Páginas

sábado, 19 de abril de 2014

Patricinha "dançou" e por pouco não foi agredida por populares

Patrícia Santos Reis, a "Patricinha", foi agarrada por moradores do bairro da Mangueira após a mesma furtar 1 aparelho celular e um notebook de uma residência localizada na avenida Brasil.

Segundo Leidiane Almeida, de 29 anos, proprietária do imóvel, "Patricinha" havia pedido para usar o banheiro, porém, adentrou foi em um dos quartos e furtou os objetos.

Com várias passagens pela polícia, "Patricinha" logo levantou suspeita ao ser vista e só não foi agredida fisicamente pelos populares graças a intervenção dos policiais militares.

O crime foi registrado por volta das 10h30 deste sábado (19). "Patricinha" reside no bairro São Lucas.

Maioria do STF sinaliza que greve de Polícia Militar é inconstitucional

O soldado e vereador Marco Prisco (PSDB-BA) foi preso
na tarde desta sexta-feira (18)
Fontes ouvidas pelo Blog do jornalista Gerson Camarotti sinalizam que a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal interpreta que a greve da Polícia Militar é inconstitucional. Nos últimos dias, integrantes do Ministério Público Federal fizeram consultas informais ao Judiciário para avaliar a situação, depois da greve de policiais na Bahia. Essa posição deve ser verbalizada pela Suprema Corte, caso haja recurso no STF por parte do principal líder da paralisação, o soldado e vereador tucano, Marcos Prisco, que foi preso na tarde desta sexta-feira.

Prisco foi apontado como o “cabeça” do movimento grevista. Segundo o Ministério Público Federal, qualquer recurso contra sua detenção só poderá ser ajuizado no STF. O MPF afirmou ainda em nota que Prisco é processado por crime político grave e que a intenção do pedido de prisão à Justiça Federal foi o de “garantir a ordem pública”.

O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, também manteve contatos frequentes nos últimos dias com integrantes do Judiciário, Ministério Público Federal e do governo da Bahia. Havia um temor de que houvesse um “efeito dominó” em outros estados como Rio Grande do Norte, Pernambuco e São Paulo, justamente na véspera da Copa do Mundo, o que poderia gerar no país um clima de insegurança generalizado.

Por isso, segundo autoridades ouvidas pelo Blog, a prisão de Prisco é classificada como “didática” e “pedagógica”. “Policial militar não faz greve: o que aconteceu na Bahia foi uma insurreição, um motim”, resumiu uma autoridade federal. Segundo essa fonte, a ação imediata do governador Jaques Wagner (PT-BA) para esvaziar essa greve ajudou a conter que o movimento ganhasse uma dimensão nacional, com potencial explosivo em outros estados.

Procurado pelo Blog, o governador Jaques Wagner disse que a prisão de Prisco foi um pedido do MPF e uma decisão da Justiça Federal. “O governo acolhe a decisão da Justiça federal”, ressaltou Wagner.

Prefeitura de Bacabal entrega novo Restaurante do Povo

Restaurantes Populares são unidades de alimentação e nutrição que têm como princípios fundamentais a produção e a distribuição de refeições saudáveis, com alto valor nutricional, a preços acessíveis, para as pessoas que estão em situação de insegurança alimenta. Preferencialmente estes restaurantes devem ser construídos em grandes centros urbanos de cidades com população superior a 100.000 (cem mil) habitantes.
Restaurante do Povo
Apesar de já ter assegurado para Bacabal o programa “Cozinha Solidária” em parceria com o Governo Federal para a construção de um restaurante onde será fornecida alimentação gratuita à famílias pobres, o prefeito Zé Alberto Veloso estabeleceu uma meta de entregar quatro Restaurante do Povo mantidos com recursos do município até o final do seu mandato.
O primeiro foi inaugurado em 2013 no Centro Cultural e fornece atualmente 700 refeições por dia ao preço simbólico de R$ 2,00.
O segundo Restaurante do Povo foi entregue no último dia 17 de abril, data de aniversário de 94 anos de emancipação politica do município. Mais amplo, o restaurante construído na Vila Frei Solano produzirá 1000 refeições por dia e beneficiará famílias que residem na região periférica, residencial Terra do Sol e na zona rural.
“Entregamos quatro novas UBSs, ampliamos o abastecimento de água na Vila São João, entregamos escola na zona rural e agora estamos aqui entregando ao povo essa obra maravilhosa que é este restaurante. Vamos construir quatro Restaurantes do Povo, já entregamos dois e até o final do nosso governo entregaremos o restante” disse com entusiasmo o prefeito Zé Alberto Veloso.
O almoço que simbolizou a entrega do novo restaurante contou com a presença do senador João Alberto, do deputado federal Alberto Filho e vereadores. (Informações da Assecom - PMB).

Trio invade imóvel para furtar vários produtos e dinheiro

Nem mesmo durante a Semana Santa, tradição religiosa católica que celebra a paixão, a morte e a ressurreição de Jesus Cristo, os meliantes dão folga.

Aproveitando que o proprietário de uma residência localizada na rua Pantanal, bairro Pedro Brito, deixou o imóvel sem ninguém, três homens arrombaram e entraram no local de onde furtaram 3 redes de dormir; 1 aparelho de DVD; Peças de roupa; calçado; 1 aparelho celular e aproximadamente R$ 4.000,00 (quatro mil reais) em espécie.

Após ser denunciado o trio foi preso pela Polícia Militar em outra rua do mesmo bairro. Francisco Almeida, de 40 anos, Raimundo Pereira dos Santos, de 30 anos, além de Rodrigo Soares, de 28 anos, foram encaminhados ao 1º Distrito Policial.

Com eles foram encontrados praticamente todos os produtos furtados e a quantia em dinheiro.

Deputado Carlinhos Florêncio homenageia Bacabal e faz críticas ao atual governo

O deputado Carlinhos Florêncio (PHS), por meio de entrevista concedida na quarta-feira (16), no Plenário da Assembleia Legislativa do Maranhão, homenageou sua cidade natal, Bacabal, que nesta quinta-feira (17), completou 94 anos de emancipação política.

“É com muita alegria que comemoramos o aniversário de 94 anos de Bacabal e, ao mesmo tempo, com tristeza por vê-la tão maltratada e desprezada pelo poder público municipal. Nossa cidade e nosso povo não merecem esse tratamento”, afirmou.

Segue abaixo trechos da entrevista.

Como o senhor se sente comemorando o aniversário de 94 anos de Bacabal, sua cidade natal?

“Sem dúvida que com muita emoção e com um profundo sentimento de orgulho de ser seu filho, de lá ter vivido minha infância e adolescência, de ter constituído minha família e de testemunhar a labuta diária de meu pai, Florêncio, que foi um dos muito que contribuíram para desenvolver Bacabal. Mas, ao mesmo tempo, com um sentimento de tristeza de ver nossa cidade tão maltratada. Os serviços públicos de Bacabal não funcionam, por isso a indignação de nossa população manifestada nos protestos realizados perante a Câmara Municipal.”

Mas, mesmo diante dessa situação em que se encontra Bacabal, temos o que comemorar ou festejar?

“Sim. Antes de tudo, temos que festejar e destacar a crescente consciência política da gente bacabalense que se indigna com a situação da cidade e faz questão de demonstrar isso, realizando protestos e cobrando respostas do governo para seus problemas. E o vereador Florêncio Neto tem sido, na Câmara Municipal, o porta voz da insatisfação crescente da população de Bacabal diante do desgoverno a que assistimos. É próprio da democracia a manifestação livre do povo no sentido de cobrar as políticas públicas a que tem direito.”

Que presente o senhor dar para Bacabal nesta data festiva?

“O meu trabalho, a minha luta, o meu empenho e o nosso mandato que sempre esteve e estará a serviço do povo de Bacabal e da região do Médio Mearim. Nesses quase quatro anos de mandato, tenho dedicado meu trabalho parlamentar no sentido de fazer prevalecer os interesses da nossa cidade e de ajudar nosso povo a melhorar cada vez mais suas condições de vida. Destaco aqui, dentre outros benefícios que conseguimos por intermédio do nosso mandato, a implantação de programa Viva Cidadão em Bacabal. Essa é uma grande conquista que vem beneficiando a população não só de Bacaba, mas de toda a região do Médio Mearim. Ressalto também nosso intenso trabalho junto aos produtores e agricultores familiares, os mutirões de saúde que realizamos, de prevenção de câncer de próstata e as emendas parlamentares que direcionamos para o Hemomar e para o Hospital Materno Infantil, respectivamente, no valor de R$ 100 mil e R$ 150mil.” (Informações da Assecom - Dep. Carlinhos Florêncio).

CBF escala árbitro de Bacabal para a 1ª rodada do Campeonato Brasileiro

Fernando (ao centro) é árbitro da CBF desde 2004
Mesmo diante de tantas tristezas e decepções no que se refere ao Bacabal Esporte Clube, único time profissional da cidade, os desportistas bacabalenses terão neste sábado (18) motivo para se orgulhar.

Árbitro assistente da Confederação Brasileira de Futebol desde 2004, Antonio Fernando de Sousa Santos, de 39 anos, foi escalado pela CBF para trabalhar na primeira rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

Fernando será um dos bandeirinhas que auxiliarão o pernambucano Gilberto Rodrigues Castro Júnior, árbitro principal da partida entre Ceará-CE e Oeste-SP, às 21 horas, na Arena Castelão, em Fortaleza.
O representante bacabalense seguiu viagem às 13 horas desta sexta-feira (18) para São Luís, em seguida, às 20h30, embarcou em um vôo com destino à capital alencarina.

Bom trabalho e boa sorte ao nosso conterrâneo.

sexta-feira, 18 de abril de 2014

Flávio Dino defende criação do programa "Mais Médico Estadual"

No programa do PCdoB que foi ao ar na noite desta quinta-feira (17), o pré-candidato ao Governo do Estado, Flávio Dino, defendeu a criação do "Mais Médico Estadual" para garantir aos maranhenses um melhor atendimento em saúde e aos médicos uma carreira bem remunerada. "Também precisamos qualificar os cursos de medicina e abrir mais vagas" disse.

Reveja abaixo o programa.
video

Curiosidades sobre a páscoa

Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia

Para os cristãos, a páscoa é marcada pela ressurreição de Cristo, pelo Seu renascimento, pelo surgimento de uma vida nova. Além disso, a sexta-feira santa é a data assinalada pelo sofrimento e crucificação de Cristo.

Existem algumas curiosidades sobre a história do coelho da páscoa. Na Alemanha, as crianças esperam ovos dos coelhos. As crianças tchecas confiam que os presentes são ofertados por uma cotovia (ave campestre). Na Suíça, são os cucos que levam os ovos de presente e, no Brasil, a tradição do coelho, que veio no final do século XIX.

Outra história põe sentido à tradição do coelho representar um símbolo da páscoa, uma vez que este simboliza a igreja. A igreja tem a missão fecunda de propagar os ensinamentos cristãos, a palavra de Deus, para todos os povos; sem distinção, ou seja, aumentar a quantidade de discípulos. Assim, uma grande quantidade de pessoas é representada pela fertilidade do coelho.

Há uma lenda que marca a história do coelho da páscoa. Ela conta que uma mulher pobre, que não tinha como presentear seus filhos no domingo de páscoa, cozinhou alguns ovos de galinha e os pintou. Ela teve a ideia de colocá-los dentro de um ninho e escondê-los no quintal da casa, entre as plantas. Quando as crianças encontraram os ovos, um coelho apareceu por perto e fugiu; as crianças acreditaram que ele havia colocado os ovos para elas, assim a história se propagou.

Patrulha Rural é implantada pelo 15º BPM

O projeto tem inicialmente como abrangência todos os povoados pertencentes a cidade de Bacabal na  área de responsabilidade do 15º BPM, podendo em casos especiais ser estendido às 12 (doze) cidades de sua abrangência. O município de Bacabal compreende mais de 80 povoados divididos em cinco rotas.

Rota I, sentido a São Luis, acesso vicinal, compreendendo os povoados: Cajueiro, Vila Esperança, São Benedito, Santa Maria, Barreirinha, Guaraciaba, Pregos, Cajapió, Alto Fogoso, Centrinho, Mutum e Barra Grande; Rota II (Baixada) via Estrada da Bela Vista: Cajueiro, Bela Vista, Oiteiro, Sincorá, Água Fria, Terra Santa, Vale do Mearim, Capim, Centro do Cardoso, Centro do Cirilo, Pantanal, Centro da Laura, Vila Bacabal, Areal, Cananara, Seco das Mulatas, Bacurizeiro, Campo Redondo, Santa Efigênia e Jardim; Rota III, Bacabal sentido São Luis, acesso vicinal, tendo como referencia o povoado Dico Cordeiro: Pedra Grande, Sítio Novo, Catucá, Mandiocal, Bom Princípio II, Bom Princípio I e Taboca; Rota IV, MA-245 (Estrada de Lago da Pedra): Copem, Aldeia do Odino, Boa Vista, Bomba, Brejinho,  Barraca do Açude e São Paulo Apóstolo e Rota V, Br-316 (Sentido Santa Inês): Bambu, Bambu Velho, Centro da Damiana,  Centro dos Lemos, Mata Fome, Vila Nova, Alto Alegre do Acelino, Cordeiro e Lombada.
O início do policiamento está previsto para 15 (quinze) dias, uma vez que as fardas confeccionadas ainda não chegaram, revisão completa na viatura empregada e adesivação. Os policiais num total de 13 (treze) comandados pelo Tenente Araújo, inicialmente, usarão coletes, pistolas.40 e fuzil.
O comandante do 15º BPM, Tenente-coronel Egídio, destacou a importância desta modalidade de policiamento, uma vez que atuará em diversas frentes, dando uma sensação de segurança a esta população, ora, um tanto esquecida. E principalmente, coibindo atos como a ação de estelionatários e agiotas, que agem de má fé, se utilizando de forma covarde, de nomes, dados pessoais e cartões de benefício social desse povo humilde, concluiu.

Motorista que foi esquartejado em SP queria ‘dar um susto’ na amante e pensava em comprar arma

Da Veja
O motorista Álvaro Pedroso, de 55 anos, é o homem esquartejado que teve partes do corpo espalhadas em Higienópolis, na Zona Oeste de São Paulo, e a cabeça na Praça da Sé, em março. Um teste de DNA realizado com familiares confirmou a identidade da vítima. O caso está em segredo de Justiça no Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). A suspeita é de que uma amante, que seria uma garota de programa, tenha mandado matar a vítima por vingança. Segundo as investigações, ela foi flagrada por câmeras de segurança passando pela região do Cemitério da Consolação no dia em que um morador de rua distribuiu partes do corpo no bairro.
Após o desaparecimento de Pedroso, no dia 23, foram encontrados três sacos de lixo deixados em pontos diferentes perto do Cemitério da Consolação, com pernas, braços e tronco. No dia 27, uma cabeça foi achada na Praça da Sé por um morador de rua - a quatro quilômetros do ponto onde foram localizados os sacos plásticos com as outras partes do corpo.
A cabeça foi analisada por uma equipe do Laboratório de Arte Forense da Polícia Civil, do Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP). A polícia confirmou que era da mesma vítima. Um retrato falado, feito por computador com fotos da cabeça e uma tomografia do crânio, foi comparado às características de desaparecidos registrados em boletins de ocorrência. A família da vítima, que mora na Zona Sul, foi então chamada e reconheceu a imagem.
Álvaro Pedroso é descrito por colegas de trabalho como um homem tranquilo e reservado. No bar em frente à garagem da empresa Mobi Brasil, no bairro de Diadema, na Zona Leste de São Paulo, onde trabalhou por mais de dez anos, foi visto poucas vezes. Parava raramente para tomar um café preto antes de entrar no trabalho; na saída, às vezes, passava no restaurante ao lado para comer um churrasquinho. Momentos como esses faziam parte de sua rotina, a mesma há cerca de três anos e meio, quando finalmente conseguiu passar no teste para motorista e deixar o cargo de fiscal, após três reprovações seguidas. 
Pedroso subia ao volante todos os dias ainda de madrugada, antes das 6h da manhã, dirigia por cerca de 20 quilômetros na linha 5129 (Jardim Miriam-Guarapiranga) e só parava por volta do meio-dia.  Diferente da maioria dos colegas de trabalho, Pedroso quase nunca levava marmita de casa. Ele preferia comer coxinha com café na primeira parada do dia, por volta das 9h, no bar próximo ao ponto final da linha que operava, no centro de Diadema. 
No último dia que trabalhou, na sexta-feira anterior ao dia que desapareceu, em 22 de março, Pedroso foi visto pelos colegas pela última vez às 14h. A cobradora de ônibus que trabalhou com o motorista por mais de três anos, que não quis se identificar, disse não ter percebido nada de diferente em seu comportamento. Ela conta que eles já haviam conversado sobre a relação extraconjugal de Pedroso, mas não sabia mais detalhes. “Não sei onde ele a conheceu, não era ninguém aqui do trabalho.”
Outro colega, também anônimo, revelou que Pedroso andou comentando sobre a possibilidade de comprar uma arma. Ele andava contrariado com as chantagens da amante e queria “dar um susto nela”. Ele morava com a mulher e um casal de filhos em uma casa no bairro Cidade Ademar próximo ao parque Nabuco, na Zona Sul de São Paulo.

ATENÇÃO! regras para identificação de passageiros em ônibus e trens foram alteradas e já estão em vigor

Arquivo//Terminal Rodoviário de Bacabal
A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou no Diário Oficial da União da última quarta-feira (16) novas regras para a identificação de passageiros dos serviços de transporte rodoviário e ferroviário. A medida define critérios para identificação de crianças, adolescentes, índios e responsáveis por menores de idade, além de discriminar os documentos aceitos para comprovação de identidade.
Antes, não havia um rol de documentos definidos que poderiam ser apresentados pelos passageiros no momento do embarque. Agora, há um rol de documentos de identificação para brasileiros, estrangeiros e índios, segundo a respectiva faixa etária (criança, adolescente ou maior) e conforme o destino da viagem, se nacional ou internacional.
De acordo com a resolução, criança é o passageiro com até doze anos de idade incompletos, e adolescente é aquele que possui entre doze e dezoito anos incompletos. Pelas novas regras, responsável por menor desacompanhado de pai e mãe deve estar legal ou judicialmente autorizado a acompanhar a viagem, excetuando-se alguns casos.
Em viagens nacionais, a identificação da criança será atestada por meio de carteira de identidade, passaporte ou certidão de nascimento. Nenhuma criança poderá viajar para fora da área de onde reside desacompanhada dos pais ou responsáveis, sem expressa autorização judicial. É permitida a viagem de criança acompanhada de maior, se expressamente autorizado pelo pai, mãe ou responsável. Porém, caso o deslocamento aconteça para áreas contíguas a da residência da criança, na mesma unidade da Federação ou incluída na mesma região metropolitana, fica dispensada a autorização.
Em viagens internacionais, a criança só poderá viajar na companhia de um dos pais, caso porte autorização expressa do outro, com firma reconhecida. Sem prévia e expressa autorização judicial, nenhuma criança ou adolescente nascido em território nacional poderá sair do País em companhia de estrangeiro residente ou domiciliado no exterior, que não sejam pais ou responsável pelo menor.
São documentos válidos para a identificação do brasileiro, maior ou adolescente a Carteira de Identidade (RG), a Carteira de Identidade emitida por conselho ou federação de categoria profissional, com fotografia e fé pública em todo território nacional, a Carteira de Trabalho, o Passaporte Brasileiro e a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) com fotografia, dentre outros.
Para os índios, além desses documentos de identificação, é necessária autorização de viagem expedida pela Fundação Nacional do Índio (FUNAI) ou outro documento que o identifique, emitido pela mesma entidade.
Os passageiros de fora do país em viagens no Brasil deverão apresentar Passaporte Estrangeiro, Cédula de Identidade de Estrangeiro, Identidade Diplomática ou Consular ou outro documento legal de viagem.
Para viagens nacionais, há algumas novidades que merecem ser destacadas. Passa a valer a partir de agora a cópia autenticada em cartório dos documentos de identificação. Pela regra anterior, apenas eram aceitos os documentos originais. Além disso, em caso de extravio, furto ou roubo do documento de identificação, poderá ser apresentado um Boletim de Ocorrência emitido há menos de 30 dias. Essa novidade não estava prevista na antiga regra para embarque de passageiros do transporte terrestre.
As novas normas definem também uma regra de transição para as transportadoras que ainda não utilizam o novo modelo de Bilhete de Passagem, previsto na Resolução ANTT nº 4.282, de 17 de fevereiro de 2014. Até que a empresa se adeque às novas regras dessa resolução, o Bilhete de Passagem deverá ser acompanhado da Ficha de Identificação de Passageiro – FICHA, que deverá conter nos campos especificados o nome da transportadora, a cidade de origem, a cidade de destino, o nome do viajante, o número do bilhete de passagem, o número da poltrona, o número do documento de identidade e o órgão expedidor.
A resolução entrou em vigor na quarta-feira, dia 16 de abril.

quinta-feira, 17 de abril de 2014

Tentativa de homicídio no bairro Trizidela, em Bacabal

Um homem identificado como Adauto, morador do bairro Alto Bandeirante, foi alvejado por três tiros de arma de fogo. A tentativa de homicídio ocorreu por volta das 23 horas desta quinta-feira (17), na rua dos Prazeres, bairro Trizidela.

A Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência estiveram no local. Após receber os primeiros atendimentos a vítima, que seria usuária de drogas, foi encaminhada ao Pronto Socorro Municipal.

O autor do crime ainda não foi identificado.

ELEIÇÕES 2014: PCdoB alerta sobre divulgação de falsas pesquisas

Em nota assinada por Márcio Jerry Saraiva Barroso, presidente do diretório estadual, o Partido Comunista do Brasil alerta sobre divulgação de pesquisas e suas consequências para os infratores.

A iniciativa se deu em razão do jornalista Claudio Humberto ter publicado em sua coluna, na quinta-feira (17), números de uma pesquisa interna do PMDB/MA que, segundo o PCdoB/MA, são inverídicos e tem a nítida intenção de confundir o eleitorado maranhense sobre a sucessão estadual. Abaixo seguem trechos da nota.

"Não há nenhuma pesquisa sobre o atual cenário eleitoral no Maranhão registrada no TSE/TRE, portanto qualquer divulgação é absolutamente ilegal e passível de punição;

Recorrer a divulgação de falsas pesquisas é expediente que afronta a sociedade e agride a seriedade que se quer dos políticos num pleito tão importante como é o que escolherá o governador do Maranhão;

Lamentamos que tais fatos ainda ocorram, ao mesmo tempo que anunciamos que tais práticas serão levadas ao conhecimento da Justiça para as devidas providências".

Márcio Jerry Saraiva Barroso
Presidente do PCdoB/MA

Publicidade

Publicidade