto, o próprio Manoel. Mas conforme as coisas foram acontecendo, eu fui me adaptando, não por completo, mas agora com esses empréstimos, como no ano passado (Ferroviária) e esse (Kerala Blasters), aprendi bastante e espero voltar mais maduro para, quem sabe, ter uma oportunidade no clube.


Leia também: Sucesso de público, Liga Indiana terá duelo entre "Brasil e Espanha" na final (aqui Pedro Gusmão concede entrevista via internet e novamente faz questão de lembrar da sua terra natal).

Reportagem sobre apreensão do helicóptero de Edinho Lobão que foi censurada em site, continua no blog

Informação publicada pelo blogueiro Luís Pablo, diz que o empresário Roberto Albuquerque, proprietário da TV Guará, censurou sua própria emissora e, na manhã desta quinta-feira (19), o vídeo com a reportagem que noticiava a apreensão do helicóptero do senador Edinho Lobão, foi retirado do site da emissora (www.tvguara.com).

O vídeo publicado também no Youtube mostra imagens exclusivas da aeronave do senador Lobão Filho sendo levada da sua residência, no bairro do Olho D’Água, em São Luís.
As imagens foram publicadas no site da TV Guará, por volta das 20 horas de ontem (18), minutos depois, o Blog do Sérgio Matias talvez tenha sido o primeiro a reproduzi-las (Veja), não sem antes fazer o download, justamente para evitar que caso resolvessem exclui-las do youtube, elas também não desaparecessem do blog. Mas, provavelmente em virtude da repercussão negativa que houve após a denúncia do blogueiro Luís Pablo, a reportagem com o vídeo foi novamente publicada no site da emissora, às 13h22 desta sexta-feira (19).

Banco do Brasil divulga edital de concurso para escriturário; provas serão realizadas em Bacabal e outras cidades

Com previsão de lançamento do edital somente em 2015, Banco do Brasil antecipou divulgação das normas regionalizada para cargo de Escriturário em vários estados do país. Diário Oficial da União divulgou normas da seleção externa que irá formar cadastro reserva em 2.499 postos de nível inicial da Carreira Administrativa do Banco - Escriturário - em dependências situadas nos estados do Maranhão, Acre, Amapá, Amazonas Ceará, Mato Grosso, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina e Sergipe.

A Fundação Cesgranrio coordenará a seleção que abre inscrições já no dia 22 de dezembro.

O cargo de Escriturário exige nível médio completo e tem salário inicial de R$ 2.227,26, mais vantagens como possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional, participação nos lucros ou resultados, vale-transporte, auxílio-creche, ajuda alimentação/refeição, auxílio a filho com deficiência, plano odontológico, assistência médica (plano de saúde) e previdência privada. Veja o edital.

Do total de vagas preenchidas durante o prazo de validade do concurso, 5% serão para candidatos portadores de deficiência e 20% para os candidatos afrodescendentes ou pardos.

A inscrição no concurso deverá ser efetuada no período de 22 de dezembro de 2014 a 19 de janeiro de 2015, pela internet, através do site www.cesgranrio.org.br . A taxa de inscrição será de R$ 40,00 e no momento da inscrição o candidato deverá optar pela Microrregião de atuação.

O concurso constará de avaliação de conhecimentos, mediante aplicação de prova objetiva constituída de 70 questões de múltipla escolha, sendo 25 questões de conhecimentos básicos e 45 questões de conhecimentos específicos, de caráter eliminatório e classificatório. Instituída a pouco tempo nos concursos do banco, a prova de redação também ocorrerá nesta seleção.

As provas objetivas e de redação serão realizadas no dia 15 de março de 2015. As provas ocorrerão em São Luís, Bacabal, Pinheiro, Imperatriz, Balsas, Presidente Dutra, Caxias e Chapadinha.

O prazo de validade do concurso esgotar-se-á após um ano a contar da data de publicação do edital de homologação dos resultados finais, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período, a critério exclusivo do Banco do Brasil.

Veja abaixo as demais cidades do Brasil onde também ocorrerão as prova.

ACRE: Rio Branco, Cruzeiro do Sul, Epitaciolândia.

AMAPÁ: Macapá.

AMAZONAS: Manaus, Parintins.

CEARÁ: Fortaleza, Maracanaú, Itapipoca, Sobral, Quixadá, Russas, Crateús, Juazeiro do Norte.

MATO GROSSO: Cuiabá, Cáceres, Barra do Garças, Rondonópolis, Confresa, Alta Floresta, Tangará da Serra, Juína, Sinop.

PARAÍBA: João Pessoa, Campina Grande, Patos, Sousa.

PARANÁ: Curitiba, Campo Largo, Paranaguá, Rio Negro, Guarapuava, Pato Branco, Ponta Grossa, Cascavel, Foz do Iguaçu, Campo Mourão, Umuarama, Maringá, Paranavaí, Londrina.

PERNAMBUCO: Recife, Jacarezinho, Jaboatão dos Guararapes, Olinda-PE, Palmares, Vitória de Santo Antão, Timbaúba, Caruaru, Garanhuns, Serra Talhada, Petrolina.

PIAUÍ: Teresina, Parnaíba, Poços, Floriano.

RIO GRANDE DO NORTE: Natal, Mossoró.

RONDÔNIA: Porto Velho, Ji-Paraná, Cocal, Vilhena.

RORAIMA: Boa Vista, Rorainópolis.

SANTA CATARINA: Joinville, Mafra, Lages, Caçador, Joaçaba, Chapecó, São Miguel Do Oeste, Rio do Sul.

SERGIPE: Aracaju, Estância, Nossa Senhora da Glória, Itabaiana, Lagarto, Capela.

Professora de São Luís Gonzaga é presa acusada de agiotagem

Thiago Salgado, delegado titular da cidade de São Luís Gonzaga do Maranhão, cumpriu naquela cidade mandado de prisão em desfavor da professora identificada como Maria Neide, que ao lado do esposo Wagner Marques de Carvalho, são acusados do crime de agiotagem praticado há anos contra idosos e analfabetos.

A Polícia Civil começou a desvendar o caso ainda em novembro desse ano após cumprir outro mandado expedido pela Justiça, dessa vez de busca e apreensão. O delegado juntamente com seus investigadores esteve na residência do casal, localizada no centro da cidade, e lá foi feita uma minuciosa revista em todos os cômodos. Como a polícia suspeitava, havia vasto material característico de quem pratica a agiotagem, como 60 cartões magnéticos (bancário e do programa federal Bolsa Família); 70 folhas de cheques; R$ 5.000,00 (cinco mil reais) em espécie; 30 aparelhos celulares; relógios e joias.

Na época, ao tomar conhecimento da ação policial, dezenas de vitimas se dirigiram à delegacia no intuito de reaver seus cartões ou objetos. Diante da situação o delegado Thiago Salgado aproveitou para ouvi-las, e o teor dos depoimentos serviu como base para que os mandados de prisão contra os dois fossem expedidos.

Maria Neide recebeu voz de prisão, nesta quinta-feira (18), no momento que estava sentada tranquilamente na porta de casa. Já Wagner Marques de Carvalho não foi encontrado no local, e, segundo sua esposa, ele havia vindo à Bacabal.

Na oportunidade os policiais fizeram outra revista na residência e novamente encontraram cartões magnéticos e a quantia de R$ 5.000,00 (cinco mil reais).
Maria Neide é lotada na Secretária Municipal de Educação há 33 anos. Wagner também é servidor público e trabalha como vigilante.

Os dois têm vários imóveis em São Luís Gonzaga.

Após colocar Maria Neide atrás das grandes a polícia tenta agora encontrar Wagner Marques de Carvalho que até o momento se encontra foragido.

Justiça absolve João Castelo por denúncias de improbidade administrativa

Castelo é absolvido do primeiro processo julgado
após sua passagem pela Prefeitura de São Luís.
Após uma longa instrução processual, o juiz de direito Clésio Cunha, da 1ª Vara da fazenda Pública, reconheceu improcedente o processo (41637-89.2011.8.10.0001) movido pelo Ministério Público que pedia a condenação do ex-prefeito de São Luís, João Castelo Ribeiro Gonçalves. Na ação, o MP acusava Castelo de ter cometido crime de improbidade administrativa na condução de contratos de recuperação, reconstrução de pavimentação asfáltica.

Entenda o caso

O Ministério Público ajuizou a denúncia por considerar irregular o processo originado pelo decreto 36.635/2009, que resultou na contratação da empresa Pavetec. De acordo com o MP, ocorreu uma dispensa indevida e direcionamento de licitação, o que incorreria em crime de improbidade administrativa. 

Na época, a Pavetec venceu a concorrência pública Nº 003/2010 e iniciou serviços em quase todas as principais vias de São Luís. O processo foi questionado pelo MP por conta dos valores envolvidos e resultou na ação. A empresa também figurava como ré no processo. 

Nesta quinta-feira (18) a Justiça julgou as denúncias improcedentes e reconheceu que as ações da prefeitura não resultaram em prejuízos. Clésio Cunha ainda ressaltou que não foram apresentados quaisquer indícios de enriquecimento ilícito, comprovação de perdas para o erário público ou provas de má fé do agente público envolvido, no caso o ex-prefeito João Castelo. Sendo assim, afirmou que as denúncias não possuíam o embasamento necessário para que fosse reconhecido o crime de improbidade administrativa e julgou improcedentes as denúncias do MP, absolvendo João Castelo e todos os envolvidos no processo. 

Este é o primeiro processo julgado referente à passagem de João Castelo pela Prefeitura de São Luís. Confira a decisão do juiz Clésio Cunha em anexo.