Páginas

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

FATALIDADE! Incidente envolvendo eletricista em comício de Roberto Costa quebra clima da festa de encerramento da campanha eleitoral em Bacabal

O clima de euforia que tomava conta da população antes da realização do comício de encerramento da coligação Bacabal Rumo ao Futuro,  que tem Roberto Costa como candidato a prefeito de Bacabal, foi quebrado poucos minutos antes da festa começar.

O eletricista Antonio Marcos Coelho Silva que prestava serviço no local acabou caindo de cima de um poste de iluminação, vindo a bater a cabeça no chão. Imediatamente socorrido ele foi encaminhado ao Pronto Socorro Municipal e, logo em seguida, levado para o recém-inaugurado Hospital Regional Laura Vasconcelos, de onde, para surpresa de todos, teve que seguir à uma clinica particular para realizar exame de tomografia.
Após constatado o trauma o paciente foi transferido para uma unidade de saúde de outro município, como já vinha acontecendo há bastante tempo e que leva a população à seguinte conclusão: pelo menos por enquanto, o tão badalado hospital do estado está servido tão somente como mais uma “casa de passagem”, tarefa que o Pronto Socorro Municipal já desempenhava.

Depois de prestar todo auxilio ao paciente e sua família, ainda abalado com o ocorrido, o candidato Roberto Costa acompanhado de toda sua equipe retornou à estrada da Bela Vista onde o comício ocorreu rapidamente com bem menos empolgação e debaixo de muita chuva.
EM TEMPO: Nas redes sociais coordenadores da campanha esclareceram que o eletricista estava usando equipamento de segurança, como botas, luvas e o cinto, que teria se soltado ou arrebentado.

quinta-feira, 29 de setembro de 2016

Secretário Kelcimar Virgino tira funcionários da saúde de seus postos de trabalho para ouvir discurso do deputado Carlinhos Florêncio, um dos coordenadores do consórcio

 O deputado estadual Carlinhos Florêncio (PHS) que até hoje não se dispõe a denunciar na tribuna da Assembleia Legislativa o atraso no pagamento dos servidores públicos municipais, até em função do contrato celebrado entre sua família e a prefeitura de Bacabal no valor de R$ 300 mil, na manhã desta quinta-feira (29) esteve comandando uma reunião ao lado do secretário de saúde Kelcimar Virgino e membros da família Veloso com servidores da saúde que foram convocados a deixarem seus postos para ouvirem o discurso do deputado que teceu vários elogios ao prefeito Zé Alberto e responsabilizou seus adversários pelo caos no município.
 
Carlinhos em nenhum momento citou o caso da eminente paralisação do SAMU.

E MAIS

Portal da Transparência acaba de divulgar informações sobre novos repasses de recursos federais a estados e municípios realizados por meio de convênios. O objetivo da divulgação desses dados é ampliar a transparência pública e estimular a participação e o controle social.

Estamos de olho!

Nos últimos dias o município tem recebidos milhões oriundos do Governo Federal e  a preocupação de todos, sobretudo dos servidores, é qual destino esse dinheiro terá.

Os dados do convênio abaixo foram extraídos do SIAFI, no dia 25/09/2016.

Bacabal, por exemplo, recebeu seu no último dia 19 de setembro R$ 1.312.004,64 (Um milhão, trezentos e doze mil, quatro reais e sessenta e quatro centavos).

O valor total do convenio celebrado entre o Ministério das Cidades e a Prefeitura de Bacabal é de R$ 28.682.164,03 (vinte e oito milhões, seiscentos e oitenta e dois mil, cento e sessenta e quatro reais e três centavos).

Mega comício e carreata marcam a quarta-feira da última semana de campanha eleitoral em Bacabal

Foto: Denise Marques/Povoado Brejinho.
Há poucos dias do pleito eleitoral que definirá os próximos prefeitos, vice-prefeitos e vereadores dos municípios brasileiros, os candidatos intensificam a campanha e todos tentam ao máximo impressionar o eleitorado, sobretudo os indecisos.

Em Bacabal, apesar de registrar 8 concorrentes ao cargo de prefeito, a disputa permanece polarizada entre o deputado estadual Roberto Costa (PMDB) e o ex-prefeito Zé Vieira (PP), que mesmo tendo seu pedido de registro de candidatura negado pela Justiça Eleitoral, continua fazendo campanha sustentado em recurso que interpôs e será analisado por outras instâncias.

Carreata do 11

Enquanto isso, ele aproveita para realizar comícios e outros eventos de campanha, como a carreata que aconteceu na tarde/noite desta quarta-feira (28) pelas principais ruas do centro de Bacabal.
Comício do 15

À noite, Roberto Costa esteve participando também de uma carreata e de mega comício no povoado Brejinho, zona rural. Como é possível observar nas imagens divulgadas pela assessoria de imprensa de sua campanha, o evento comprovou sua força na região, que cresceu mais ainda depois que passou a contar com o apoio do vereador Reginaldo do Posto que tem sua principal base política em São Paulo Apostolo, povoado próximo. 

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

ELEIÇÕES 2016: Candidatos com registro indeferido com recurso não terão seus votos computados, garante o TSE


Os candidatos das eleições municipais 2016 que concorrerem neste domingo (2) com o registro indeferido e que tenham ingressado com recurso não terão seus votos computados, salvo se houver decisão final pelo deferimento de seus registros. Isso significa que, mesmo que tenham recebido votação suficiente para serem eleitos, somente terão seus votos contabilizados e poderão ser diplomados se tiverem seus registros aprovados pela Justiça Eleitoral.

Conforme jurisprudência consolidada do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), não se computam para a legenda os votos dados aos candidatos com os registros indeferidos à data da eleição, ainda que a decisão no processo de registro só transite em julgado após o pleito. Apesar de não serem contabilizados, os votos dos candidatos nessa situação ficarão armazenados separadamente e poderão ser consultados por eleitores e demais interessados.

Se após o pleito o juízo eleitoral proferir decisão pelo deferimento dos registros desses candidatos, os votos recebidos por eles passarão a ser computados. Dessa forma, na hipótese de o concorrente ter obtido votação suficiente para ser eleito, ele deverá ser diplomado pela Justiça Eleitoral. A diplomação dos candidatos eleitos deverá ocorrer até o dia 19 de dezembro.

Caso a decisão seja pelo indeferimento do registro, os votos recebidos serão anulados pela Justiça Eleitoral, em conformidade com o parágrafo 3º do artigo 175 do Código Eleitoral (Lei nº 4.737/1965). O dispositivo estabelece que: “Serão nulos, para todos os efeitos, os votos dados a candidatos inelegíveis ou não registrados”.

Votos nulos X votos anulados

Os votos anulados pela Justiça Eleitoral em consequência de decisão final pelo indeferimento de registro de candidatura podem acarretar novas eleições na seguinte situação: se a nulidade atingir a mais de metade dos votos do país nas eleições presidenciais, do estado nas eleições federais e estaduais ou do município nas eleições municipais. Nestes casos, deverão ser julgadas prejudicadas as demais votações e o respectivo tribunal marcará dia para nova eleição dentro do prazo de 20 a 40 dias.

A regra está prevista no artigo 224 do Código Eleitoral, que sofreu algumas mudanças com a Reforma Eleitoral de 2015 (Lei nº 13.165). Uma das alterações está prevista no parágrafo 3º do dispositivo, segundo o qual deverão ser realizadas novas eleições sempre que houver, independentemente do número de votos anulados e após o trânsito em julgado, “decisão da Justiça Eleitoral que importe o indeferimento do registro, a cassação do diploma ou a perda do mandato de candidato eleito em pleito majoritário”.

No caso de serem realizadas novas eleições, elas deverão ser: indiretas [escolha do representante pelo respectivo Poder Legislativo], se a vaga do cargo surgir a menos de seis meses do final do mandato; ou diretas, nos demais casos.

Já os votos nulos são consequência da digitação, pelo eleitor, de um número que não corresponda a nenhum dos candidatos registrados naquela eleição. Em resumo, são votos considerados não válidos, assim como os votos em branco, e, por isso, não são computados para nenhum candidato. Cabe ressaltar que apenas os votos válidos são contabilizados.

Prefeito de Bacabal “decreta feriado municipal” e determina que funcionários participem de carreata política

Repartições públicas do município fecharam as portas para que
funcionários participassem de evento político do candidato do prefeito.

O prefeito de Bacabal Zé Alberto (PRB), mesmo sendo forçado a desistir de concorrer à reeleição em função da alta rejeição popular, não deixou de fazer parte da disputa eleitoral e tem se dedicado ao máximo para eleger seu sucessor. Como havia dito o Blog do Sérgio Matias na postagem - Mesmo com servidores quase passando fome com salários em atraso, Zé Alberto e família Veloso entram de cabeça em campanha eleitoral para eleger novo prefeito de Bacabal – ele chegou inclusive a determinar que todo seu grupo político e servidores contratados do município se engajassem e declarassem o voto abertamente. Daí então, o apoio que era feito na clandestinidade, passou a ser às claras.

 

Empolgado, Zé Alberto não só impôs que o empresário Gilberto Lacerda passasse a fazer parte da coordenação da campanha de Zé Vieira, como também passou a desfilar pela cidade com seus carros de luxo todos adesivados, o que repercutiu negativamente e deixou os servidores da prefeitura que estão com salários em atraso bastante indignados, com a leve impressão que seus vencimentos estão tendo outro destino que não suas contas bancárias.

Com isso, não demorou muito para Zé Alberto voltar a dar seu apoio às escondidas, tendo inclusive retirado os adesivos dos seus candidatos, porém, mantendo a mesma interferência no que tange à liberdade de escolha dos servidores, coagidos pelos secretários e ameaçados de demissão sem sequer receber os salários atrasados.

Para piorar, o prefeito de Bacabal resolveu decretar uma espécie de “feriado municipal”, fazendo com que parte das repartições públicas fechasse as portas e seus funcionários obrigados a participarem de carreata política marcada para acontecer na tarde desta quarta-feira (28).

Conselho Regional de Medicina do Maranhão denuncia ameaça de paralisação do SAMU de Bacabal

Sem manutenção, ambulâncias estão virando sucatas enquanto a população fica sem assistência.

O presidente do Conselho Regional de Medicina do Maranhão ( CRM/MA), Abdon Murad, anunciou nesta terça-feira (27) que os profissionais de saúde que atuam no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência ( Samu) da cidade de Bacabal, decidiram suspender as suas atividades, por tempo indeterminado, a partir de 1º de outubro.

Os profissionais alegam que não receberam o salário de agosto e, portanto, estão sem condições de cumprirem a jornada de trabalho. Por meio de comunicado ao CRM, ao delegado de Polícia de Bacabal, à Secretaria Municipal de Saúde, e à diretoria da Samu, o corpo médico fez denúncias sobre a situação da unidade de saúde onde atuam.

Segundo o corpo médico do Samu, as ambulâncias estão sucateadas, faltam medicamentos e as condições de trabalho são precárias, colocando em risco a vida de pacientes e dos profissionais de saúde envolvidos.

“ Diante da situação em que se encontra o Samu de Bacabal, o Conselho Regional de Medicina vai tomar as providências junto aos órgãos competentes. O problema requer soluções urgentes. Os profissionais precisam ter os seus salários regularizados e o Samu deve oferecer boa qualidade de serviços para a população”, afirmou Abdon Murad.

E mais...

Na manhã da terça-feira, do dia 13 de setembro, a motocicleta conduzida por Arthur Lopes Sousa, de 79 anos de idade, foi atingida por um carro quando ele cruzava a pista da rodovia BR-316, próximo ao Supermercado Carvalho, em Bacabal. Na queda, o comerciante machucou a cabeça e foi levado para o Pronto Socorro Municipal.

Já no início da noite, por precaução, a família foi orientada a transferi-lo para um hospital com maior poder de resolutividade, entretanto, não havia na cidade nenhuma ambulância disponível.

Umas haviam seguido viagem com outros pacientes e as demais estavam paradas por problemas mecânicos. Para evitar o pior, foi requisitada a ambulância do vizinho município de Lago Verde.

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Mulher comete suicídio por enforcamento em Bacabal

Na noite desta terça-feira (27), Francisca das Chagas Silva Galeno, de 30 anos, deu cabo à própria vida utilizando uma corda amarrada no caibro do telhado da residência onde morava, na rua 7 de Setembro, bairro Madre Rosa, em Bacabal.

Francisca das Chagas era evangélica e há algum tempo demonstrava o desejo insano de cometer suicídio. Segundo informações, isso passou a acontecer depois que ela perdeu seus pais.

segunda-feira, 26 de setembro de 2016

ELEIÇÕES 2016: Aplicativo desenvolvido pela Justiça Eleitoral esclarece qual destino terá os votos dados à Zé Vieira, em Bacabal

Nesta semana - a última antes das eleições municipais - a Justiça Eleitoral disponibilizou para download gratuito mais três dos seus aplicativos para dispositivos móveis como smartphones e tablets.

São 11 no total e dentre eles podemos destacar o Resultados, que permite ao cidadão acompanhar, em tempo real, a apuração dos votos, a partir das 17 horas do domingo, dia 2 de outubro.

Ao acessar, uma das primeiras coisas a fazer é escolher a abrangência da sua consulta. Para mostrar como exemplo, o Blog do Sérgio Matias selecionou Bacabal para que tenhamos uma noção de como o aplicativo funcionará no dia das eleições.

Na tela Bacabal aparecem os nomes dos 8 candidatos a prefeito, seus números, partidos e respectivas coligações. Porém, um detalhe serve como divisor de águas para uma ampla e acalorada discussão que teve inicio desde quando Zé Vieira (PP) teve seu pedido de registro de candidatura negado pela juíza Daniele de Jesus Bonfim Ferreira, da 13ª Zona Eleitoral, e que lhe deixou Inapto e Indeferido.

Pouco dias depois, o candidato – através de seus advogados - interpôs recurso contra essa decisão e passou a aguarda julgamento por instância superior, que, a princípio vai ocorrer no Tribunal Regional Eleitoral e, quem sabe, pode ter seu desfecho final apenas no Supremo Tribunal Federal, mas isso já depois das eleições.

O certo, é que desde a negativa do registro, a candidatura de Zé Vieira passou a ser colocada em xeque e sua viabilidade é vista com enorme desconfiança pela maioria dos eleitores.

Atualmente, no Sistema de Divulgação de Candidaturas do TSE, a situação do ex-prefeito de Bacabal aparece como Indeferido com recurso, termo usado para candidato julgado não regular por não atender as condições necessárias para o deferimento do registro, que recorreu da decisão. Mas, o que na verdade confunde a cabeça de parte dos eleitores, sobretudo daqueles que pretendem votar em Zé Vieira, é o fato de que no mesmo sistema ele aparece como Apto, candidato habilitado para ser votado na urna eletrônica, e isso foi o bastante para seus correligionários rebaterem as afirmações sobre sua real situação na disputa eleitoral.

Voto nulo

Enquanto juristas interpretam leis e leigos emitem opiniões, o aplicativo desenvolvido pela própria Justiça Eleitoral esclarece essa dúvida.

Na tela, abaixo da palavra Prefeito há duas opções: Todos - onde se observa a relação de todos os candidatos a prefeito, inclusive Zé Vieira, e se o usuário do aplicativo prestar bastante atenção vai ver que o caso do ex-prefeito difere dos demais. Enquanto os outros 7 concorrentes aparecem com a descrição: 0 votos (0,00%), abaixo do nome de Zé Vieira estão escritas as palavras Nulo ou Anulado. 
A tela abaixo explica essa situação ainda melhor.

Nulos e Anulados: Os candidatos listados não tiveram seus votos válidos devido à sua situação jurídica ou à do seu partido.  Observe que nesta condição só aparece o nome de Zé Vieira.
Aprenda a baixar i aplicativo "Resultados".

PIO XII: Polícia Civil investiga caso dos dois corpos carbonizados encontrados dentro de porta-malas de veículo incendiado

Por volta das 14 horas deste domingo (25) a Polícia Militar do Maranhão foi acionada via telefone e informada que na estrada de acesso ao povoado Cordeiro, município de Pio XII, havia um veiculo pegando fogo. Ao chegar ao local a guarnição constatou a veracidade da denúncia e pediram ajuda aos funcionários de uma fazenda próxima, os quais de imediato utilizaram um carro-pipa e apagaram as chamas.

Dentro do veículo, de placa JFO-1400, Imperatriz-MA, foram encontrados dois corpos carbonizados no banco traseiro. Segundo informações colhidas de algumas pessoas que passavam no momento do fato, seis elementos em três motocicletas seriam os autores do crime e teriam fugido sentido Bacabal.

Até o momento ninguém foi preso, nem as vítimas identificadas.

A Polícia Civil continua investigando o caso.

CADÊ O DINHEIRO QUE TAVA AQUI? Moradores da zona rural de Bacabal interditam ponte de madeira preste a cair

Foto: Reprodução/Portal da Transparência.
De acordo com dados publicados no Portal da Transparência, por intermédio do Ministério da Integração Nacional, o  Governo Federal repassou aos cofres públicos do município de Bacabal – no último dia 13 de setembro - o valor de R$ 1.064.000,00 (Um milhão e sessenta e quatro mil reais) para recuperação e implantação de estradas vicinais na zona rural.

Os dados do convênio aqui relacionados foram extraídos do SIAFI, no dia 18/09/2016 e tem o objetivo de ampliar a transparência pública e estimular a participação e o controle social.

Vale lembrar que esse valor citado acima é parte dos R$ 2.660.000,00  (Dois milhões, seiscentos e sessenta reais), valor total do convênio nº777232.
Ponte que dava acesso aos povoados Campinho e Areal II,
na baixada bacabalense.
O curioso é que, apesar desse montante vultoso, inúmeras comunidades da zona rural, sobretudo da região da baixada, estão ainda sendo obrigadas a agir por conta própria para evitar o pior. Um exemplo desse descaso foi mostrado pelo candidato a vereador Fábio da Van em sua página no Facebook. “Essa ponte na baixada, que meses atrás fiz um vídeo falando que a qualquer momento poderia cair, foi obrigado a população interditar antes que acontecesse o pior..., denunciou. ASSISTA VÍDEO.

ELEIÇÕES 2016: ESCUTEC fará pesquisa em Bacabal para avaliar tendência do eleitorado

A Escutec tem acompanhado a tendência do eleitorado em praticamente todos os municípios maranhenses, essa semana é a vez de Bacabal. De acordo com o instituto, a pesquisa acontece nos próximos dias 27 e 28 de setembro.


Esclarecimento

 

No seu site oficial a Escutec esclareceu a questão relacionada ao erro que havia no questionário, na pergunta que avalia a administração de José Alberto Veloso. Na nota, ela diz ter sido induzida ao erro em virtude da página do TSE na internet constar Roberto Costa como candidato a reeleição.

No primeiro questionário, na pergunta que avalia a administração municipal, havia o nome de Roberto Costa como prefeito de Bacabal ao invés de Zé Alberto. 

O instituto de pesquisa enfatiza que o erro foi corrigido e um novo registro já foi feito. Veja abaixo.

O erro no questionário foi corrigido e a pesquisa ocorrerá normalmente.

domingo, 25 de setembro de 2016

Dr. Lula faz caminhada na reta final da campanha para vereador em Bacabal


O médico Dr. Lula é um dos mais organizados candidatos a vereador de Bacabal. Está fazendo uma campanha limpa e que se destaca por arregimentar um bom número de simpatizantes que o acompanham em todas as visitas aos eleitores.

Dono de uma simpatia sem igual, Lula conta também com a experiência do pai, o zootecnista e ex-vereador Valber Oliveira de Carvalho, o Professor Bibi.

A união de toda a família em torno do seu nome tem mostrado ao eleitor uma imagem de sobriedade transmitindo confiança.

Na manhã deste domingo (25) ele promoveu caminhada para intensificar a divulgação de sua candidatura e se mostrou bastante feliz com a receptividade da comunidade: “Chego à reta final dessa campanha satisfeito em todos os aspectos. Pelos caminhos que palmilhei apresentei minhas propostas e pude abraçar muitos cidadãos e cidadãs bacabalenses que, assim como eu, clamam por melhores dias, sobretudo na área da saúde, onde, como médico, tenho feito o que posso para amenizar os muitos problemas. Respaldado pelo voto da população, certamente estarei na Câmara Municipal me dedicando diuturnamente para honrar a confiança de cada um”, disse. 

Motocicletas se chocam de frente em avenida de Bacabal

Pedro Bernardo Carvalho Sousa, de 52 anos de idade, morador do bairro Pedro Brito, foi uma das vítimas do acidente automobilístico ocorrido no final da tarde deste domingo (25).

Ele conduzia uma das duas motocicletas que se chocaram de frente na estrada da Bela Vista, em Bacabal. O outro veículo era conduzido por uma mulher ainda não identificada pelo Blog do Sérgio Matias, e que também ficou ferida, porém, com menos gravidade.

Pedro Bernardo foi socorrido e encaminhado ao hospital em um carro particular que passava pelo local.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...